Compartilhar:
Enviar por e-mail
Imprimir
Rádio Super
avatar
Li e aceito os termos de utilização
Cadastre-se para poder comentar
Fechar

'Falas Negras'

Taís Araújo sobre viver Marielle Franco: 'Ela tinha tanto a dizer e a fazer'
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
carregando
Log View

Menina nem te conto

Bruno Miranda, o Borat de 'Amor e Sexo', segue em estado grave após ser baleado

Bruno Miranda, o Borat de 'Amor e Sexo', segue em estado grave após ser baleado

Bruno Miranda, 29, o Borat do programa "Amor e Sexo" (Globo), segue internado no CTI (Centro de Terapia Intensiva) em estado grave, de acordo com informações divulgadas pela direção do Hospital Municipal Lourenço do Rio de Janeiro nesta quinta-feira (26).

O assistente de palco de Fernanda Lima foi baleado por um policial militar após uma briga de trânsito no Recreio dos Bandeirante, no Rio. Após o disparo, o ator e modelo foi encaminhado para o hospital, onde passou por uma cirurgia de emergência. A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro não informou o local do tiro, mas segundo apurações da reportagem, o ferimento seria na região abdominal.

Até o momento, a Polícia Militar do Rio de Janeiro afirmou que a arma foi apreendida e o policial foi encaminhado para a 16ª DP por equipes da Operação Recreio Presente. Ainda não há informações se o policial sofrerá consequências.

Bruno Miranda faz sucesso nas redes sociais, onde geralmente publica fotos sensuais exibindo seu biotipo físico. O ator é casado com a médica Mariana Melgaço de Mello e pai do Enzo, 5, e vive em uma cobertura na zona oeste do Rio de Janeiro.

Em abril, para ajudar pessoas afetadas pela pandemia do novo coronavírus, Miranda realizou leilões de cuecas, sungas e bermudas através das suas redes socais. "Tenho uma vida confortável com a minha família, mas na favela a coisa está feia. Conheço pessoas em comunidades ao redor da Ilha do Governador e tem muita gente passando aperto", contou à época.

Miranda chegou a ser advertido pelo Instagram e informado que seria suspenso por tempo determinado por ter compartilhado conteúdo impróprio. "Eu acho estranho porque eu posto foto do Borat, que é um personagem, que usa maiôs cavados, sungas cavadas e implicam. Aí, vejo fotos de celebridades, musas fitness com os peitos de fora cobertos só por estrelas ou com as mãos e até mesmo tangas cavadíssimas, e elas não são censuradas. Mulher pode? As regras não são para todos? Eu fico chateado e acho que existe uma perseguição", disse ele.

Mauricio de Sousa conta que criou desenho em homenagem a Maradona

Mauricio de Sousa conta que criou desenho em homenagem a Maradona

A morte de Diego Armando Maradona, 60, campeão da Copa do Mundo de 1986 com a seleção da Argentina e um dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos, anunciada na tarde desta quarta-feira (25), tocou diversas pessoas, inclusive Mauricio de Sousa, 85.

O cartunista brasileiro compartilhou uma homenagem ao craque de futebol através das redes sociais, e revelou que chegou a criar um desenho para Maradona nos anos 1980, mas que não foi para frente. "Desenhei alguns personagens pra ele e, para minha surpresa, ele sacou um bloco, lápis e também desenhou para mim. Uma paisagem simples, mas super valiosa", escreveu.

O criador da "Turma da Mônica" afirmou que o projeto estava pronto para ser lançado, o que nunca aconteceu. "Infelizmente não teve continuidade. Encaminhei todo o material produzido para sua família", completou.

A animação inspirada em Diego Maradona e suas memórias se chamaria "Turma do Dieguito". "Jovem, afável, na super blindada concentração da seleção argentina (vésperas da Copa do Mundo), bem distante de Buenos Aires, me recebeu amável, disposto a falar de infância, dos amiguinhos da época", disse Mauricio de Sousa em seu Twitter.

A informação sobre a morte de Maradona foi confirmada pelo advogado pessoal do craque. Segundo o jornal "Clarín", ele teve uma parada cardiorrespiratória em casa, em Tigre, na região de Buenos Aires, onde estava desde que passou por um procedimento cirúrgico na cabeça mais cedo neste mesmo mês de novembro.

Maior ídolo esportivo da Argentina, Maradona nasceu no dia 30 de outubro de 1960 e cresceu no humilde bairro de Villa Fiorito, no subúrbio de Buenos Aires. Campeão mundial em 1986, quando teve seu auge na Copa do México, tornou-se uma das figuras mais populares e controversas das últimas décadas.

Ganhou em 2000 uma eleição popular feita pela Fifa na internet para eleger o melhor jogador do século 20. Com 53,6% dos votos, superou Pelé (18,53%) nessa enquete e levou um troféu da entidade, que conferiu também ao brasileiro um prêmio de melhor do século 20, só que em votação da "Família do Futebol", um comitê montado pela Fifa.

As homenagens para Maradona tomaram conta das redes sociais. O ator mexicano Carlos Villagran, 76, conhecido por interpreta o personagem Kiko em "Chaves" (Televisa), publicou uma imagem ao lado do ídolo argentino. "Eu, Carlos Villagran Kiko, como todos os mexicanos, sofremos muito com a morte do GRANDE GRANDE DIEGO ARMANDO MARADONNA." (sic).

'A Fazenda 12": Quem você quer que permaneça do reality rural? Vote

'A Fazenda 12

Lidi, Mariano e Raissa estão na roça e um deles dará adeus ao jogo na próxima quinta-feira (26) na eliminação de "A Fazenda 12" (Record). E você? Quem quer que fique no programa? Vote:

Created with Poll Maker

'A Fazenda 12': Lidi, Mariano e Raissa estão na roça

'A Fazenda 12': Lidi, Mariano e Raissa estão na roça

Lidi, Mariano e Raissa estão na roça e um deles dará adeus ao jogo na próxima quinta-feira (26) na eliminação de "A Fazenda 12" (RecordTV). Mariano já estava na roça, pois foi vetado da prova por Lidi na noite anterior.

Para que se chegasse a essa configuração, Lidi Lisboa, Mateus Carrieri e Raissa Barbosa disputaram nesta quarta-feira (25) a Prova do Fazendeiro. A etapa testava agilidade e mira dos peões.

Na prova, os competidores tinham de puxar correntes e passar bolas de um lugar ao outro. Depois, atravessavam uma cama de bolas para fazer cestas. Então, tinham de pegar placas, as equilibrar no alto e montar uma frase referente a um patrocinador. O mais rápido venceria.

No começo, Mateus foi melhor encaçapando mais rapidamente as bolas. Raissa vinha logo atrás. Lidi se complicou na hora de puxar as correntes e não conseguiu evoluir tão bem.

Com o resultado, Mateus foi o mais competente na mira e mais concentrado e se sagrou o novo Fazendeiro da semana.

Júlio Rocha relembra preconceito e dá dicas para ser o rei do Tik Tok

Júlio Rocha relembra preconceito e dá dicas para ser o rei do Tik Tok

Luz, câmera, ação. Nunca essas três palavrinhas simples fizeram tão parte da vida de Júlio Rocha, 41, quanto neste momento de quarentena em casa e com um monte de ideias na cabeça. Há cinco meses, ele se rendeu às redes sociais e começou uma produção incessante de vídeos diários, alguns deles com até 10 milhões de visualizações.

Da concepção até a publicação, Rocha conta que passa praticamente o dia inteiro em produções online. E já há quem o chame de rei do TikTok. "Estamos sempre atrás de bombar", diverte-se o ator, que usa e abusa de todos os canais virtuais do Instagram ao Facebook.

"As visualizações são que nem bolsa de valores, uma hora amentam, em outras caem. Tinha um olhar que inferiorizava o poder da rede social. Como ator, pensava que tinha de buscar bons personagens, fazer Shakespeare e rede social era coisa sem valor", relembra. Hoje, no Instagram, ele já passa de 750 mil seguidores e de 500 mil no TikTok.

Rocha revela ter vencido a barreira após descobrir o valor da internet para a sua carreira. E justamente por causa disso, ele agora pode dar dicas para quem, assim como ele, quer tirar o máximo de proveito das redes sociais. "O mais importante é não ter autocrítica elevada que o impeça de fluir as ideias. Antes pensava que era pagar mico, que não precisava disso. Talvez as pessoas recebam críticas ou julgamentos. É preciso eliminar essas questões, inseguranças, medos, e deixar rolar sua livre expressão e identidade."

Embora tenha adquirido muitos seguidores e se destacado nas redes sociais nos últimos meses, Rocha diz que há um mês pôs o pé no freio e gasta, em média, três horas por dia com criação de conteúdo -o ator virou pai e tem dois bebês em casa.

Rocha, que recentemente estava na reprise de "Fina Estampa" (Globo), diz que para ser um influenciador de sucesso é preciso não deixar de produzir. "Tem as lives do Facebook, o Reels, dá para fazer carrossel de fotos, são ao menos cinco canais só no Instagram. O ideal é conseguir se dedicar a todos eles."

"Também produzo muito conteúdo relacionado a paternidade no IGTV", revela o ator que apesar de toda a rotina criativa diz não ter uma grande organização para pensar em roteiros. "Às vezes surge uma ideia de madrugada e eu já anoto para não esquecer."

 

O ano de 2020 começou promissor para Júlio Rocha. Ele produzia um texto de stand-up para levar para os teatros do país, mas tudo ficou em suspenso por causa da pandemia. Também tem um filme para ser lançado e já se debruçava em outro roteiro de longa, mas que ainda não tem certeza de que saia do papel.

Com projetos paralisados, ele viu na criação de conteúdo uma forma de passar o tempo e, ao mesmo tempo, se tornar mais popular. Apesar de, segundo ele, os vídeos não ajudarem com relação ao seu trabalho de atuação, eles auxiliam de outra forma.

"O que tenho percebido é que as minhas postagens têm gerado demanda de trabalho boa, estou fazendo propaganda de marcas importantes toda a semana. Muitas empresas querem se comunicar com nicho que tenho nas mãos. E diante de tantas notícias ruins, decidi que eu iria deixar meus dias mais leves e produtivos em família."

Embora não tenha projetos para TV em 2021, Júlio Rocha conta que não vai parar de fazer vídeos mesmo quando a rotina de trabalhos voltar à normalidade. "Estou encontrando muita paz e prazer com conteúdo para internet. É louco, faz cinco meses que comecei a mexer nas redes sociais, e as pessoas me veem nas ruas e comentam dos vídeos. Prometo a elas que verão o meu melhor nas redes."

De 'Vikings' a 'Divergente': Confira o que chega à Netflix em dezembro

De 'Vikings' a 'Divergente': Confira o que chega à Netflix em dezembro

A Netflix apresenta novidades para o mês de dezembro em sua plataforma. São diversas séries, documentários e novos filmes que começam a fazer parte do streaming logo no primeiro dia do mês.

Dentre eles, destaque para a segunda parte da sexta temporada de "Vikings", série mitológica que acompanha as guerras e conflitos em tempos medievais. A produção era uma das mais aguardadas pelos fãs. Estreia dia 31 de dezembro.

Além dela, destaque para a trilogia "Divergente", filmes que chegam em 15 do mês de dezembro. Trata-se de uma trilogia baseada em romances da autora americana Veronica Roth.

Filmes natalinos também farão parte do catálogo. Dentre eles "O Presente de Natal de Angela" que conta a história de uma reunião de uma família durante a celebração que não ocorre como esperado. Chega no primeiro dia do mês.

Outra novidade, no ar a partir de 15 de dezembro, é "Liga da Justiça". Batman (Ben Affleck) forma um grupo de super-heróis com a Mulher-Maravilha (Gal Gadot), Aquaman (Jason Momoa), Flash (Ezra Miller) e Ciborgue (Ray Fisher) para enfrentar inimigos terríveis.

Anitta é tema de um documentário que estreará dia 16 sobre sua vida privada e sua carreira.

Já no dia 8, é Emicida quem se destaca no documentário "Emicida: Amarelo - É Tudo para Ontem". Nele, é mostrado o show de Emicida no Theatro Municipal em 2019 e explora a produção do projeto de estúdio AmarElo e a história da cultura negra brasileira nos últimos cem anos.

 

Roberto Cabrini estreia no 'Domingo Espetacular' com reportagem na cadeia

Roberto Cabrini estreia no 'Domingo Espetacular' com reportagem na cadeia

O jornalista Roberto Cabrini vai estrear no "Domingo Espetacular" (RecordTV) neste domingo (29) com uma grande reportagem na qual vai até a cadeia conversar com um homem acusado de matar a advogada Tatiane Spitzner, em 2018, no Paraná.

Em seu primeiro trabalho no programa, ele apresenta uma investigação com entrevistas e revelações inéditas sobre o caso, cuja morte se transformou numa das acusações de feminicídio mais comentadas do país.

Cabrini entrevistará o marido, Luis Felipe Manvailer, acusado de atirar a jovem pela sacada, na Penitenciária Industrial de Guarapuava (PR), prisão onde aguarda o julgamento marcado para 3 de dezembro, ele conta pela primeira vez a sua versão sobre o que ocorreu naquele dia.

O jornalista também entrará no apartamento onde tudo aconteceu e vai refazer o passo a passo do que teria acontecido na noite em que a jovem morreu.

Além do homicídio com quatro qualificações (meio cruel, dificultar defesa da vítima, motivo fútil e feminicídio), cuja pena varia de entre 12 a 30 anos de prisão, ele também responderá por fraude processual por ter tentado mudar o local do crime, que pode levar a até dois anos de reclusão, e por cárcere privado, por impedir que a vítima fugisse, com pena de até cinco anos. Manvailer está preso desde o dia 22 de julho de 2018.

Esta não é a primeira passagem do jornalista pela RecordTV. Ele já foi apresentador do Repórter Record em 2009. Em setembro, Cabrini disse ao F5 que estava tranquilo com relação a sua saída do SBT. "Foi consensual", afirmou. "(Estou) muito feliz o que que vem por aí."

Gracyanne Barbosa, Mayra Cardi e Gabriela Pugliesi são cotadas para o 'BBB 21'

Gracyanne Barbosa, Mayra Cardi e Gabriela Pugliesi são cotadas para o 'BBB 21'

A influenciadora digital Gabriela Pugliesi, 34, é um dos nomes cotados para o "Big Brother Brasil 21". Em outubro, a Globo anunciou que a próxima edição do reality, que está programada para o início de 2021, vai repetir a fórmula de sucesso deste ano, com inscritos e convidados misturados.

Segundo o colunista Fefito, do UOL, Pugliesi recebeu sondagem para integrar o elenco da nova temporada do programa. Com 4,3 milhões de seguidores no Instagram, a influenciadora passou por maus bocados este ano e chegou a desativar a sua conta na rede social por três meses. Ela foi muito criticada por promover uma festa em abril, em meio à pandemia do novo coronavírus.

De acordo com noticiado anteriormente pela colunista Fábia Oliveira, do jornal "O Dia", a Globo busca nomes fortes na internet para o "BBB 21". Além de Pugliesi, Kéfera, Gracyanne Barbosa, Mayra Cardi, Ney Lima e Alex Mapeli são outras celebridades cotadas para participar do reality.

A Globo não costuma se pronunciar sobre os nomes dos possíveis participantes do "Big Brother Brasil", cotados na mídia. Mas, no último dia 14, Boninho, 59, mente por trás do reality, se manifestou por suas redes sociais sobre o assunto.

"Nao! Luana Piovani nao e nosso sonho. E apenas uma amiga. Ah! Andressa, Joaquim, Joao, Luiza nao, nao estao entre nossos convidados", escreveu ele na publicação. "Ate agora todas as tentativas de adivinhar foram inuteis. Nao pediria um palpite para a Mega-Sena para nenhum desses palpiteiros!! Continuamos no jogo e sem vazamentos. O jogo so comecou."

Sonia Braga está na lista dos 25 melhores atores do século do 'New York Times'

Sonia Braga está na lista dos 25 melhores atores do século do 'New York Times'

O jornal "The New York Times" publicou nesta quarta (25) uma lista com os 25 melhores atores do século XXI, até o momento. A atriz brasileira Sonia Braga aparece no 24º lugar do ranking. Os críticos de cinema do jornal Manohla Dargis e A. O. Scott, responsáveis pela escolha dos artistas, destacaram a atuação da atriz nos filmes "Aquarius" (2016) e "Bacurau" (2019), ambos de Kleber Mendonça Filho.

"Ela interpreta Domingas (em 'Bacurau'), uma médica de uma pequena cidade com problemas com bebida e uma personalidade às vezes abrasiva - um papel cômico e sem glamour que ninguém mais poderia ter desempenhado com tanta profundidade e graça. Ou, como disse Mendonça: 'Em uma sinfonia, ela seria o piano'", escreveu Scott.

A lista contempla artistas bem conhecidos do público mundialmente como Gael Carcía Bernal (25º), a Catherine Deneuve (21º), Joaquin Phoenix (12º), Viola Davis (9º), Nicole Kidman (5º) e Keanu Reeves (4º). Nos três primeiros lugares estão: Denzel Washington (1º), Isabelle Huppert (2º) e Daniel Day-Lewis (3º).

No texto de apresentação do ranking, os críticos do New York Times destacam que não existe uma fórmula para escolher os melhores artistas dos últimos 20 anos. Eles ponderam que a lista é subjetiva e "possivelmente escandalosa em suas omissões".

Para a seleção, Manohla Dargis e A. O. Scott disseram que se concentraram neste século e procuraram olhara além de Hollywood. "São 25 motivos pelos quais ainda amamos filmes, talvez mais do que nunca", escreveram.

'Eu tive medo por anos', diz Mari Belém ao relatar violência sexual que sofreu

'Eu tive medo por anos', diz Mari Belém ao relatar violência sexual que sofreu

Com o objetivo declarado de encorajar e confortar outras mulheres, a cantora e influenciadora Mari Belém, 40, contou publicamente, pela primeira vez, sobre o abuso sexual que sofreu na infância.

Um longo relato foi publicado no início da madrugada desta quarta-feira (25) nas redes sociais da filha da cantora Fafá de Belém. "Se esse relato fizer pelo menos uma pessoa se sentir acolhida, parte de algo ou até encorajar alguém a se abrir, eu já sentirei um alívio ainda maior", disse.

O abuso aconteceu quando ela tinha 7 anos. Um homem, cujo nome Mari não revelou, cometeu a agressão sexual e, segundo a artista, só não foi mais violento porque ela correu e a mãe chegou logo em seguida.

"Algo me fez correr porque achei errado um homem que deveria cuidar de mim estar passando a mão dentro do meu biquíni, colocando a minha mão no pênis dele e pedindo para eu dar beijo naquela parte do corpo", relatou. "Algo fez minha mãe chegar enquanto eu corria dele. Algo ali me salvou de algo pior".

Mari demorou 17 anos para contar o caso para a mãe, apesar de considerá-la uma parceira e confidente. E, mesmo tendo falado sobre a história, os detalhes só foram revelados para Fafá durante a pandemia do coronavírus, quando as duas foram morar juntas.

A cantora e influenciadora lembra da casa em que a agressão sexual ocorreu e do momento em que a mãe chegou. O trauma foi superado com a ajuda de atendimento psicopedagógico e por meio de muitas leituras.
"Mas nunca esqueci. E quem não teve terapia? Informação? Uma mãe confidente? Se nem eu consegui contar para minha, sempre aberta a conversar sobre tudo...", disse Mari.

Da mesma forma que acontece com outras vítimas, a artista achou que era responsável pelo abuso e sentiu medo e vergonha durante vários anos.Mari defende que o assunto seja discutido e recomenda a leitura do livro "Abuso - A Cultura do Estupro no Brasil", da jornalista Ana Paula Araújo. Segundo ela, le a obra a fez conseguir contar a história publicamente.

Outras artistas, como Xuxa, 57, já relataram terem sido vítimas de abusos sexuais na infância e juventude. "Tomo de três a quatro banhos por dia, antes e depois de transar sempre. Demoro bastante para me sentir limpa. Vejo que ninguém mais faz isso", contou a apresentadora em entrevista recente.

Ator Flavio Bauraqui, do especial 'Falas Negras', assume namoro com arquiteto

Ator Flavio Bauraqui, do especial 'Falas Negras', assume namoro com arquiteto

O ator Flavio Bauraqui, 54, que interpretou o abolicionista Luis Gama no especial "Falas Negras", da Globo, revelou que está namorando o arquiteto e urbanista Helder Mendes.

Ele publicou no Instagram uma foto em que aparece dando um beijo no rosto de Mendes e escreveu: "Bons encontros". Muitos internautas e artistas parabenizaram o novo casal, um deles foi Lázaro Ramos, que comentou: "Amados. Você merece todo o amor do mundo, Flavinho".

Concebido por Manuela Dias (autora da novela "Amor de Mãe") e dirigido por Lázaro Ramos, o especial "Falas Negras" transformou textos e depoimentos de figuras históricas e contemporâneas em monólogos impactantes.

Todos os vultos retratados eram negros que se destacaram de alguma forma na luta contra a escravidão, o racismo e a desigualdade, desde o século 17 até os dias de hoje. E todos foram interpretados por atores negros. O programa especial foi exibido na sexta (20), Dia da Consciência Negra.

Autora de hit de 'Crepúsculo', Christina Perri lamenta morte da filha

Autora de hit de 'Crepúsculo', Christina Perri lamenta morte da filha

A cantora Christina Perri, 34, revelou nesta quarta (25), por meio de suas redes sociais, que a sua filha recém-nascida morreu. "Ontem à noite nós perdemos nossa bebê. Ela nasceu em silêncio depois de lutar muito para sobreviver no nosso mundo. Ela está em paz agora e vai viver para sempre em nossos corações", escreveu a artista no Instagram, ao lado de uma foto em que ela e o marido seguram a mãozinha da bebê.

Semanas antes, Perri havia sido internada por complicações na gravidez. "Por favor, mandem um pouco de amor do seu coração para o pequeno coração que bate em mim para que todos nós superemos isso."

A cantora e o marido, Paul Costabile, são pais de Carmella, 2. No início de novembro, ela publicou fotos de um ensaio que fez para celebrar a gravidez após revelar ter sofrido um aborto espontâneo em janeiro. "Depois de um aborto espontâneo em janeiro, tudo mudou para mim. Eu realmente sou grata por estar grávida e grata por ser mulher", escreveu, na ocasião.

Christina Perri é famosa pela música "A Thousand Years", trilha da saga "Crepúsculo".

'A Fazenda 12': Mariano está na roça; três peões disputam Prova do Fazendeiro

'A Fazenda 12': Mariano está na roça; três peões disputam Prova do Fazendeiro

Mariano é o primeiro confirmado na 11ª roça de "A Fazenda 12" (RecordTV). Além dele, os participantes Lidi Lisboa, Mateus Carrieri e Raissa Barbosa disputam nesta quarta-feira (25) a Prova do Fazendeiro. Quem não ganhar, também disputará a roça desta semana.

A noite começou com Lipe Ribeiro tendo o direito de ler as duas mensagens que havia no lampião por ter sido o vencedor da Prova de Fogo. Ele escolheu ficar com o poder da chama vermelha e entregou o verde para Lidi.

Na sequência, a fazendeira Jojo Todynho indicou Lidi para a roça. A cantora justificou dizendo que se decepcionou com a atriz por ela estar sendo influenciada por Lucas Selfie, que já deixou o jogo. Lidi disse já estar esperando o voto. Mesmo assim as duas discutiram feio.

Depois, o apresentador anunciou que a votação desta semana seria diferente. Os peões da sede só poderiam votar entre si, escolhendo um indicado à roça. Do mesmo modo, os que estavam na baia poderiam escolher apenas entre eles, elegendo outro candidato à berlinda.

Pela sede, o indicado foi Mariano. O cantor teve dois votos e ficou empatado com Stéfani Bays. A fazendeira optou por salvar a amiga. Já pela baia, a escolhida foi Raissa, que recebeu três votos.

Nesse momento, o apresentador Marcos Mion pediu para que Lipe lesse o poder da chama vermelha. Ele anunciou que poderia começar o jogo de "resta um", que definiria o quarto indiado à roça.

Lipe salvou Stéfani, que salvou Jakelyne Oliveira, que salvou Tays Reis, que salvou Biel. Desse modo, Mateus acabou sendo o escolhido para ocupar o quarto banco.

Por ser o último indicado, ele tinha o direito de vetar um dos participantes da Prova do Fazendeiro. Ele optou por Lidi.

Por fim, Mion pediu para Lidi revelar qual era o poder da chama verde. Ela anunciou que poderia trocar o peão vetado da Prova do Fazendeiro. Ela escolheu mandar Mariano direto para a berlinda.

Após receber o veto, o cantor disse que a atriz é a pessoa mais mal agradecida que ele já conheceu. Já Mateus afirmou que ela não tem caráter e que deveria ter sido ele o vetado.

CONFIRA QUEM VOTOU EM QUEM (SEDE):

Mariano votou em Stéfani Bays
Biel votou em Stéfani Bays
Stéfani Bays votou em Mariano
Lipe Ribeiro votou em Biel
Lidi Lisboa votou em Mariano

CONFIRA QUEM VOTOU EM QUEM (BAIA):

Tays Reis votou em Raissa Barbosa
Raissa Barbosa votou em Mateus Carrieri
Mateus Carrieri votou em Raissa Barbosa
Jakelyne Oliveira votou em Raissa Barbosa

Zezé di Camargo fala da morte do pai, Seu Francisco: 'Meu amor é tão grande'

 Zezé di Camargo fala da morte do pai, Seu Francisco: 'Meu amor é tão grande'

Zezé di Camargo, de 58 anos, usou as redes sociais para se pronunciou sobre a morte do pai, Francisco Camargo, de 83 anos. Em um relato emocionante, o cantor se desculpou por 'insistir' em que o pai ficasse e comentou sobre a tristeza da perda.

"Peço perdão pela tristeza que estou sentindo agora, porque sei que minha dor também é sua. Me perdoe pelo egoísmo de insistir que fique aqui, mas meu amor é tão grande, que me tira a sensatez, a lucidez e o entendimento, que a vida é assim. Mais uma vez me perdoe, por insistir que fique aqui. Te amo, meu pai", escreveu Zezé.

 

O pai da dupla sertaneja Zezé Di Camargo e Luciano, conhecido como Seu Francisco, morreu às 23h05 da noite dessa segunda-feira (23), em decorrência de instabilidade hemodinâmica e parada cardiorrespiratória. Ele estava internado no Hospital Órion, em Goiânia, há cerca de 14 dias.

Ele chegou ao hospital no dia 10 de novembro, quando começou a sentir dores no intestino. Após quatro dias, Seu Francisco passou por uma cirurgia de emergência após ser diagnosticado sangramento intestinal. Na ocasião, os filhos Zezé di Camargo e Luciano visitaram o pai na unidade hospitalar.

Graciele Lacerda, de 40 anos, esposa de Zezé di Camargo, também usou as redes sociais para lamentar a morte do sogro. "Queria escrever aqui um pouco do que estou sentindo. Mas é impossível resumir em palavras tantos sentimentos. Uma mistura de amor, dor e saudade... eu sei que tudo acontece no tempo de Deus, mas é difícil racionalizar isso quando a notícia chega", escreveu a modelo.

 

Graciele afirmou que por conta do isolamento social, em virtude da pandemia do novo coronavírus, teve oportunidade de conviver com Seu Francisco. Ela definiu como "dias incríveis". "Fizemos churrasco no ranchão, roda de viola e teve muita pescaria na beira do rio! Ah, e como esquecer o doce de abóbora que o senhor fez para nós? São momentos assim que guardaremos em nossos corações."

A ex-esposa de Zezé, Zilu Godoi, de 62 anos, com quem o cantor tem três filhos (Wanessa, Camilla e Igor Camargo), desejou que o ex-sogro descansasse em paz. "Que Deus o receba com todo amor, e a mesma luz que o senhor nos emanava! Deixo aqui meus sinceros sentimentos à toda família, em especial à Dona Helena", escreveu Godoi em uma foto publicada no Instagram.

 

O corpo de Seu Francisco é velado nesta terça-feira (24)  no Jardim das Palmeiras, em Goiânia, e o sepultamento acontecerá no final da tarde, às 17h. "Seu Francisco se despede com a certeza de missão cumprida", diz nota da assessoria da dupla. Luciano Camargo, que está com Covid-19, não participará da cerimônia de despedida do pai. 

Globo exibe ‘2 Filhos de Francisco’ na ‘Sessão da Tarde’ desta terça

Globo exibe ‘2 Filhos de Francisco’ na ‘Sessão da Tarde’ desta terça

A Globo anunciou que vai exibir na “Sessão da Tarde” desta terça-feira (24) o filme “2 Filhos de Francisco”, em uma homenagem Francisco Camargo, pai da dupla Zezé di Camargo e Luciano que morreu nessa segunda-feira (23), aos 83 anos, após sofrer uma parada cardiorrespiratória.

Campeão de bilheteria, o longa lançado em 2005 conta a história dos dois irmãos desde a infância até o sucesso em todo o Brasil. O filme, dirigido por Breno Silveira, destaca o apoio que Seu Francisco deu aos filhos para que eles seguissem com a carreira.

 

A decisão de exibir “2 Filhos de Francisco” foi tomada de última hora pela Globo. Na programação, estava prevista para esta terça-feira a exibição do drama “Tudo que Quero”. A “Sessão da Tarde” vai ao ar logo após o “Jornal Hoje”. 

 

Com Covid-19, Luciano Camargo não irá ao velório e enterro do pai

Com Covid-19, Luciano Camargo não irá ao velório e enterro do pai

Luciano Camargo, de 47 anos, usou o Instagram para prestar uma homenagem ao pai, José Francisco Camargo, que morreu na noite dessa segunda-feira (23) aos 83 anos, após sofrer uma parada cardiorrespiratória.

Devido ao diagnóstico de Covid-19 que recebeu na semana passada, Luciano não poderá comparecer ao velório e enterro do pai que acontecerá nesta terça-feira (24) no Jardim das Palmeiras, em Goiânia, às 17h. Isolado em sua casa, o cantor sertanejo lamentou não poder se despedir de Seu Francisco.

"Muitas vezes eu fui ao encontro dele, na sensação de que seria o último, que seria a despedida, pois a sua saúde há anos que não era a mesma, mas ele nos surpreendia sempre. Em nosso último encontro, semana passada, eu senti um forte aperto no peito, foi diferente", afirmou o músico, que pressentiu o adeus ao pai. "Foi como se eu já soubesse que não poderia estar hoje com ele para me despedir", completou.

 

No dia 14 de novembro, Seu Francisco passou por uma cirurgia de emergência após ser diagnosticado com um sangramento intestinal. Ele estava internado havia cerca de quatro dias, quando começou a sentir dores na região.

Com isso, Luciano Camargo e seu irmão, Zezé Di Camargo, acompanharam o procedimento realizado no hospital particular Órion. Alguns dias depois, Luciano sentiu leves sintomas de gripe e resfriado e portanto, decidiu fazer exame de diagnóstico do novo coronavírus.

Na última sexta-feira (20), através das redes sociais, o cantor sertanejo confirmou o diagnóstico positivo para Covid-19 e lamentou a notícia. "Vocês sabem o tanto que sou exagerado nos cuidados com a minha saúde e a de toda minha família, né? Principalmente em relação a Covid. Na semana passada, fui para Goiânia visitar os meus pais, passei quatro dias com eles e, assim como fiz em outubro, quando fui visitá-los, também realizei exames para ir com segurança. Afinal, todos sabem da fragilidade da saúde do meu pai e todo cuidado é pouco com ele", contou na ocasião.

Ainda em seu pronunciamento feito nesta terça, Luciano disse que espera um dia entender o motivo pelo qual "o propósito de Deus, que é bom o tempo todo, o fez não poder se despedir daquele que o colocou no mundo". "Peço a Deus que conforte o coração de toda minha família e agradeço desde já as mensagens que estou recebendo aqui", escreveu.

Flavia Camargo, esposa de Luciano, e com quem o artista tem duas filhas (Isabella e Helena) também se manifestou nas redes. "Era difícil vê-lo em uma cama, onde o corpo não correspondia mais suas vontades de menino. Alivia a alma saber que ele aceitou Jesus e neste momento já está com o Pai. Alivia também saber que o Luciano se despediu do pai nas últimas semanas, que mesmo com o pavor que ele estava de adoecer, foi ao seu encontro, porém infelizmente na última viagem contraiu Covid-19."

 

Integrante do Rosa Neon, Marcelo Tofani apresenta a trilogia 'Começou Chorare'

Integrante do Rosa Neon, Marcelo Tofani apresenta a trilogia 'Começou Chorare'

Marcelo Tofani faz parte da chamada nova música mineira. Desde a adolescência, o cara está aí na área, escrevendo poesias, tirando uns acordes e, claro, realizando seus sonhos. Recentemente, ele lançou nas plataformas digitais a “Balada dos Nove Raios”, que ganhou um videoclipe assinado por Caio Vieira. A produção, no entanto, faz parte de uma trilogia, segundo explicado pelo músico ao programa Manhã Super, da rádio Super 91,7 FM.

“A trilogia se chama ‘Começou Chorare’, e a ideia desse nome é ser uma antítese, referenciando fortemente o disco do Novos Baianos, o ‘Acabou Chorare’, que é um álbum que me marcou muito e é ensolarado. E as músicas dessa trilogia são mais emocionais, soturnas, então é um certo contraponto: ‘Acabou Chorare’, de vamos parar de chorar; e ‘Começou Chorare’, de está tudo bem chorar, vamos botar a emoção para fora”, explica o artista.

A segunda faixa do projeto “Começou Chorare”, de acordo com Tofani, será lançada nesta terça-feira (24), no YouTube, já com um clipe. A nova música foi batizada de “Te Ver Foi Demais”, e o artista segue fazendo mistério sobre o derradeiro lançamento, que acontecerá em dezembro, segundo seu cronograma. O cantor, porém, ressalta que a trilogia é um marco na sua carreira, tanto como cantor quanto como compositor.

“Esse trabalho marca uma nova fase na minha carreira depois de todo o processo com o Rosa Neon. E eu sinto que os meus primeiros lançamentos, que significam muito para mim enquanto cantor solo, eram em uma fase em que estava muito novo e sinto que houve um amadurecimento meu na composição, na estética e na voz”, conta ele.

Como bem pontuado por Tofani, o Rosa Neon foi, e ainda é, um universo construtivo, transformador. Questionado sobre o sucesso da banda, que é formada por ele, Luiz Gabriel Lopes e Marina Sena, o músico é categórico em dizer que o segredo está no pop. “O Rosa Neon causou impacto, tanto para as pessoas que já acompanhavam a gente quanto para as pessoas que nos conheceram na banda, por fazer música pop, sem medo de ser pop, e nós sempre fomos compositores de música pop”, garante ele.

Tofani brinda, inclusive, os vários ritmos brasileiros que, sim, estão dentro de um balaio chamado pop music. “O pop é tudo: MPB, pagode, funk… O pop no Brasil é muito diverso, muito plural, e isso é muito bonito”, garante o artista, deixando escapar que o Rosa Neon, já conhecido e reconhecido nos quatro cantos do país, poderá encerrar 2020 com uma surpresinha para os fãs. Qual será?

Claudia Raia lança biografia e diz: ‘Tem tanta coisa que ainda quero viver’

Claudia Raia lança biografia e diz: ‘Tem tanta coisa que ainda quero viver’

Dona de uma personalidade marcante e inconfundível, Claudia Raia conquistou o público nos palcos e na televisão com seu talento e versatilidade. Artista multifacetada, ela atua, dança, canta e também  trabalha como produtora teatral. Com quase 54 anos, que serão completados no próximo 23 de dezembro, a atriz celebra 35 anos de carreira em 2020 de uma maneira muito especial: contando suas memórias, a maioria nunca antes revelada, na recém-lançada autobiografia “Sempre Raia um Novo Dia”, escrita por ela e pela escritora e roteirista Rosana Hermann, e a fotobiografia “Raia”. Claudia conversou com o Magazine sobre os livros e também falou sobre a relação com a beleza e a maternidade. 

São quase 54 anos de vida e 35 anos de carreira. São muitas histórias para contar, né? Amor, são muitas! E é cada coisa inacreditável que já me aconteceu. Quando digo que minha vida são esquetes de comédia, não estou mentindo. E vocês vão ver ler tudo isso no livro. A Rosana Hermann, que escreveu o livro comigo, captou a minha essência de uma maneira muito impressionante. Ela tem uma sensibilidade, sabe?! Fiquei muito emocionada quando segurei na mão pela primeira vez. Tanto ele quanto a fotobiografia “Raia”, que também estou lançando. Ter uma vida inteira na palma das mãos é um sentimento que nem consigo descrever.

Com surgiu a ideia de fazer o livro de memórias? Foi um convite da editora HarperCollins. Mas eu fiquei um pouco na dúvida. Sou muito nova ainda para escrever uma biografia. Tem tanta coisa que ainda quero viver. Mas aí o Marcus Montenegro, um dos meus empresários, conversou comigo e falou que achava que seria interessante, justamente porque eu tenho muitas histórias para contar... E encarei como um desafio de reunir as memórias do primeiro ato da minha vida. Foi um processo muito divertido e emocionante. Passou um filme na minha vida. E me deu uma tranquilidade muito grande, porque é um orgulho de ter andado por todos esses caminhos, de ter vivido tudo isso. Tenho muita segurança na minha história e sou muito em paz com ela. Não tem espaço para arrependimento nem nada do tipo.

Para você, qual a história mais engraçada? Nossa, escolher uma história engraçada é difícil (risos). Minha vida são esquetes de comédia, amor. É uma coisa mais louca que a outra. Quando fazia “Cinco Vezes Comédia”, entrei em cena bem doida depois de inalar remédio para asma, já que eu não tenho asma (risos). Quando eu, lá em “Roque Santeiro”, pedi licença para Regina Duarte, a Viúva Porcina, para falar o meu “Eu também” (risos). Era minha primeira frase em meses de novela, não podia deixar passar. Eu tinha treinado variações dele (risos). 

 E o que você, se fosse hoje, não faria? Uma coisa que eu não faria acho que é apoiar o Fernando Collor (eleito presidente do Brasil em 1989), mas só penso isso porque já sei como essa história termina. Lá atrás, eu não sabia. Agi como achei que era mais correto no momento. Mas fica o aprendizado. 

No livro você fala sobre sua vida amorosa e cita Alexandre Frota, Jô Soares e Edson Celulari, que marcaram sua vida de maneiras diferentes. O que eles representam, hoje, em sua vida? Cada uma dessas histórias foi importante para mim. São pessoas que fizeram parte da minha vida. Nem todos permaneceram na minha vida, mas foram importantes naquele momento.

Além do “Sempre Raia um Novo Dia”, tem a fotobiografia. Há fotos inéditas? Tem conteúdo inédito, sim. Fotos que produzi para o livro. A curadoria é do Gringo Cardia. Foi dele, aliás, a ideia de fazer esse livro. Ele trabalhou comigo no musical “Raia 30” e falou que aquilo dava um livro. E não é que deu mesmo? A ideia era lançar para os 30 anos de carreira. Mas era tanta foto, e cada hora a gente queria acrescentar mais uma (risos). Tornou-se uma grande celebração para os 35 anos de carreira.

A maternidade foi um divisor na sua vida? A maternidade é o meu maior e melhor papel, não tenho dúvidas disso. Nasci para ser mãe e tenho plena consciência disso. Amo ser mãe e tenho uma relação muito linda com meus filhos. Lá em casa, não existe assunto tabu. Falamos sobre absolutamente tudo. Eu respeito as escolhas deles, entendo que é a vida deles e eles devem vivê-la como acharem melhor. Mas, claro, se tem algo que eu não concordo muito, falo, aconselho... Esse é meu papel também. 

Você é uma referência de beleza. Como é para você estar nesse lugar? Já recebeu muita cobrança por isso? A cobrança que eu sinto maior, na verdade, é hoje. Na verdade, não é uma cobrança, mas essa dificuldade da sociedade em entender a potência de uma mulher de 53 anos. Porque dá uma pane no sistema ver uma mulher bem resolvida com isso, já que a sociedade quer impor a nós uma busca eterna por juventude que não existe, é inatingível. Acho que eu continuar sendo uma referência de beleza mostra como é importante a gente se aceitar e buscar conviver bem com o nosso amadurecimento, com o passar do tempo. Eu continuo me cuidando: cuido da pele, da alimentação, faço minhas aulas de balé e musculação. Tudo isso eu sempre fiz porque gosto, não faço agora para aparentar ser mais nova do que sou. Estou em paz com a minha idade e faço questão de falar sempre, seja em entrevistas ou nas minha redes sociais, que nós, mulheres 50+, somos de uma potência absurda. Somos donas da nossa vida, do nosso dinheiro, do nosso tempo. Não precisamos nos encaixar em uma expectativa irreal da sociedade. É a sociedade que precisa nos reconhecer em toda a nossa potência e entender que nós continuaremos aqui existindo, falando sobre nossos dilemas, mostrando que o passar do tempo não é problema. Muito pelo contrário: a maturidade traz com ela coisas maravilhosas.

A personagem Tancinha está de volta em dose dupla: no canal Viva, com você, e na Globo, na interpretação de Mariana Ximenes. Você gosta de se ver na tela? Eu adoro rever meus trabalhos. Lá em casa, estamos vendo “A Favorita” também. Vemos “Sassaricando” no Viva. Para os meus filhos, é engraçado ver, porque eu e Edson estamos contracenando. Algumas cenas, eu os chamo para assistir (risos). É muito bom rever os personagens, receber o carinho do público, que também se diverte com a reprise, e relembrar a minha carreira, as oportunidades que cada uma dessas mulheres me proporcionou. Tancinha, por exemplo, foi a grande explosão da minha carreira, eu fiquei conhecida nacionalmente por causa dela. Quando soube que seria Mariana, essa minha filhota amada do coração, fiquei muito feliz. Ela, inclusive, me procurou para pedir a bênção. Eu não só abençoei, como aconselhei que ela fizesse a Tancinha dela, que ficou um encanto.

Hoje, quem é a Claudia Raia e o que ela almeja para a vida pessoal e profissional? Claudia Raia por Claudia Raia? (risos) Sou uma capricorniana, que não desiste. Uma operária da arte que ainda quer realizar muitos espetáculos e levar muita alegria para o público. Costumo dizer que eu tenho um combinado com Deus e vou desencarnar no palco, ao fim de um espetáculo, recebendo os aplausos do público. Ao mesmo tempo em que continuo essa pessoa extremamente instigada pelo trabalho, realizadora, eu aprendi (ou estou aprendendo) a priorizar, a viver no modo econômico. Entendi que não adianta querer fazer tudo ao mesmo tempo, é importante priorizar. Até para ter tempo de qualidade com minha família, por exemplo, e para mim também. Um plano na vida pessoal que ainda tenho? Ser mãe novamente. Ainda não tem data nem nada, mas é um sonho que quero realizar.

Revendo tudo o que você viveu nesses anos, qual balanço você faz da sua vida pessoal e profissional? Tudo valeu a pena!

Você iniciou a carreira muito jovem. Hoje, se você pudesse mandar uma mensagem para a jovem Claudia, o que você falaria para ela? Eu diria para ela continuar fazendo o que está fazendo, ouvir as pessoas importantes na vida dela e não ligar mesmo para o que os outros dizem. Ah, e que ter espaço para se adaptar, reajustar a rota, é importante.

Musa do 'Domingão' não posta foto do boy: 'Prefiro não fazer propaganda'

Musa do 'Domingão' não posta foto do boy: 'Prefiro não fazer propaganda'

Uma das beldades que integram o balé do “Domingão do Faustão”, da Globo, Natacha Horana revelou ao Super Notícia que está em um relacionamento sério, apesar de não expor o romance nas redes sociais.

“Não gosto de expor, porque o que ninguém sabe, ninguém estraga”, declarou. Prefiro não fazer propaganda gratuita de namorado”, completou Natacha Horana.

Segundo a dançarina do "Domingão do Faustão", outro motivo que a faz manter o atual romance em segredo é o profissionalismo. “Meu Instagram é profissional. Faço propaganda de produtos diariamente. Acho desnecessário fazer propaganda do boy”, garantiu a musa. 

Veja cliques de Luan Santana no Pantanal, onde fará live neste domingo (22)

Está quase na hora! Neste domingo (22), a partir das 17h, Luan Santana fará uma live diretamente do Pantanal, no Mato Grosso do Sul. O portal O TEMPO e o jornal Super Notícia tiveram acesso a um banco de imagens do cantor sertanejo nos bastidores do evento.

A transmissão online de Luan Santana tem como missão arrecadar fundos para reparar de alguma forma os danos ao bioma do Pantanal, que vem enfrentando queimadas nos últimos meses. A live, que acontecerá do Rio Paraguai, tem como parceiro o movimento Pantanal Chama.

"Vou ao Pantanal desde criança. Meu universo lúdico sempre foi real. Não virei biólogo, mas, com a música, ajudo a causa”, explicou Luan, garantindo que sempre teve uma preocupação de preservar o Pantanal. Para acompanhar a live, basta acessar o vídeo abaixo: