BERNARDO LACERDA
@super_fc
11/01/16
17h41

Polêmica

Benecy Queiroz revela já ter comprado árbitro para ajudar o Cruzeiro

Dirigente celeste não deu detalhes, mas citou nome de treinador e goleiro que não trabalharam juntos na Raposa

Benecy citou goleiro e treinador que não trabalharam juntos no Cruzeiro — Foto: RICARDO MALLACO / O TEMPO
BERNARDO LACERDA | @super_fc
11/01/16 - 17h41

Benecy Queiroz está no Cruzeiro há mais de 45 anos e guarda em seu currículo histórias curiosas e diversas sobre o futebol e a equipe celeste. Porém, um caso em especial chamou atenção após declaração polêmica dada pelo supervisor de futebol celeste. Segundo Bené, como é chamado na Toca da Raposa II, ele já tentou comprar um juiz de um jogo do clube.

A declaração polêmica foi dada para a Rede Minas. O dirigente celeste não quis dar detalhes sobre a situação. Porém, revelou que a tentativa de compra do juiz, cujo nome não foi revelado, aconteceu entre a década de 80 e 90, período que Ênio Andrade, -falecido em 1997-, foi treinador da Raposa. A competição e o time adversário não foram revelados pelo supervisor cruzeirense.

“Só vou citar um caso específico, não falo o nome, aqui em Minas Gerais. O treinador era Ênio Andrade. E nós, através de indicação de uma pessoa, achamos que compramos um juiz. E o juiz falou: 'olha, fique tranquilo que o time do adversário não sai do meio-de-campo'. Então, nos 45 primeiros minutos, ele deu muita falta só no meio-de-campo. Então, falei com ele: 'é, o negocio, acho que vai dar certo'”, disse Benecy Queiroz.

Porém, de acordo com o supervisor de futebol, a tentativa de compra do juiz não deu certo. “Só que, por azar nosso, o adversário chutou uma bola do meio-de-campo, o goleiro, eu posso falar o nome, Vitor, no ângulo e gol. E o juiz, então, o que foi que ele fez? Continuou dando falta só no meio. Só no meio. Só no meio. E uma hora, antigamente podia entrar dentro de campo, eu falei: 'velho, eu paguei você, vê se você dá o pênalti'. Ele falou assim: 'manda o seu time lá para frente que eu dou o pênalti'. Aí falei com o capitão: 'olha, manda todo mundo para frente, temos que empatar o jogo'. Aí foi para frente, toda bola ele dava falta contra o Cruzeiro. Eu cheguei à conclusão de que eu empreguei um dinheiro errado”, lembrou Benecy.

A declaração do dirigente celeste ganhou repercussão na Toca da Raposa nesta segunda-feira, durante treinamento da equipe, que segue se preparando para a temporada de 2016. Porém, a diretoria da Raposa optou em não se posicionar de forma oficial sobre as falas de Benecy Queiroz.

Procurado pela reportagem do Super FC, Queiroz não quis dar detalhes sobre as declarações. “Eu não comento sobre o assunto. A entrevista que eu dei está dada. Não vou falar mais nada sobre este assunto”, disse.

Veja parte da entrevista de Benecy Queiroz: 

---

Em tempos de desinformação e pandemia, o jornal O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Continue nos apoiando. Assine O TEMPO.

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000