Compartilhar:
Enviar por e-mail
Imprimir
Rádio Super
avatar
Li e aceito os termos de utilização
Cadastre-se para poder comentar
Fechar

Todos felizes

Anitta diz a jornal britânico que troca de namorado como troca de roupas
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
carregando
Log View

Menina nem te conto

Festival San Sebastián premia Viggo Mortensen, que estreia como diretor

Festival San Sebastián premia Viggo Mortensen, que estreia como diretor

O Festival de Cinema de San Sebastián homenageou, nesta quinta-feira (24), a carreira do ator Viggo Mortensen, que acaba de estrear como diretor com "Falling", um implacável diálogo entre pai e filho com matizes autobiográficos.

"Estou muito feliz", disse, emocionado, este ator americano de ascendência dinamarquesa em um excelente espanhol, fruto de sua infância na Argentina. 

Mortensen, 61, é o único agraciado este ano com o prêmio honorário Donostia, em reconhecimento a sua carreira de mais de 50 títulos.

Ele foi a San Sebastián com "Falling", primeiro filme sob sua direção, mas no qual também é protagonista, roteirista, coprodutor e compositor da trilha.

Nele, encarna John Peterson, um piloto que vive na Califórnia com seu marido, Eric, e sua filha adotiva, Mónica, e que ajuda o pai, Willis (Lance Henriksen), um fazendeiro, a encontrar um lugar para passar a velhice.

É um filme "sobre a idade, o medo de ficar doente, de morrer", segundo Mortensen. E também uma exploração com toques autobiográficos da relação entre seus próprios pais, divorciados. 

Com esse trabalho, ele disse ter alcançado, enfim, seu sonho de dirigir, o qual acalentava há mais de duas décadas. 

À competição na Seção Oficial, somou-se nesta quinta-feira (24) a produção chinesa "Wuhai", uma história de ambição econômica e dívidas rodada na desértica região da Mongólia interior.

O filme inclui curiosas cenas em um parque temático de dinossauros e uma reflexão sobre o dinheiro, já que, de acordo com seu diretor, Zhou Ziyang, o propósito era mostrar "como, nos últimos 20, ou 30 anos, o desenvolvimento econômico prejudicou a sociedade".

Outras 12 produções disputam a Concha de Ouro, concedida ao ganhador na categoria de melhor filme. A festa de premiação acontece neste sábado (26).

Na seção latino-americana, "Horizontes Latinos", o painel de filmes em disputa - nove ao todo - completou-se nesta quinta.

Entre os concorrentes latinos, estão a produção argentina "Edición ilimitada", um filme em quatro episódios sobre o processo criativo da escrita, dirigidos pelos argentinos Edgardo Cozarinsky, Santiago Loza e Romina Paula, e pela venezuelana Virginia Cosin.

Outro filme é o chileno "La Verónica", de Leonardo Medel, que conta a história de uma modelo popular nas redes sociais, casada com um jogador de futebol. Sua vida desmorona quando ela começa a ser investigada como suspeita do assassinato de sua primeira filha, anos atrás.

Joelma conta que teve 'pulmão, visão e mente' afetados pela Covid-19

Joelma conta que teve 'pulmão, visão e mente' afetados pela Covid-19

A cantora Joelma revelou que lutou por 40 dias contra complicações da Covid-19 e teve sequelas da doença no intestino, na visão e no pulmão. Em entrevista à revista 'Contigo', ela disse que ficou com os sintomas da doença por mais de um mês.

"Estou saindo do Covid agora e o negócio foi pancada. Comigo foi diferente. Inchei demais, fiquei com um corpo de uma grávida de nove meses, entendeu? Fiquei inchada dos pés a cabeça", relatou a cantora, que planeja uma live para o dia 3 de outubro.

A cantora disse que passou por uma série de testes clínicos após pegar a Covid-19. "Fiz vários exames e tive muito problema no intestino, no estômago, no fígado. Eu estou cuidando agora disso, né? Tem dias que estou totalmente inchada, outros que não, agora por exemplo estou totalmente inchada. Fico nesse vai e vem", disse.

Joelma comentou que os sintomas foram além dos intestinais e respiratórios. "Afetou minha visão, minha mente, o pulmão. Fiz teste 30 dias depois de pegar o exame e ainda estava positivo! Com 45 (dias) aí já tinha ido embora, mas as sequelas ficaram", lamenta

A artista acrescentou que não conseguia mais cantar após a doença. "Atacou o pulmão e minha respiração ficou muito curta. Me cansava, não conseguia segurar afinação e segurar notas prolongadas", revela.

Joelma estava no Pará quando foi infectada pelo novo coronavírus. O primeiro sintoma a aparecer foi febre. "Tive que ficar isolada lá. Aqui em casa só eu peguei. Foi bom que peguei por todo mundo aqui", brinca.

Vitão diz que nunca comentou 'meu casal' em foto de Luísa Sonza e Whindersson

Vitão diz que nunca comentou 'meu casal' em foto de Luísa Sonza e Whindersson

O cantor Vitão, 21, rejeitou a fama de ser "talarico" ou "fura olho" e disse que é fake o suposto comentário que ele teria deixado em uma foto antiga de Luísa Sonza e Whindersson Nunes com a frase "meu casal".

"Cara, é fake! É mais uma das coisas criadas na internet e aí a massa, sem saber se é verdade, engole aquilo e sai vomitando um monte de coisa horrível. Não é verdade. Na época dessa foto, eu não era amigo nem do Whindersson nem da Luísa. Não tinha rolado nem 'Bomba Relógio' (música da cantora em que ele faz uma participação) ainda", disse o cantor em entrevista ao influenciador Hugo Gloss.

"Olha a minha cara de quem comenta 'meu casal', né gente. Nada a ver", completou. Vitão e Luísa assumiram o namoro no início de setembro, mas especulações sobre um relacionamento entre os dois já existiam desde o fim de maio, cerca de um mês após o divórcio da cantora com Whindersson.

Na ocasião, ele se hospedou na mansão da artista localizada em Alphaville, em São Paulo, onde passou uns dias para gravar a música e o videoclipe de "Flores", que mostra cenas picantes dos dois juntos.

Na entrevista a Hugo Gloss, o cantor disse que a ideia do vídeo em que eles aparecem juntos foi uma estratégia de publicidade. "Foi marketing, sim. Usamos muito isso a nosso favor. Foi uma estratégia, a gente quis criar essa coisa de estar junto, mas a gente já estava se gostando nessa época", afirmou Vitão.

O cantor, porém, disse que se surpreendeu com os haters que passaram a atacá-lo nas redes sociais como possível pivô da separação de Luísa e Whindersson. Pior ainda, afirmou Vitão, foram as críticas feitas à cantora.

"Até essas coisas acontecerem na minha vida, eu não sabia nem imaginava que as pessoas no nosso país tinham tanto ódio no coração. Algumas maldade, outras tristeza... é uma mistura. A galera tem um problema de querer julgar a vida alheia e tem o famoso machismo, que está enraizado em nossa sociedade, que faz esse tipo de coisa acontecer, e faz a gente tratar as pessoas como objetos. Acho que tudo isso que está acontecendo é fruto dessas coisas".

Para ele, contudo, esse tipo de ataque acontece mais na internet, em que as pessoas se sentem livres para julgar e xingar. "Quando estou andando na rua, todo mundo que me tromba, vem elogiar meu trabalho, pedir foto, dizer que gosta das minhas músicas... Na vida real, esse ódio é muito menor."

Vitão também negou ter ficado com Luísa enquanto ela ainda era casada com o humorista. "'Talarico' é a pessoa que fura o olho do outro que é casado, o que no caso nem é (verdade), porque a gente foi ficar muito depois deles terem terminado... Mas a galera gosta de falar. É como se ela (Luísa) não tivesse discernimento, escolha, vontades, ou não fosse um ser humano como eu ou Whindersson. Não tenho muito o que falar sobre isso, porque eu acho nojento, idiota, acho as pessoas (que despejam ódio) muito tóxicas, muito burras", afirmou.

José de Abreu é condenado a indenizar Bia Doria por compará-la a uma vaca

José de Abreu é condenado a indenizar Bia Doria por compará-la a uma vaca

Um tuíte do ator José de Abreu em que ele insinuou uma comparação da primeira-dama do Estado de São Paulo, Bia Doria, a uma vaca levou o artista a ser condenado a pagar uma indenização de R$ 50 mil à esposa do governador João Doria (PSDB).

O juiz Douglas Iecco Ravacci, da 33ª Vara Cível da Comarca de São Paulo, decidiu que Abreu deverá fazer o ressarcimento por dano moral por causa de uma mensagem de 2016 em que afirmou: "STF proíbe vaquejada mas permite que a Bia Doria dê entrevista? é um crime contra os animais...".

Cabe recurso. Pela decisão do magistrado, o réu também terá que arcar com o pagamento das custas e despesas processuais, além de honorários advocatícios de 10% do valor atualizado da condenação.

Procurados nesta quinta-feira (24), Abreu e Bia não se manifestaram até a publicação deste texto.

Como a "Folha de S.Paulo" mostrou em dezembro, o TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) tentou por mais de dois anos citar o ator (comunicá-lo oficialmente) para que ele se defendesse no processo, mas os oficiais não conseguiram encontrá-lo nos endereços obtidos pelo Judiciário.

Na ocasião, o governador foi ao Twitter criticar o detrator da esposa. "Vejam até onde vai a covardia do Zé de Abreu", afirmou Doria. "Um notório ativista da esquerda e defensor do Lula. Que desrespeita mulheres, cospe na cara das pessoas e, após condenado, foge covardemente da Justiça", escreveu.

Em maio deste ano, o juiz do caso determinou que Abreu fosse citado por meio de edital público, "tendo em vista que restam exauridos todos os meios disponíveis para localização do requerido".

Depois disso, o réu - que agora mora na Nova Zelândia - passou a responder à ação e apresentou seus argumentos. A defesa do ator sustenta que ele apenas se valeu do direito à liberdade de expressão.

Para o magistrado, contudo, o princípio não se aplica ao caso. "Não foi uma crítica, nem uma piada ruim", escreveu na sentença, de 16 de setembro.
Ravacci afirmou que o texto consistiu em "verdadeira ofensa pessoal" e que a repercussão negativa causou dano à artista plástica e hoje presidente do conselho do Fundo Social de São Paulo (braço do governo para programas sociais).

Abreu fez a postagem no mesmo dia em que a Folha publicou entrevista com ela sobre a eleição de Doria para a prefeitura da capital. Declarações da primeira-dama tiveram uma repercussão tão negativa para o tucano que Bia foi, depois disso, blindada de contato com a imprensa.

Ela comparou a favela de Paraisópolis (na zona sul da capital) à Etiópia, disse que "quase nunca" havia ido ao Minhocão (na região central) e que se orgulhava de ajudar os assistentes de seu ateliê: "Consegui casa para todos eles, dei dentes para eles, dei um plano de saúde bom", afirmou.

O que levou a primeira-dama a ingressar com o processo foi o fato de o ator ter associado o nome dela à vaquejada -corrida entre dois vaqueiros montados a cavalo que tentam derrubar um boi-, prática considerada inconstitucional pelo STF (Supremo Tribunal Federal) em um julgamento em 2016.

Bia afirmou que o tuíte maculou sua reputação e honra. E recorreu à Justiça para que o post fosse apagado, no que foi atendida. Ela pediu inicialmente indenização de R$ 100 mil e prometeu doar o valor a entidades de assistência social.

Na decisão, o juiz concordou com a tese da primeira-dama de que o ator efetivamente a chamou de vaca e disse que se trata de "expressão ofensiva utilizada contra mulheres".

Segundo o magistrado, Abreu usou "uma construção de frases sem a mínima coerência" para fazer o comentário, que teve alcance ampliado pelo fato de ele ser um influenciador nas redes sociais, com quase 500 mil seguidores no Twitter.

"As críticas, tanto à proibição da vaquejada quanto às declarações da autora, poderiam ser feitas de inúmeras maneiras, inclusive com espírito jocoso ou por meio de piada, mas tendo por objetivo as declarações, e não a pessoa que as fez, muito menos equiparando-a um animal", escreveu.

Em sua defesa, Abreu afirmou nos autos que fez a postagem "com intenção humorística e irônica", mas não pretendeu ofender a esposa de Doria. Sustentou que ela, como pessoa pública, está mais sujeita a críticas e que não houve dano moral, mas "mero desconforto subjetivo não indenizável".

"Sou um comediante, eu faço piada", disse o ator à "Folha" em dezembro. "Eu tenho direito de me expressar. Não vou perder uma piada por medo de processo. (...) A Justiça tem mais o que fazer do que ficar perseguindo ator. Não sei que prejuízo moral eu dei à dona Bia Doria. Eu não vou parar de falar."

Sobre a dificuldade dos oficiais em encontrá-lo, ele afirmou que sempre esteve à disposição da Justiça e que seu local de trabalho é conhecido. O ator gravou novelas e séries na TV Globo desde o início do processo. Em junho deste ano, ele anunciou que não tem mais contrato fixo com a emissora.

O juiz do caso rejeitou o pedido de Bia para que Abreu ficasse impedido de voltar a utilizar indevidamente o nome e a imagem dela. Para o magistrado, acatar a solicitação seria aceitar censura prévia, o que é vedado pela Constituição. Ele lembrou que eventuais abusos devem ser discutidos posteriormente.

'A Fazenda 12': Biel cogita deixar programa caso Luiza Ambiel volte da roça

 'A Fazenda 12': Biel cogita deixar programa caso Luiza Ambiel volte da roça

O funkeiro Biel disse na madrugada desta quinta (24), em "A Fazenda 12" (RecordTV), que está com nojo de Luiza Ambiel e que se ela conseguir voltar da roça, ele cogita deixar o programa. A musa da banheira do Gugu disputa a preferência do público contra Lidi Lisboa e JP Gadelha.

"Que nojo eu estou dessa Luiza, ela fica de conversinha com todo o mundo (...) Ela estava falando ali: 'Se Deus quiser na sexta (25), eu vou subir na pia, você vai subir no fogão, a Mirella vai subir na mesa, e não sei quem vai subir no sofá'. (...) Se ela ficar, eu vou começar a contestar o valor de estar aqui. Vou embora trabalhar, porque o que estou fazendo aqui?", indagou ele, em conversa com Mariano e Lucas Selfie.

"Chegar entre os três (finalistas) para perder para uma pessoa dessas? Passar por todo esse calvário...", completou. "Não faz sentido", disse Lucas. Biel acrescentou que pensa muito parecido com o influenciador digital e não consegue "ficar de abracinho e risadinha como o Cartlolouco".

"Mas é o jeito dele. Eu não sou assim, não consigo nem olhar na cara", afirmou o funkeiro. Biel também disse que pediu para sua torcida votar para Lidi e JP Gadelha continuarem no jogo.

Brasil disputa Emmy Internacional com 'Orfãos da Terra' e 'Canta Comigo'

Brasil disputa Emmy Internacional com 'Orfãos da Terra' e 'Canta Comigo'

O Emmy Internacional divulgou nesta quinta-feira (24) a lista dos finalistas da premiação deste ano, que será anunciada em 23 de novembro. Várias produções brasileiras de 2019 se destacaram. 

Os programas escolhidos foram exibidos no período de 1º de janeiro de 2019 a 31 de dezembro. O Brasil aparece em sete categorias, ficando atrás apenas do Reino Unido.

Comandado pelo apresentador Gugu Liberato, morto em novembro do ano passado, o programa “Canta Comigo” (RecordTV) concorre na categoria Entretenimento Não-Roteirizado.

A novela global "Órfãos da terra" disputa o troféu de Melhor Telenovela. Andrea Beltrão aparece entre as indicadas a Melhor Atriz por seu papel na série "Hebe", em exibição na Globo. 

Também da emissora dos Marinho,  "Elis - Viver é Melhor que Sonhar" está entre as candidatas a Melhor Minissérie ou Filme para a TV. O ator Raphael Logam disputa pela segunda vez o troféu de melhor ator, por "Impuros", da Fox.

Em "Melhor Programa Artístico", a produção "Refavela 40", da HBO, está concorrendo ao prêmio. A história mostra os bastidores da produção do LP de Gilberto Gil 40 anos depois do lançamento e seu impacto para a cultura.

Confira a lista completa dos indicados abaixo:

Melhor Programa de Arte

"Jake and Charice" - Japão

"Refavela 40" - Brasil

"Vertige de la Chute" (Ressaca) - França

"Why do we Dance?" - Reuno Unido

 

Melhor Ator

Billy Barratt em "Responsible Child" - Reino Unido

Guido Caprino em "1994" - Itália

Raphael Logam em "Impuros" - Brasil

Arjun Mathur em "Made in Heaven" - Índia

Melhor Atriz

Emma Bading em "Play" - Alemanha

Andrea Beltrão em "Hebe" - Brasil

Glenda Jackson em "Elizabeth is Missing" - Reino Unido

Yeo Yann Yann em "Invisible Stories"- Singapura

Comédia

"Back to Life"- Reino Unido

"Fifty"- Israel

"Four More Shots Please" - India

"Ninguém tá Olhando" - Brasil

 

Documentário

"El Testigo" - Colômbia

"For Sama" - Reino Unido

"Granni-E-minem" - Coreia do Sul

"Terug naar Rwanda" - Bélgica

 

Melhor Série de Drama

"Charité 2" - Alemanha

"Criminal UK" - Reino Unido

"Delhi Crime" - Índia

"El Jardín de Bronce" - Argentina

 

Programa de Língua Estrangeira exibido nos Estados Unidos

"20th Annual Latin GRAMMY®️ Awards" - Estados Unidos

"La Reina del Sur" - Estados Unidos

"No te Puedes Esconder" - Estados Unidos

"Preso No.1" - Estados Unidos

Entretenimento não-roteirizado

"Canta Comigo" - Brasil

Rádio e Televisão Record S.A. / Endemol Shine

"Folkeopplysningen" - Noruega (The Public Enlightenment)

"MasterChef Tailândia"- Tailândia

"Old People’s Home for 4 Year Olds" - Austrália

 

Série Curta

"Content" - Australia

"#martyisdead" - República Tcheca

"Mil Manos por Argentina" -  Argentina

"People Like Us" - Singapura

 

Novela

"Chen Xi Yuan (Love And Destiny)" -  China

"Na Corda Bamba" - Portugal

"Órfãos da Terra" - Brasil

"Pequeña Victoria" - Argentina

 

Filme para TV / Minissérie

"L’Effondrement (The Collapse)" - França

"Elis – Viver é Melhor que Sonhar" - Brasil

"The Festival of the Little Gods" - Japão

"Responsible Child" - Reino Unido

‘A Fazenda 12’: Lidi, Luiza ou JP, quem deve ser eliminado? Vote na enquete

‘A Fazenda 12’: Lidi, Luiza ou JP, quem deve ser eliminado? Vote na enquete

Carol Narizinho levou a melhor e venceu a Prova do Fazendeiro da semana, em “A Fazenda 12”, da RecordTV. Com isso, ela deixou a Roça e ganhou imunidade. O resultado confirmou os peões que estão na berlinda: Lidi Lisboa, Luiza Ambiel e JP Gadêlha. 

Os três participantes disputam a preferência do público, e um deles deixará o reality na noite desta quinta-feira (24). 

Para você, quem deve ser o próximo eliminado de “A Fazenda 12”: Lidi, Luiza ou JP? Vote na nossa enquete.

 

 
Quem deve ser eliminado de 'A Fazenda 12': Lidi, Luiza ou JP?
Lidi Lisboa
Luiza Ambiel
JP Gadêlha
 
 
 
 
 
 
Created with PollMaker

Wanessa Camargo diz que viveu relações abusivas, mas não foi vítima

Wanessa Camargo diz que viveu relações abusivas, mas não foi vítima

Com a chegada da pandemia, Wanessa Camargo, 37, teve que mudar todos os seus planos que já estavam preparados para 2020, quando completa 20 anos de carreira. A mudança de rota fez com que a cantora tirasse da gaveta uma música pra lá de pessoal: "Lábios de Navalha".

Lançada no final de agosto, a canção, que fala sobre relacionamentos abusivos e traz um videoclipe intimista e cheio de mulheres, foi fruto da quarentena. Apesar de já estar escrita há anos, Wanessa decidiu gravá-la devido ao aumento de casos de violência doméstica no país.

"É muito pessoal, de relações abusivas que enfrentei não só uma vez, mas várias. Escrevi essa música 2015, estava guardada. Na época pensei que era muito forte e neste ano percebi que era o momento de lançar. Pensei: 'Por que não falar disso agora?'", conta a artista em entrevista à reportagem por telefone.

Wanessa lembra com bastante lucidez dessa época, mas ressalta que não se considera vítima. "Não adianta amiga falar, psicólogo, mãe e pai, não adianta. A pessoa tem que ter amor-próprio muito grande para se libertar disso. Eu não sou vítima, eu que me coloquei nesse lugar. Quando alguém faz mal para você, é você que permite, então fui permissiva. Só que eu estava fraca, sem amor-próprio, insegura", diz.

Casada com o empresário Marcuz Buaiz desde 2007, com quem tem dois filhos, José Marcus, 8, e João Francisco, 6, a cantora afirma que pretende continuar levantando certas bandeiras, que segundo ela, não fazem alusão ao seu posicionamento político. "Eu me considero humanista, que luta pelo ser humano, que luta pela igualdade de todas as classes, gêneros, e todos nós merecemos ser felizes e nos sentirmos amados, e o amor-próprio principalmente."

Apesar de reconhecer que para alguns pode ser considerada "em cima do muro", Wanessa explica que para ela não existem apenas dois caminhos. "Para mim, um posicionamento não é para direita ou para esquerda, não sei se é energético, mas os meus fãs não me cobram disso", conta ela.

Segundo a cantora, os preconceitos - sejam eles de gênero, raça, etnia ou sociais - fazem parte da falta de informação. "É o medo exacerbado daquilo que você não conhece e para mim não é brigando que nós mudamos a cabeça de alguém que tem posicionamento diferente. Tem que chamar para conversar e não rejeitando. Precisa aceitar e tentar acolher."

Exposição da vida pessoal

Com mais de 3 milhões de seguidores nas redes sociais, Wanessa Camargo diz que enxerga a plataforma como ferramenta de trabalho. Recentemente, usou para divulgar seu documentário em homenagem aos 20 anos de carreira, o "W.Doc", que foi lançado em partes, entre junho e agosto.

"É muito perigoso se basear só em número, a rede social também tem a sua realidade, que impacta os outros. Precisa ter uma inteligência emocional danada (risos). Mas eu gosto de contar a vida particular quando é natural, quando sinto vontade de dividir. Não quero postar a minha vida o tempo inteiro, não é Big Brother. Se é só pra fazer números não me interessa."

Filha de Zezé di Camargo, 58, e Zilu Godoi, 62, que atualmente travam uma briga na justiça por conta da divisão de bens após o divórcio, que aconteceu em 2014, Wanessa conta que não consegue expor tanto a sua vida como seus pais, que, segundo ela, são "melhores" nas redes sociais.

"Eles gostam disso (exposição). Acho que é de cada um, da pessoa se sentir a vontade. Meu pai e minha mãe que têm que me ensinar. Mas tudo tem um preço, nada nessa vida... Eu não gosto das consequências quando você abre demais, não me faz bem, já vivi isso. Eu sei como é ter uma vida pessoal exposta."

'Novo normal'

A cantora e a sua família - filhos e maridos - estão entre os famosos que tiveram a Covid-19. Na época, Wanessa contou durante uma live que ficou aterrorizada com o diagnóstico. Ela também diz que está sem ver a mãe Zilu desde o mês de março por causa da pandemia.

"Não sei se vou ver ela ainda neste ano, são altos e baixos... mas sabe quando você sente que está chegando num limite? É muito ruim, sinto falta do colo dela, literalmente", diz Wanessa que também afirma não estar vendo a irmã Camila Camargo, 34.

Entretanto, a cantora afirma que o ritmo do "novo normal", curiosamente lhe agrada. "Gosto bastante desse ritmo novo, parece que o mundo está no meu ritmo. Lógico que tem coisas que a gente sente, é muito estranho essa vida sem abraços."

Com o adiamento dos planos para lançar um DVD em comemoração ao aniversário de carreira, Wanessa precisou repensar como faria a divulgação do seu novo projeto chamado "Uni/versos" e conta que a ideia do documentário surgiu a partir daí.

"Ia ser algo tradicional e até obvio, mas por conta da pandemia não teve gravações, produções e muito menos DVD. Foi um momento em que tive que pensar como manteria viva a minha arte e a parte financeira."

Wanessa Camargo lança em 11 de outubro, quando celebra 20 anos de carreira, o projeto Uni/Verso, que é uma continuidade dos mino docs que ela lançou os últimos meses, revivendo momentos importantes da sua trajetória. A série, intitulada W.Doc, contou com 12 partes, com fatos e memórias da carreira dela.

Confira "Lábios de Navalha":

Anitta faz primeira apresentação de 'Me Gusta' em programa de Jimmy Fallon

Anitta faz primeira apresentação de 'Me Gusta' em programa de Jimmy Fallon

Com direito a look de oncinha, a cantora Anitta se apresentou na noite desta quarta-feira (23) no programa norte-americano “The Tonight Show”, de Jimmy Fallon. Acompanhada por um time de dançarinas, ela apresentou seu mais recente hit, “Me Gusta”.

A rapper Cardi B e o cantor Myke Towers participaram de forma remota, com suas imagens sendo exibidas em painéis coloridos. Ao longo da apresentação, imagens do Rio de Janeiro também foram exibidas nas telas. 

Assista:

Gigi Hadid dá à luz sua primeira filha com Zayn Malik: 'Estou tão apaixonada'

Gigi Hadid dá à luz sua primeira filha com Zayn Malik: 'Estou tão apaixonada'

Nasceu a filha de Gigi Hadid, 25, e do cantor Zayn Malik, 27. O nome da bebê não foi divulgado, mas em publicação no Instagram na noite desta quarta (23), a modelo disse disse que o parto aconteceu no último fim de semana. "Ela já mudou o nosso mundo. Estou tão apaixonada", escreveu Hadid, ao lado de uma foto em preto e branco segurando a mãozinha da filha.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Our girl joined us earth-side this weekend and she’s already changed our world. So in love🥺💕

Uma publicação compartilhada por Gigi Hadid (@gigihadid) em

O cantor também falou em suas redes sociais sobre a emoção do nascimento da bebê. "Nossa menina está aqui, saudável e bonita. Tentar colocar em palavras como estou me sentindo agora seria uma tarefa impossível. O amor que sinto por esta pequena humana está além da minha compreensão. Grato por conhecê-la, orgulhoso de chamá-la de minha e agradecido pela vida que teremos juntos", postou Malik no Twitter.

Gigi e Malik estão juntos desde 2015, mas chegaram a terminar o namoro no início de 2018. Depois de idas e vindas e rumores sobre uma possível volta, o casal assumiu a retomada do relacionamento no início deste ano.

A informação sobre a gravidez foi divulgada pelo site TMZ no dia 28 de abril. O casal optou pela discrição em relação a chegada do bebê, e desde então não compartilhou muitas novidades sobre o assunto. Apenas no final de agosto, a modelo compartilhou fotos de um ensaio fotográfico em que exibiu a sua barriga de gestante.

Zezé Motta diz que buscou ajuda para evitar depressão na pandemia

Zezé Motta diz que buscou ajuda para evitar depressão na pandemia

Zezé Motta, 76, contou que precisou de ajuda profissional para lidar com as emoções que a quarentena causada pela pandemia de Covid-19 teve sobre ela.

"Vivi o tédio, a insônia, o distanciamento dos meus filhos pela Covid", contou na gravação do programa "O Mundo Pós-Pandemia" (CNN Brasil). "Quando percebi que tudo isso poderia resultar em depressão, busquei ajuda."

Entre os desafios enfrentados por ela nesse período estiveram a morte da mãe, Maria Elazir, aos 85 anos, e do sobrinho Luís Antonio. "O ano me trouxe duas grandes perdas, ainda preciso lidar com elas", disse.

Ela também discorreu sobre o alto índice de mortes que o coronavírus vem provocando em todo o mundo. "É muito difícil lidar com as estatísticas dos que se vão", avaliou. "A pandemia não nos deixa mentir: somos todos iguais."

A atriz e cantora, que tem no currículo mais de 55 filmes, 35 novelas e 14 discos gravados em 54 anos de carreira, falou ainda sobre como percebe hoje o preconceito racial no Brasil. "Agora é escancarado", afirmou. "A luta do racismo não pode ser apenas a pauta dos negros."

A entrevista vai ao ar na sexta-feira (25), a partir das 22h30.

Latino cobra R$ 5 milhões do dono da RedeTV! em post da mulher dele

Latino cobra R$ 5 milhões do dono da RedeTV! em post da mulher dele

O cantor Latino, 47, usou o Instagram da apresentadora Daniela Albuquerque para cobrar uma possível dívida que o marido dela, o dono da RedeTV! Amilcare Dallevo, teria com ele. Esse valor seria de R$ 5 milhões.

Em uma postagem na qual Daniela aparece em clima de romance com Dallevo, Latino cobrou em uma mensagem nos comentários. "Aproveita essa linda comemoração e já peça encarecidamente para o seu marido pagar a dívida (já em execução final) que ele tem comigo há quase 20 anos. Paciência tem limite, né!", escreveu o cantor.

Segundo o advogado de Latino, José Marcos Gomes Júnior, a cobrança de R$ 5 milhões é referente a uma quebra de contrato de quando Latino trabalhou na emissora, no programa "Funk Total", em 2001.

"Realmente, a RedeTV! deve ao Latino em função da quebra de um contrato, uma multa. A ação já transitou em julgado, ou seja, tornou-se definitiva, não cabem mais recursos. E a emissora evita todos os esforços no sentido de impedir a satisfação do crédito", diz o advogado.

Ele conta qual o próximo passo da ação do cantor contra a empresa. "Estamos aguardando uma decisão que autorize a penhora do faturamento diário da RedeTV! para a satisfação do crédito." O processo está no foro de Barueri (SP) e não está disponível para consulta pública.

Procurada, a emissora RedeTV! diz que não se posiciona a respeito de processos em andamento.

'A Fazenda 12': JP Gadêlha, Lidi Lisboa e Luiza Ambiel estão na Roça

'A Fazenda 12': JP Gadêlha, Lidi Lisboa e Luiza Ambiel estão na Roça

JP Gadêlha, Lidi Lisboa e Luiza Ambiel estão na segunda roça de A Fazenda 12 (Record). Os três disputam a preferência do público para permanecer no reality show rural.

Luiza já estava na roça por ter sido escolhida por Biel, que ganhou o poder da chama vermelha do amigo Juliano Ceglia. Já os outros dois participantes disputaram com Carol Narizinho a Prova do Fazendeiro nesta quarta-feira (23).

Na prova, os peões tinham que moer cana de açúcar, fazendo o caldo passar por uma canaleta que enchia baldes. Ao receberem o líquido, eles revelavam letras. Quem formasse a palavra "fazendeiro" primeiro era o vencedor. A ex-panicat foi quem se saiu melhor.

Antes de a prova começar, a edição do programa mostrou que, ao contrário do que disse no programa ao vivo, Cartolouco e outros participantes combinaram de votar em Luiza Ambiel. Além do voto dele, ela recebeu os votos de Biel, Juliano Ceglia, Lipe Ribeiro, Lucas Maciel e Tays Reis.

A participante, no entanto, foi bastante criticada por algumas participantes por uma incongruência em seu discurso. A ex-musa da banheira do Gugu havia dito que defenderia as mulheres no programa, mas puxou Lidi Lisboa para a prova, quando tinha a opção de puxar Lucas Maciel ou Mateus Carrieri.

Já Carol Narizinho tirou satisfações com Rodrigo Moraes, que votou nela dizendo que a ex-panicat não tinha "sangue nos olhos". Ela chorou dizendo que ele não conhecia a vida dela fora do programa e disse que esperava havia sete anos para entrar no programa.

Séries com Dakota Fanning, Lily Collins e Tainá Müller estreiam na Netflix

Séries com Dakota Fanning, Lily Collins e Tainá Müller estreiam na Netflix

Nesta quarta-feira (23), a Netflix divulgou o calendário de produções que entram na plataforma em outubro. Entre os destaques, há séries com as atrizes Dakota Fanning, Lily Collins e Tainá Müller.

Essa última é a protagonista de "Bom Dia, Verônica", que entra no catálogo já no dia 1º. Na trama, ela dá vida a uma funcionária da Delegacia de Homicídios de São Paulo que acaba enganada por um golpista na internet. Também estão no elenco Camila Morgado e Eduardo Moscovis.

No dia 2, é a vez de "Emily em Paris" estrear. Criada por Darren Star, o mesmo de "Sex and the City", ela mostra a história de uma jovem, interpretada por Lily Collins, que consegue o emprego dos sonhos em Paris, mas precisa equilibrar o trabalho com a vida pessoal.

Já no dia 22, chega "The Alienist: O Anjo das Trevas". Trata-se de uma continuação de "The Alienist" (cuja primeira temporada é de 2018), porém centrada na personagem Sara (Dakota Fanning), que agora tem a própria agência de investigação.

Entre os filmes, os destaques são a comédia "O Halloween do Hubie", que estreia no dia 7 e tem Adam Sandler como personagem-título; "Os 7 de Chicago", que entra no catálogo no dia 16 e conta com Eddie Redmayne e Sacha Baron Cohen no elenco; e "Rebecca - A Mulher Inesquecível", que estreia no dia 21 e é protagonizado por Lily James e Armie Hammer.

Péricles e Sandy farão dueto em show do 'Criança Esperança 2020'

Péricles e Sandy farão dueto em show do 'Criança Esperança 2020'

O show da campanha "Criança Esperança 2020" será exibido na próxima segunda-feira (28) e deverá celebrar os 35 anos do projeto com várias atrações. Nesta semana, a Rede Globo confirmou alguns dos artistas que irão se apresentar no evento, que teve alterações para seguir as regras de órgãos da saúde em relação à pandemia do novo coronavírus.

Entre os cantores confirmados Sandy e Péricles farão um dueto que tem o objetivo de falar sobre a fé do brasileiro e contará com a presença de representantes de diversas religiões. A dupla Zé Neto e Cristiano fará uma "batalha de hits" com o cantor Dilsinho.

As cantoras Alcione e Iza também irão se apresentar juntas, para homenagear a força da mulher brasileira, que será apresentada durante a ação pela apresentadora Ana Maria Braga. As performances foram gravadas remotamente.

Além das atrações musicais, o jornalista Pedro Bial irá comandar algumas conversas, em plataformas virtuais, com beneficiados pelas ONGs que recebem as doações do "Criança Esperança". A atriz Larissa Manoela também participará do show, com um vídeo para homenagear os profissionais da área da saúde.

Nos dias 26, 27 e 28 a Globo também realizará os Mesões da Esperança, pela plataforma Doe Esperança, que permitirá que o público interaja virtualmente com Juliana Paes, Fernanda Gentil, Fernanda Lima, Rodrigo Hilbert, Fábio Assunção, Dira Paes, Jonathan Azevedo, Leandra Leal e outros artistas da emissora.

O show será apresentado por Fátima Bernardes, Luis Roberto, Tiago Leifert, Jessica Ellen, Luciano Huck e Maju Coutinho. A campeã do "BBB 20", Thelma Assis, e o humorista Fábio Porchat também farão uma participação. Neste ano, todas as doações para a campanha serão feitas exclusivamente por empresas

Anitta volta ao palco de Jimmy Fallon, desta vez como atração principal

Anitta volta ao palco de Jimmy Fallon, desta vez como atração principal

Anitta, 27, vai ser a atração musical do "The Tonight Show", popular late show da rede americana de TV NBC na noite desta quarta-feira (23). A brasileira vai apresentar a música "Me Gusta", que ela lançou recentemente e tem participações de Cardi B e Myke Towers.

Os brasileiros terão que esperar o canal do programa no YouTube disponibilizar o vídeo da performance, que conta com Cardi B e Myke Towers. O talk show começa às 0h30 (horário de Brasília). 

Essa não será a primeira aparição dela no programa apresentado atualmente pelo comediante Jimmy Fallon. Em 2017, ela esteve no programa para apresentar a música "Switch", que lançou ao lado de Iggy Azalea.

No entanto, a presença de Anitta no palco durou tão pouco que virou meme. Na internet, fãs comentavam que Iggy estaria tentando atrapalhar a carreira internacional da brasileira. Desta vez, ela será a estrela principal.

Exibido desde 1954 pela NBC, o "Tonight Show" é um dos mais emblemáticos programas da história da televisão. Fallon é o seu sexto apresentador, que já teve Johnny Carson (de 1962 a 1992) e Jay Leno (1992 a 2014) ocupando anteriormente o seu lugar.

Há poucas semanas, Anitta também apareceu no talk show de James Corden.

Avril Lavigne anuncia uma live beneficente para outubro

Avril Lavigne anuncia uma live beneficente para outubro

Avril Lavigne anunciou que fará um show ao vivo, pela internet, para arrecadar fundos para as pessoas com doença de Lyme. Em fevereiro de 2019, a cantora usou o perfil dela no Instagram para publicar uma prévia da canção "Warrior" e falou sobre a luta dela contra a patologia.

A doença de Lyme é uma infecção bacteriana transmitida por carrapatos, que tem entre seus sintomas dores de cabeça, manchas vermelhas pelo corpo, dores musculares e articulares e mal-estar geral.

"Esta é uma das primeiras músicas que eu escrevi para o álbum depois de Head Above Water. Ambos são sobre a batalha da saúde que continuo a lutar todos os dias. Espero que minhas músicas possam ajudá-lo a encontrar força, se você precisar", disse na ocasião.

Agora, no dia 24 de outubro, ela fará a live beneficente em prol dos pacientes. A transmissão será composta por músicas de diversas etapas da carreira da canadense, incluindo singles do mais recente álbum.

"Como a doença de Lyme é uma pandemia global, mas não uma prioridade global, precisamos de toda a ajuda possível para erradicar a doença. Não sendo capaz de trazer meu show para todos pessoalmente este ano, achei que era um bom momento para nos divertirmos enquanto arrecadamos fundos", escreveu no perfil dela no Instagram.

Os ingressos estão sendo vendidos no próprio site da cantora.

Especial ‘Sob Pressão: Plantão Covid’ já tem data para ir ao ar na Globo

Especial ‘Sob Pressão: Plantão Covid’ já tem data para ir ao ar na Globo

O especial da série “Sob Pressão”, que aborda a questão da pandemia do coronavírus, já tem data de exibição. O primeiro episódio vai ao ar no dia 6 de outubro, após a novela “A Força do Querer”. O segundo será exibido uma semana depois, no dia 13.

Nos dois episódios de “Sob Pressão: Plantão Covid”, a equipe médica formada por Carolina (Marjorie Estiano), Evandro (Julio Andrade), Décio (Bruno Garcia), Charles (Pablo Sanábio), Mauro (David Junior), Vera (Drica Moraes), Keiko (Julia Shimura), Marisa (Roberta Rodrigues) e Rosa (Josie Antello) tem a missão de combater a Covid-19. A história se passa em um Hospital de Campanha – um ambiente com mais de mil metros quadrados construído nos Estúdios Globo.

 

Além da homenagem aos profissionais que atuam no enfrentamento da doença, em ‘Sob Pressão: Plantão Covid’ o público vai conhecer um pouco mais do passado de Evandro e como nasceu sua vocação por salvar pessoas.

Cenas de flashback, em que o cirurgião se revê, 20 anos antes, com sua mãe, Penha (Fabiula Nascimento), revelam os motivos que o fizeram se tornar médico, e também sua admiração pelo doutor Samuel (Stepan Nercessian) – personagem que faleceu durante a segunda temporada da série –, grande amigo e principal motivador na carreira.  Quem interpreta o jovem Evandro é Ravel Andrade, irmão de Julio na vida real.  

 

Instituições brasileiras se unem à ONU em projeto para dar acesso a livro na web

Instituições brasileiras se unem à ONU em projeto para dar acesso a livro na web

Instituições brasileiras do livro e do mercado editorial se uniram à ONU para criar o projeto Clube de Leitura em língua portuguesa, com temáticas ligadas aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da instituição global.

A iniciativa é da Câmara Brasileira do Livro (CBL), da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) (sessão brasileira da iBBY, Conselho Internacional sobre Literatura para Jovens) e a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições (FEBAB).

O clube irá reunir obras brasileiras infantis e juvenis, a ficarem disponíveis na plataforma da ONU, que já conta com livros de outros países e idiomas.

A CBL trabalha agora para lançar uma plataforma onde será possível inscrever as obras brasileiras e a FNLIJ será a responsável pela seleção dos títulos.

Segundo as entidades, essa é uma oportunidade de fazer com que esses livros se tornem referências bibliográficas em escolas públicas e particulares, com a chancela da ONU. O lançamento deste Clube de Leitura em Língua Portuguesa acontecerá na Feira do Livro de Bolonha em 2021, programada para abril.

Com o projeto, o Brasil passa a integrar um movimento global chamado SDG Book Club, desenvolvido pela ONU com o apoio da Associação Internacional de Editores (IPA). A iniciativa tem a missão de disseminar os conteúdos dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável entre crianças e jovens de todo o mundo por meio do acesso a livros e à literatura. A ONU espera alcançar os objetivos de desenvolvimento sustentável e transformar o mundo para melhor até 2030.

"Há muitos livros excelentes em português que tratam dos diversos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável", diz o presidente da CBL, Vitor Tavares, em nota. "Eles podem ensinar as crianças sobre os desafios atuais e, talvez, nos ajudem a atingir os objetivos até 2030."

Buddy Valastro, o Cake Boss, publica foto em hospital após 'acidente terrível'

Buddy Valastro, o Cake Boss, publica foto em hospital após 'acidente terrível'

Buddy Valastro, 43, estrela do reality americano "Cake Boss", revelou nesta quarta-feira (23) ter sofrido um "acidente terrível" há alguns dias. O confeiteiro norte-americano publicou uma foto no seu perfil no Instagram em que aparece em uma cama de hospital e com um dos braços enfaixado.

Na legenda, ele escreveu: "Eu me envolvi em um acidente terrível alguns dias atrás. O que vocês acham do meu novo acessório?" Valastro não deu detalhes do que aconteceu. Pessoas de todo o mundo, inclusive do Brasil, comentaram na imagem desejando que ele se recupere logo.

Além do "Cake Boss", o confeiteiro é conhecido por apresentar outros programas culinários, como o "Next Great Baker", que no Brasil recebeu o nome de "Batalha dos Confeiteiros". O reality teve duas temporadas na Record, em 2015 e em 2018. Valastro tem também em São Paulo filiais da Carlo's Bakery, sua rede de padarias.