O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Economia

Boston Scientific Corporation investe US$ 30 milhões em Contagem

Nova unidade na cidade será a única do mundo a produzir a válvula aórtica por implante transcateter; foram gerados 600 postos de trabalho

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
BS/DIVULGAÇÃO
Contagem foi escolhida pela Boston Scientific Corporation (BSC) para sediar sua primeira unidade no hemisfério sul.
PUBLICADO EM 01/11/19 - 16h18

Contagem foi escolhida pela Boston Scientific Corporation (BSC) para sediar sua primeira unidade no hemisfério sul. Projetado e construído para atender ao mercado global, o empreendimento foi inaugurado nesta quarta-feira (30). Com investimento de US$ 30 milhões, a nova unidade irá gerar 600 novos postos de trabalho. A Boston Scientific Corporation é uma das líderes mundiais em soluções médicas, atuando em 130 países, com mais de 13 mil produtos. A empresa tem 32 mil colaboradores e cerca de 30 milhões de clientes.

A solenidade de inauguração da unidade de Contagem contou com a presença do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Sant Clair Terres, do vice-presidente de Operações da Boston Scientific, Dan Zaic, de diretores da Boston Scientific, de profissionais da área da saúde, autoridades governamentais, fornecedores, clientes e colaboradores da empresa.

Com investimento 100% próprios, a nova unidade será a única do mundo a produzir a Acurate Neo, válvula aórtica por implante transcateter, desenvolvida conjuntamente na Suíça e no Brasil. A vantagem para o paciente é o fato de que o implante da válvula aórtica via cateter é minimamente invasivo, ao contrário da cirurgia de tórax aberto, que exige procedimentos complexos e de alto risco.

Segundo o secretário municipal Sant Clair Terres, a chegada de um grupo com alta dimensão e em posição de liderança mundial traz empregos, investimentos e uma relevância maior ao município. “Contagem recebe a Boston por oferecer uma excelente rota logística e um ambiente de negócios competitivo. Falar sobre a Boston é um motivo de comemoração para nós. A cidade está em festa por estarmos sediando uma grande empresa que chega em nosso município, trazendo desenvolvimento econômico, geração de emprego e, acima de tudo, trazendo inovação, uma empresa planejada no conceito de indústria 4.0”, salientou. Sant Clair destacou que o novo empreendimento está situado na Cidade Industrial, primeiro parque industrial projetado na América do Sul na década de 40. “A Boston traz, hoje, sua unidade para este distrito industrial, reafirmando sua importância, com mão de obra qualificada e possibilidade de expansão. É uma honra recebermos uma empresa que já investiu $1 bilhão de dólares em pesquisas”, comemorou.

Em seu pronunciamento, Mauricio Ortiz, presidente da Divisão Latino Americana Bostos Scientific, falou do incentivo recebido pelo corpo médico mineiro. “O meu êxito foi devido ao apoio dos profissionais que atuam em Minas Gerais, por isso, estamos hoje inaugurando esta unidade no estado. A América Latina provavelmente não será a maior vendedora da Boston Scientif, mas uma coisa é certa: nós iremos produzir para o mundo. Seremos relevantes porque todos os produtos da Boston, usados em todo os países, serão produzidos na América Latina. Eu acredito muito que hoje é o primeiro passo para começarmos no Brasil um sonho que sempre tivemos. Meu compromisso é ampliar as linhas de produção e passarmos de 1 mil para 3 ou 4 mil colaboradores no Brasil. Vamos ter os melhores funcionários e fazer de Contagem uma unidade promissora. Estou muito feliz em reencontrar tantos profissionais da área da saúde pela entrega de hoje. Vamos trabalhar com orgulho e sejam bem-vindos à família Boston”, comemorou Ortiz.

De acordo com o subsecretário de Promoção de Investimentos e Cadeias Produtivas da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Sede), Juliano Alves, é uma grande satisfação para o Estado de Minas Gerais poder participar de mais um novo capítulo do desenvolvimento econômico de Minas Gerais, que cada dia mais se afirma como estado difusor de novas tecnologias. “Não há outro caminho para a diversificação econômica que não seja da inovação e do conhecimento”. O subsecretário destacou a atuação do governo municipal. “A Prefeitura de Contagem não mede esforços para que este tipo de tecnologia aconteça com a rapidez necessária. Em 15 meses, um curto prazo, foi instalada uma empresa muito bem estruturada com pessoas qualificadas e empenhadas para seu sucesso. Minas Gerais trabalha com um modelo de governança diferenciado, as instituições conversam umas com as outras e é isso que facilita e torna viável este tipo de investimento”.

O diretor de Operações, José Barone, contou que a direção da empresa acreditou no potencial do Brasil, investiu recursos, deslocou profissionais especialistas de todo o mundo para a unidade de Contagem e foram auxiliados no projeto de expansão e na criação da fábrica. “A empresa não mediu esforços para nos integrar aos diversos sistemas administrativos que a Boston possui no mundo todo. Hoje, posso afirmar sem medo de errar que somos, sem nenhuma diferença, iguais a qualquer planta industrial da Boston no mundo inteiro. Para que todos tenham uma ideia do que fizemos e do time vitorioso, em 15 meses saímos de um projeto conceito, construímos uma fábrica e validamos e aprovamos nas agências reguladoras do Brasil e da Europa e, desde julho, iniciamos a produção de produtos clínicos para o mercado mundial. Contamos com o apoio de órgãos reguladores municipal, estadual e federal, que enxergaram a importância deste projeto, garantindo as revisões da nossa documentação em tempo hábil para que esse sonho pudesse ser realizado”, disse.

O faturamento global da BSC no ano passado foi de US$ 9,8 bilhões. A Boston Scientific já investiu quase US$ 1 bilhão em Pesquisa & Desenvolvimento. Das próteses fabricadas em Contagem, 98% serão exportadas para a Europa, Estados Unidos e Japão. Apenas 2% da produção devem ser absorvidos no Brasil. A Boston conta com um portfólio global com mais de 13 mil produtos nas áreas cardiovascular, neurológica, urológica, digestiva e respiratória.

O que achou deste artigo?
Fechar

Economia

Boston Scientific Corporation investe US$ 30 milhões em Contagem
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter