Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Sabores do Mundo

Na tabuleiro da boleira tem

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Foto
Risoto de carne de sol preparado pelo subchefe Moacy, do Pratagy Resort
PUBLICADO EM 13/08/16 - 03h00

Se na Bahia tem o famoso tabuleiro da baiana, em Maceió o tabuleiro da boleira é uma das maiores tradições do litoral norte da cidade. Feitos em forno a lenha – e alguns embrulhados em folha de bananeira –, as boleiras servem com fartura tapioca, cuscuz de milho, massa puba, arroz-doce, batata-doce, inhame e macaxeira com carne de sol, beiju, grude de goma, pé de moleque, munguzá, canjica, pamonha e “rapadura à vontade”.

Com um nome que remete às muitas lagoas costeiras e às praias que são verdadeiras piscinas naturais, Alagoas é um dos Estados brasileiros que mais assumem a identidade tropical, com uma costa de pouco mais de 200 km de praias cheias de coqueirais, manguezais e canais, onde são servidos sucos de frutas por toda a parte – manga, jaca, mangaba, abacaxi, banana, pitanga, sapoti, pinha, graviola, caju, cajá, acerola, carambola, araçá e pitomba – e gastronomia focada em peixes e frutos do mar, adequada ao calor do Estado.

Nas praias, o dia começa com água de coco, coquetel de abacaxi, batidas de frutas e caldo de cana e, depois, continua com degustação de pratos como peixes, crustáceos, mariscos, moluscos, lagostas, camarões, fritada de siri, sururu, maçunim, peixadas com pirão e leite de coco ao molho de pimenta e buchada de bode com pirão – pedida mais por europeus do que por brasileiros.

Dicas

Dica de alagoano é visitar as piscinas naturais de Pajuçara e Maragogi, beber cerveja no calçadão da Ponta Verde, conhecer Barra de São Miguel até a praia do Gunga, desbravar as praias do litoral norte depois de Sonho Verde, evitar a praia do Francês no fim de semana, comprar bordados como o redendê e o ponto de cruz.

A cena gastronômica de Maceió é animada e diversificada. O Lopana (www.lopana.com.br) é o mais famoso bar de praia da orla da cidade, sucesso pelas comidas e pela música ao vivo; o refinado Maria Antonieta (www.mariaantonieta-al.com.br), em Jatiúca, se destaca pela cozinha italiana; a doceria Tantan (facebook.com/tanta.doceria) faz sucesso há 25 anos com pedaços generosos de tortas e seu famoso camarão a catupiry; e o Wanchako (www.wanchako.com.br) é referência em todo o Brasil como cozinha peruana.


Receita

CAMARÃO AO TRIPLO COCO

Preparo: Em uma panela média aqueça 2 colheres (sopa) de óleo de coco e doure meia cebola e um dente de alho picados. Acrescente 1 litro de água de coco batida com a polpa da fruta e 2 colheres (sopa) de um mix de folhas de hortelã e coentro picadas. Abaixe o fogo e cozinhe por 5 minutos. Retire do fogo e bata no liquidificador. Volte com o molho para a panela e reserve. 
Tempere 24 camarões com sal e pimenta-do-reino e doure-os em uma frigideira aquecida com 50 ml de azeite de oliva. Aqueça o molho de coco com os camarões por 2 minutos. Sirva em pratos fundos com tomatinhos confitados, cebolas baby refogadas, folhas de coentro e ramos de cebolinha picados, uma pitada de pimenta e um fio de azeite de dendê.

O que achou deste artigo?
Fechar

Na tabuleiro da boleira tem
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter