O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Enfrentamento

Prefeitura oferece cremação a vítimas de coronavírus

Família de M.A.C.L, que morreu de Covid na terça-feira (19), já usou o serviço gratuito

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Gratuito. Município oferece serviço de cremação após firmar parceria com empresa de Belo Horizonte
Gratuito. Município oferece serviço de cremação após firmar parceria com empresa de Belo Horizonte
PUBLICADO EM 21/05/20 - 22h08

A Prefeitura de Betim está oferecendo a cremação gratuita de vítimas do novo coronavírus (Covid-19), durante esse período da pandemia, seguindo todos os protocolos sanitários internacionais. 

Nesta semana, a família de M.A.C.L., de 23 anos, que morreu vítima de Covid-19 na terça-feira (19), foi a primeira a utilizar o serviço gratuitamente. O jovem, que estava internado desde o dia 6 de maio no Centro de Cuidados Intensivos (Cecovid), no Centro Materno-Infantil, foi cremado na última quarta-feira (20). 

Para oferecer o serviço, a prefeitura firmou Termo de Ajustamento Municipal (TAM) com a empresa responsável pelo Cemitério Parque Bosque da Esperança, em Belo Horizonte, para a instalação de um crematório na cidade, que já está funcionando no bairro Jardim Piemonte. 

Como contrapartida, a empresa realiza a cremação sem ônus para as famílias que optarem pelo processo, de todos os corpos cuja causa da morte for suspeita ou confirmada por Covid-19, durante o período da pandemia. Além das vítimas de coronavírus, o município terá, em contrapartida, dez cremações por mês, ao longo de dois anos, que podem ser destinadas a famílias de baixa renda e que não tenham a mínima condição de arcar com funerais. Em todas as situações, as cinzas serão entregues para os familiares entre cinco e sete dias depois do procedimento.

A medida emergencial segue a Nota Técnica da Vigilância à Saúde, que apresenta orientações relacionadas a funerárias, velórios, salas de autópsia, transporte e cuidados com o corpo após morte suspeita ou confirmada por coronavírus. “O município de Betim já oferecia a isenção das taxas de sepultamento e do kit funeral para famílias de baixa renda e agora passou a disponibilizar, por meio de contrapartida, a cremação para vítimas da Covid e para as famílias de baixa renda. Os familiares de M.A.C.L. nos procuraram e manifestaram interesse de usar o serviço. Então, nós orientamos os procedimentos necessários para que acontecesse a cremação”, afirmou a secretária municipal de Assistência Social, Fabiane Quintela, a Bia.

A iniciativa da prefeitura em oferecer a cremação de pessoas que por ventura falecerem em decorrência da Covid-19 visa garantir mais segurança aos profissionais que trabalham com a manipulação dos corpos, já que a alta carga viral que acompanha o óbito se apresenta como fator de risco.

Atendimento 
Segundo o secretário municipal de Saúde, Guilherme Carvalho, o paciente M.A.C.L recebeu todo o atendimento necessário no Cecovid, que fica no Centro Materno-Infantil. “No mesmo dia em que deu entrada na UPA, no dia 6, com quadro de insuficiência respiratória, o paciente foi encaminhado para o Cecovid. Ele estava internado em um leito com todos os equipamentos necessários e foi tratado com todos os medicamentos preconizados para Covid-19, mas infelizmente não resistiu”, afirmou Carvalho, que acrescentou que o jovem não tinha nenhuma comorbidade. 

Cidade tem 57 casos confirmados

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, 57 pacientes foram diagnosticados com a Covid-19 na cidade, sendo que 29 estão recuperados. Outros 21 estão em acompanhamento.  Quatro óbitos foram contabilizados pelo município, sendo que dois deles não aconteceram na cidade, mas são registrados como Betim porque as pessoas tinham residência fixa no município.

Segundo o secretário de Saúde, a situação epidemiológica do município está estável e até considerada baixa em relação a outras cidades. “O número de casos confirmados tem seguido uma tendência de crescimento da curva, que já era esperado pelas características do próprio vírus, que é de fácil propagação. Isso também acontece pela ampliação dos exames realizados no município. Com isso, as confirmações devem aumentar, mas a cidade continua com uma situação epidemiológica estável”.

Nessa quinta (21), havia 15 pacientes no Centro de Cuidados Clínicos (hospital de campanha, no Fiat Clube), dos 120 leitos, e outros 18 no Centro de Cuidados Intensivos (no centro materno-infantil), que tem 50 leitos de UTI.

Rádio Super

O que achou deste artigo?
Fechar

Enfrentamento

Prefeitura oferece cremação a vítimas de coronavírus
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter
Log View