Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Não existe jogador inegociável

Publicado em 17/05/18 - 03h00

Alô, Nação Azul! Agora é respirar o clássico de sábado e a decisão com o Racing, na próxima terça-feira, pela Libertadores. Claro que, como prioridade, a briga pela liderança do grupo 5 da competição sul-americana fica em primeiro plano. Mano Menezes não irá perder a oportunidade de ser o primeiro do grupo e vingar a derrota sofrida na Argentina. A tendência natural é que o treinador escale um Cruzeiro forte, mas mesclado, o que seria a lógica. Dedé já estará fora por suspensão, e Thiago Neves só deve voltar na decisão de terça. Sobre Arrascaeta na Europa depois da Copa, nada é impossível, mas a diretoria avisa que não tem proposta. Em todo caso, sabemos que não existe jogador inegociável. Essa é a nossa cultura.

Compartilhar:
Enviar por e-mail
Imprimir
avatar
Li e aceito os termos de utilização
Cadastre-se para poder comentar
Fechar

Não existe jogador inegociável
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório