O Tempo
Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Sustentabilidade

Secretaria de Meio Ambiente e Vigilância Sanitária fiscalizam incineradora

Empresa do bairro Kennedy, em Contagem, já foi interditada e vereadores se mobilizaram esta semana

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
FACEBOOK/DIVULGAÇÃO
Secretaria de Meio Ambiente e Vigilância Sanitária fiscalizam incineradora no Bairro Kenedy
PUBLICADO EM 04/09/19 - 17h47

A prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), em conjunto com a Vigilância Sanitária, desencadeou na  terça-feira (3), mais uma operação de fiscalização na empresa Gruntec Serviços Ambientais Ltda.

A empresa, que atua na área de incineração de resíduos hospitalares é acusada, pelos moradores do bairro Kenedy, de lançar na atmosfera fumaça com mau cheiro durante suas atividades. Por conta do alto número de reclamações, a empresa foi alvo de audiência pública e de constantes diligências fiscalizadoras.

Recentemente, a empresa foi interditada pela Semad por não manter seu equipamento na temperatura ideal para a incineração. A empresa reabriu suas portas por força de liminar conseguida na justiça.

Nesta última operação, foi constatado que a empresa se encontra com as atividades paralisadas para realização de manutenção técnica, o que impossibilitou o monitoramento do funcionamento dos equipamentos. Foi feita então, a verificação da documentação da empresa, que se mostrou incompleta, como explica Anderson Gonçalves Resende, inspetor de saúde da Vigilância Sanitária. “Não encontramos um responsável técnico no local e nem nos foi apresentado um plano de gerenciamento de resíduos sólidos, ambos obrigatórios. Portanto, convocamos o representante legal e o responsável técnico da empresa a se apresentarem na Vigilância Sanitária, em no máximo um dia, levando os documentos faltantes. Em caso de não apresentação, será lavrado auto de infração e aberto um processo administrativo. Assim, a empresa poderá ser interditada novamente e multada.”

A Gruntec iniciou suas atividades em Contagem em maio de 2017 e possui licença ambiental, porém isso não a exime de obedecer às regras de funcionamento, como explica o secretário de Meio Ambiente Professor Wagner Donato. “A Semad compreende a insatisfação dos moradores e acompanha as atividades da empresa há muito tempo. Nossa equipe de fiscalização já efetuou várias diligências no local. Dentro da nossa convicção de desenvolvimento sustentável, sabemos da necessidade do serviço prestado por essa e por todas as empresas que querem atuar na cidade, porém, respeitando as normas de funcionamento e a legislação.

Em audiência pública, um dos proprietários da empresa, Frederico Couto disse que a empresa está buscando um local mais adequado para a empresa se instalar.

Legislativo

Desde maio, os vereadores de Contagem têm lutado, junto à comunidade do bairro Kennedy e região, para que o poder público tome providências em relação à poluição do ar causada pela queima de lixo realizada pela empresa Gruntec Serviços Ambientais. Agora, na iminência da abertura de outra empresa do mesmo ramo no bairro São Sebastião, os parlamentares retomam a discussão, pedindo mais rigor na aprovação das licenças ambientais no município.

Na plenária desta terça-feira (03/09), o  presidente da Câmara, vereador Daniel Carvalho (PV), que tem se envolvido diretamente na questão, voltou a cobrar um posicionamento mais firme da administração municipal. “Essas empresas que queimam lixo hospitalar têm causado transtornos gravíssimos àquela população. Por isso, é importante continuarmos cobrando providências da Prefeitura e da Secretaria de Meio Ambiente em relação à concessão de licenças ambientais para empresas que têm atividades de alto risco para a saúde da população”, concluiu.

O que achou deste artigo?
Fechar

Sustentabilidade

Secretaria de Meio Ambiente e Vigilância Sanitária fiscalizam incineradora
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter