O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Em Betim

Vittorio Medioli amplia diferença sobre eventuais adversários

Vantagem atual entre o prefeito e a segunda colocada chega a 42,5%, mostra pesquisa

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Urna Eletrônica
Pesquisa ouviu 1.002 moradores de todas as regiões de Betim
PUBLICADO EM 14/07/20 - 23h20

Assim como no mês de maio, a pesquisa do Instituto CP2 que avaliou a gestão municipal também questionou em quem a população votaria se as eleições municipais fossem hoje. O prefeito Vittorio Medioli (PSD) seria reeleito em todos os cenários testados pela pesquisa. 

De acordo com o levantamento da CP2, em um cenário estimulado (aquele em que os nomes dos principais pré-candidatos são apresentados), o atual prefeito aparece em primeiro lugar, com 55,2% das intenções de voto (antes eram 53,1%). 

Maria do Carmo Lara (PT) ficaria em segundo, com 12,7% (antes, ela tinha 14,7%). Carlaile Pedrosa (PSDB) apareceria em terceiro, com 8,8% (antes, o tucano tinha 8,6%). Quem votaria em branco, nulo ou em nenhum candidato somaria 7,9% (antes, essa fatia do eleitorado representava 10,4%). Ivair Nogueira (MDB) aparece com 3% (sendo que antes ele tinha 2,4%). Vinícius Resende (Rede) tinha antes 3,4% das intenções de voto, mas agora possui 2,9%. Júnio Araújo (Solidariedade), aparece com 1,9%, e Álvaro Amaral (PP), com 0,9%. Elias do Nascimento (Pros) e Xaropinho (MDB) aparecem com 0,7%, cada um. 

No levantamento espontâneo, em que os nomes não são apresentados ao entrevistado, Vittorio também apresentou crescimento em relação à pesquisa feita em maio: na atual, ele aparece com 43,9% (antes eram 40,6%), seguido por Maria do Carmo, com 4,8% (eram 4,7%) e Carlaile Pedrosa, com 3,1% (tinha 2,7%). Vinícius Resende caiu para 0,8% (antes, tinha 1,1%). Já Júnio Araújo foi citado por 0,4%. Os outros nomes somaram 2,1% das intenções dos entrevistados. 

Rejeição
Quando a pesquisa indaga aos pesquisados sobre quem são os candidatos mais rejeitados pela população betinense, o resultado é o seguinte: Maria do Carmo lidera o índice, com 32,2% dos apontamentos dizendo que não votariam nela. Ela é seguida pelo seu colega de partido, Jésus Lima, com 15,4% das citações. Carlaile segue em terceiro, com 12,2%, e Ivair, em quarto, com 9,3%. O prefeito Vittorio Medioli tem 5,9% de rejeição.

Cenários polarizados
A pesquisa também simulou situações de polarização. Entre confrontos com apenas dois candidatos, Vittorio venceria em todos os casos. 

Contra Maria do Carmo, o atual prefeito tem 67,8% das intenções de voto (antes eram 66,3%) contra 20,3% (antes, ela tinha 22,4%). Contra Carlaile, Vittorio tem 67,9% (antes, 65%) contra 17,5% (antes, o tucano tinha 19,6%). Já em cenário com Ivair, o prefeito aparece com 75,3% (antes: 72,7%) contra 11,2% (antes, ele tinha 12,2%). 

No confronto com Vinícius, o índice é de 72,6% (antes, 70,4%) para o prefeito contra 11,9% (antes, o médico tinha 14,3%). Com outros eventuais adversários, o placar é o seguinte: contra Álvaro Amaral: 77,0% (antes, 76,7%) a 5,6% (antes, 6,6%). Contra Junio Araújo: 76% (antes 76,6%) a 7,2% (antes, 9,5%). Contra Xaropinho: 78,2% (antes, 77,6%) para o atual prefeito a 5,4% (mesmo índice anterior), e contra Elias Nascimento (PRTB), 78,84% a 4,79%.

A pesquisa foi registrada com o número 10.762/2020 no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG)  tem nível de confiança de 95%.

Rádio Super

O que achou deste artigo?
Fechar

Em Betim

Vittorio Medioli amplia diferença sobre eventuais adversários
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório

Comentários (2)

Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter
Log View