Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Reabilitação

Galo e Coelho vão entrar em campo pressionados para voltar a vencer

Rivais mineiros vem de derrota no Campeonato Brasileiro; eles se enfrentam neste domingo (14) no Independência

Tomás Andrade
Tomás Andrade alterna boas e más atuações no Atlético, em 2018, porém vem recebendo poucas chances nos últimos jogos do time pelo Brasileiro; o meia Gerson Magrão, do América, sabe que a situação do time não é das melhores, mas avisa que o Coelho precisa reagir no clássico contra o Galo | Foto: Bruno Cantini/Atlético
Publicado em 12/10/18 - 08h00
Da redação

O Atlético precisa da reabilitação após perder de 1 a 0 para a Chapecoense no apagar das luzes na última rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Condá. O América vai fazer de tudo para arrancar os três pontos, principalmente para esquecer a goleada de 4 a 0 que sofreu diante do Atlético-PR, na Arena da Baixada.

Muito mais do que se recuperar dessas derrotas, Galo e Coelho vão entrar em campo para o clássico de domingo, no Independência, pressionados para definir de vez seus rumos na temporada. O alvinegro, que não consegue uma realidade no torneio, já se vê ameaçado na luta por uma vaga na Copa Libertadores da América na próxima temporada. Já o Coelho, que cresceu de produção após a chegada do técnico Adílson Batista, tem tido dificuldade, principalmente nas últimas rodadas, de se distanciar de vez do grupo de equipes que cairão para a Série B.

No duelo entre os rivais mineiros no primeiro turno do Brasileirão, a vitória de 3 a 1 do Atlético mostrou como o resultado do clássico pode influenciar nas campanhas das equipes nos jogos seguintes. Após derrotar o rival no Horto, o Galo emplacou mais duas vitórias seguidas até a parada do Brasileiro para a disputa da Copa do Mundo da Rússia. Já a derrota foi cruel para o alviverde, que demorou um bom tempo para se reequilibrar. Após o revés para o Galo, o Coelho amargou mais quatro partidas sem conseguir vencer no campeonato. 

“Independentemente de quanto pontos de distância estamos da zona de rebaixamento, temos uma meta de pontuação para alcançar. Estando ou não próximos da zona, precisamos vencer. O peso da vitória nós temos de ter na nossa cabeça sempre”, declarou ontem o meia americano Gérson Magrão, apostando em um bom resultado contra o Galo. “Deixamos escapar pontos importantes em três, quatro jogos. Ainda temos dez jogos por fazer e vamos buscar somar o maior número de pontos possíveis”, disse o atacante atleticano Ricardo Oliveira.

Compartilhar:
Enviar por e-mail
Imprimir
avatar
Li e aceito os termos de utilização
Cadastre-se para poder comentar
Fechar

Reabilitação

Galo e Coelho vão entrar em campo pressionados para voltar a vencer
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório