Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Alô Redação

Torcida II

Temos que levar esse caso de racismo no Mineirão muito a sério para poder servir de exemplo, caso contrário, um individuo como este vai continuar humilhando o outro e, depois, apenas vai pedir desculpas, da boca pra fora e está tudo resolvido.
Por Vladimir

Torcida I

Não estou de acordo com a proposta apresentada em “Jogos sem álcool e só com uma torcida”, publicada anteontem no jornal Super Notícia. Em jogos de uma só torcida também há brigas. Na verdade, cada um deve fazer o seu papel: a polícia prevenir, conter e, se preciso for, prender; o MP oferecer denúncia; o magistrado aplicar as leis; os clubes oferecerem segurança nos eventos; e os torcedores deixarem de brigar por causa de futebol.
Por Anderson

13º salário

Com relação à matéria “13° salário é incerto”, publicada ontem no jornal Super Notícia, prossegue a saga e a insegurança dos funcionários do Executivo mineiro em relação ao recebimento ou não do 13° ainda em 2019. Tenho plena consciência das dificuldades financeiras do Estado, mas gostaria de entender o porquê de os poderes Legislativo e Judiciário não serem atingidos pela crise econômica, já que desconhecem o parcelamento dos salários e as constantes ameaças do não pagamento do 13º. Cabe ao governo defender o princípio da igualdade de direitos.
Por Marcondes Diniz

Lula

Não houve imparcialidade no julgamento que condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Foi sim uma decisão política, e não uma decisão jurídica. Esta minha manifestação, embora datada, não tem data. As questões éticas transpõem o tempo.
Por João Baptista Herkenhoff

Racismo

Com relação à matéria “Polícia ‘pega’ dupla que ofendeu segurança”, publicada na edição de ontem no Super Notícia, alguns valores para a boa convivência humana são inegociáveis. A paixão, o ambiente de um jogo de futebol e a irracionalidade que podem tomar conta em momentos como esse não podem servir como justificativas ou atenuantes. Injúria racial é crime. Não é um deslize, uma gafe ou um simples erro.
Por Stanislau A.

DPVAT

Quanto à reportagem “Bolsonaro acaba com seguro DPVAT” publicada ontem no jornal Super Notícia, nem oito nem 80. O dinheiro do seguro ajuda muitas pessoas de baixa renda. Por outro lado, para se ter acesso ao benefício, a burocracia é grande. Em 2018, sofri um acidente de moto e resolvi deixar de lado por causa da dificuldade de fazer o requerimento. O imposto deveria, sim, ser melhor gerido, e o contribuinte, ter o direito de escolher qual seguradora contratar.
Por Eduardo L.

Clássico I

Sobre a matéria “Brigas, quebradeira e confusão no clássico”, publicada ontem no jornal Super Notícia, o duelo futebolístico mais importante de Minas foi uma lástima, para não dizer uma tragédia encenada. Dois times perdidos em campo, com poucas nuances de perigo ao gol adversário. Resultado óbvio: empate sem gols. Parecia que a bola tinha vida e ninguém conseguia dominá-la. Jogadas cansativas aos olhos dos torcedores. Enfim, um espetáculo teatral de mau gosto. Um jogo para ser esquecido.
Por Wilton Ronald da Silva

Agressão II

Aplaudir a agressão física diz muito sobre o caráter das pessoas. “Não tenhas inveja do homem violento nem escolhas nenhum dos seus caminhos” (Provérbios, 3, 31).
Por Bruno Fernandes

Clássico II

Alguns grupos que se identificam como “torcidas organizadas” promoveram baderna durante o jogo, deixando de lado o fato de que futebol de verdade é baseado em diversão, sem agressão entre fãs dos times. E mais: as atitudes racistas de alguns torcedores colocam um conceito lamentável em nosso Estado. Triste.
Por Uriel Villas Boas

Agressão

Sobre a nota “Tapa na cara ao vivo no YouTube”, publicada na última sexta-feira, no jornal Super Notícia, este é simplesmente o retrato do que vivemos. Muitos não têm capacidade de discutir ideias e partem para a ignorância.
Por José Inácio

Brasileirão

Não sou astrólogo nem profeta. Mas sugiro ao leitor anotar: Avaí, Chapecoense e CSA vão disputar a Série B do Brasileirão em 2020. Fluminense, Botafogo e Atlético carecem de todas as rezas, mandingas e outras (isso vai depender da fé de cada um) para não fazer companhia aos citados. Se escaparem, vai sobrar para o Ceará. A tabela está embolada do meio para o final, e essas equipes demonstram não ter forças para reagir.
Por José Dias Sobrinho

Pobreza

Os fatos relatados na reportagem “13,5 milhões vivem na extrema pobreza”, publicada ontem no jornal Super Notícia, referem-se ao ano passado. Como negar que esse resultado deve-se aos 16 anos de domínio esquerdista? É miséria gerada no governo deles, situação idêntica à de Venezuela, Cuba etc.
Por Alyson Ferreira

Greve

Em relação à matéria “Educação de BH em greve”, publicada ontem no jornal Super Notícia, saibam que daqui a pouco o marqueteiro prefeito Kalil vem a público com um monte de frases de efeito para ludibriar o povo, mas sem nenhuma objetividade. Afinal, é o que ele tem feito por toda a gestão. E isso sem contar a repressão que impõe, por meio de seus comandados, sobre o funcionalismo público. É muita bravata e poucas ações. E com a classe da educação é pior – não incentiva e ainda impede a categoria de progredir na carreira.
Por Marcelo Passos

Óleo

Reclamamos há décadas que as multas determinadas pelo governo para autores de crimes ambientais são irrisórias. Agora que o navio grego foi apontado como principal suspeito de ter cometido o desastre ambiental em nossas praias, custando milhões de reais ao país, é desanimador ver que a multa será de apenas R$ 50 milhões.
Por Beatriz Campos

Enem

Ainda sobre a matéria “Enem sem problemas e com tema inusitado”, publicada na última segunda, no jornal Super Notícia, o tema é interessante. Nem todos têm acesso ao cinema, primeiro porque o ingresso é caro para a maior parte da população. Em segundo lugar, pessoas com deficiência precisam de adaptações como interpretação em Libras e audiodescrição. Então, para quem não vive em uma bolha ou olhando para o próprio umbigo, o tema é relevante.
Por David Vitor

Fujão

Sobre a reportagem “Detento vai ao banheiro de UPA e foge”, publicada ontem no jornal Super Notícia, um detento sob custódia, e o agente vai e retira a algema dele para que o mesmo fosse ao banheiro, e não o acompanha? Tem que rir mesmo. A Corregedoria pode investigar os agentes que acompanhava o detento, pois tem algo de podre nessa história.
Por Carlos Henrique

Explosão na Pampulha

A respeito da matéria “Mais duas vítimas de explosão morrem”, publicada ontem pelo Super, sobre a explosão que aconteceu no vertedouro da lagoa da Pampulha, no fim de outubro, o mais provável é que tenha havido acúmulo de gás, talvez por decomposição de lixo orgânico.
Por Isidoro Perez Ramos

Mobilidade

Sobre a matéria “BH terá 325 novas vagas rotativas”, publicada ontem pelo jornal Super, mais uma decisão para encher os cofres da BHTrans. Estimulando os motoristas a utilizar seus próprios carros, mas inviabilizando a mobilidade num trânsito cada vez mais caótico.
Por Renato Paulino

Andrade Gutierrez

Sobre a reportagem “Justiça cancela cobrança por tempo indeterminado”, no caso do precatório da “dívida” de Betim para uma empreiteira, certo é que esse despacho se deu graças ao comportamento do prefeito Vittorio Medioli, que não deixou as coisas acontecerem! Aliás, não deixo de ler sequer um comentário do Medioli nos jornais. Ponderado e espelhando sempre a triste realidade de nossos falsos políticos. Parabéns, Medioli! Betim deve se orgulhar do prefeito que tem. Parabéns a todos que se envolveram. Exemplos para muita gente!
Por Carlos Andrade

Betim

Acerca da matéria “Justiça suspende bloqueio de verba da Prefeitura de Betim”, veiculada no jornal Super, parabéns ao prefeito Vittorio Medioli, ao procurador Bruno Cypriano, à Defensoria Pública de Minas Gerais e, principalmente, ao povo que, incansavelmente, tem ido às ruas numa manifestação de apoio jamais vista em Betim. A cidade cumprimenta o desembargador do TJMG Alexandre Santiago pela decisão de suspender o bloqueio. Com tal ato, ele acolhe milhares de famílias que vivem em estado de vulnerabilidade em toda a região de Betim.
Por Antônio Leite

Metrô

Mais um aumento com que o trabalhador deverá arcar, mas ninguém reclamou. Agem como se estivesse tudo bem.
Por Marcelo F. Ferreira

Enem

Uma pena a proposta da redação do Enem ter focado apenas o cinema. Poderiam ter ampliado para museus, teatros, exposições, centros culturais e cidades históricas. Cultura é importante de forma geral, e boa parte da população não tem acesso, tanto pela situação financeira quanto por causa da pouca acessibilidade às pessoas com deficiência. Relevante o tema, mas incompleto.
Por Joseanne de Araújo Rodrigues

Futebol

Nós já sabemos que todo time entra em briga pra vencer, seja na troca de técnico ou em campo ou no tapetão, e assim vai. O Galo, rumo ao rebaixamento, usou malandragem, contratou Mancini só para dizer que há um culpado.
Por Lucas Cunha

Trânsito

Outro acidente estúpido nas ruas de BH é noticiado na matéria “Arrastamento em moto”, publicada anteontem no breves do jornal Super Notícia. Pura falha humana. Motoristas de ônibus da região metropolitana estão no limite do estresse, e ninguém vê.
Por Thiago Alípio

Natureza

Em relação a matéria “Óleo é avistado em Porto Seguro”, publicada na última sexta, no jornal Super Notícia. Observo com reflexão a lição da mãe natureza em relação ao desastre ambiental. Água não se mistura com óleo! Enquanto isso, políticos, ministros e, principalmente advogados, conseguem transformar mentiras em verdades, verdades em mentiras e justiças em injustiças.
Por Oto Brasileiro de Souza

Aeroporto

Trata-se de uma boa opção a apresentada na matéria “Aeródromo Inhotim pode ser alternativa”, publicada anteontem no jornal Super Notícia. E por que não aproveitar e transformar o Aeroporto Carlos Prates no tão sonhado autódromo de Belo Horizonte? Esta é uma das poucas capitais que não têm esse espaço de eventos que atrai turistas, movimenta a economia, gera empregos, ocupa a rede hoteleira e, por fim, gera mais arrecadação para os cofres públicos.
Por Rodrigo Martini do Valle

Atlético

Não se sabe por que motivo, razão ou circunstância o time desmoronou diante da equipe das terras de Chapecó. O remédio, agora, é vencer e vencer. A diretoria deveria rever seus conceitos, bem como a comissão técnica deveria estudar mais a equipe para dar a volta por cima. Até porque faltam poucas rodadas para o final do certame, e o Galo vem despencando na tabela.
Por Wilton Ronald da Silva

Sofrimento

Em relação à matéria “Em choque, familiares e amigos se despedem de Ieda”, publicada na última sexta, no jornal Super Notícia, é muito triste. A família e os amigos estão destroçados, e com razão. Mas é lamentável ver pessoas tentando encontrar um culpado, acusando um e outro, sendo que as leis do nosso país são fraquíssimas. A Polícia Militar faz o seu trabalho, mas vem um advogado, baseado numa legislação frágil, e consegue a soltura desse tipo de indivíduo.
Por Otermam

Cruzeiro

Em relação à matéria “Depois de dez rodadas, Raposa, enfim, deixa Z-4”, publicada anteontem no jornal Super Notícia, estamos perto da permanência na Série A, e esse foi o primeiro passo. Que fiquemos felizes, mas também atentos, pois, apesar de usar o manto azul com orgulho, tenho consciência que ainda temos jogos difíceis vindo por aí.
Por Márcio

Crime II

Este crime, tendo por autoria uma pessoa esquizofrênica, me faz lembrar das inúmeras audiências pública realizadas na Câmara Municipal de Belo Horizonte que tiveram como tema o fechamento dos hospitais manicomiais, sob o argumento de que o tratamento de pessoas com esse tipo de doença deveria se dar no seio da família. À época, figuravam como defensores ardente de tal medida os parlamentares do Partido dos Trabalhadores.
Por Renato Paulino