Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Paulo Navarro

Cores vivas

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Fonte Normal
PUBLICADO EM Thu May 17 03:00:00 BRT 2018

Cores vivas

A 24ª CasaCor Minas – templo e referência em decoração, design, arquitetura e paisagismo – anunciou o tema e os primeiros participantes. A de 2018 foi pensada para apresentar uma casa que dialoga muito com a contemporaneidade, trazendo ainda mais vida para dentro dos espaços. Casa Viva será o tema em todas as edições Brasil afora e adentro. Trata-se do ser humano muito mais próximo da natureza.

Cores verdes

A CasaCor Minas 2018 rima com a de 2017. Foco no essencial. O aspecto fundamental é a estreita relação com a natureza. Das pequenas plantas aos grandes jardins, o verde como elemento fundamental nas casas das pessoas. E é natural que essa relação se estenda às mostras do setor.

FOTO: SIGGAXPERIENCE/DIVULGAÇÃO

O artista Erik Fontes durante evento da Sigga sobre Gestão de Ativos para Indústria 4.0

curtas e finas

Hoje, às 20h, no Idea Casa de Cultura, show e coquetel de lançamento do CD “Dr. Hausen e Mr. Guay”.

Também hoje, das 14h às 21h, no teatro Sesiminas, a segunda edição do Corporate Startup Summit (CSS).

Evento com a presença de profissionais da Natura, Embraer, Hospital Albert Einstein e Andrade Gutierrez relatando cases de sucesso em aproximação com startups.

Dia 19, a 68 Pizzeria promove brunch para amigos de todos os cantos. Tarde que promete, com gente bacana e sonorização de Diefentaler.

O Festival Internacional de Jazz de Ouro Preto – Tudo É Jazz acontece de hoje a 20 de maio e tem curadoria de Maria Alice Martins.

Na programação, o Moons, que se apresenta no after hours do 19 de maio, à meia-noite, e o duo Teach me Tiger, encerrando o festival domingo, dia 20, às 15h.

Acontece, nesse domingo, na Savassi, o 1º Festival em Brasa 2018.

O evento vai oferecer os melhores cortes de carne acompanhados com diferentes estilos musicais para agradar a todos os públicos e tem entrada gratuita.

Cores fraternas

Próximo e encontrando no seu lar um refúgio para viver e conviver com amigos, familiares e até seus pets. “É a casa que pulsa, é o espaço camaleônico adaptável às novas formas de desfrutar o convívio”, explica Lívia Pedreira, superintendente-geral da CasaCor em todo o país.

Sem hipocrisia

Para o país do Carnaval e dos feriados, vem aí um evento cheio de jeitinho para o brasileiro não trabalhar, a Copa do Mundo. Trabalhar para quê, não é? A economia vai tão bem! Daí, na Internet e whats, o que os gaiatos chamam de “Serviço de Utilidade Pública: Programe suas folgas e churrascos!”. Como? Planejando o que fazer nos dias e horários em que a seleção brasileira vai jogar. E tem gente aconselhando marcar o churrasco apenas na primeira fase “porque com essa seleção aí... Aiaiai”.

FOTO: FENACLUBES/DIVULGAÇÃO

Prestes a passar o bastão para Wilson Alvarenga, o presidente do PIC, Antonio Eustáquio da Rocha Soares, e sua Moema emoldurando a musa do clube, Yasmin Torres

O que achou deste artigo?
Fechar

Cores vivas
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter