João Vitor Cirilo
@superfcoficial
03/07/19
08h00

'Mais um passo'

Tite destaca estreia no Maracanã com a seleção e dificuldade em parar 'ET'

Treinador elogiou atuações de Jesus e Dani Alves e contemporizou bons momentos da Argentina: "Em jogo grande não se vai dominar o tempo inteiro"

Tite fará sua estreia com a seleção no Maracanã
João Vitor Cirilo | @superfcoficial
03/07/19 - 08h00

"Muito em paz". Foi assim que o técnico Tite se definiu após a vitória contra a Argentina e a classificação à final da Copa América, conquistada na noite dessa terça-feira (2), no Mineirão. O técnico elogiou a postura de sua equipe, ampliando o cenário de dificuldade ao se referir ao desafio de parar Messi, definido por ele como um "extraterrestre".

"Valoriza a chegada à final em um grande jogo, de duas equipes com recursos técnicos impressionantes. Falei com o Scaloni: Messi é extraterrestre, é excepcional, tanto nas ações com bola como sem, fora as qualidades individuais dos outros atletas. Ele (Messi) merece essa reverência. Neutralizar um jogador desse, diminuir as ações dele, você mexe um pouco na estrutura. Trouxemos Firmino pra trás pra diminuir as ações dele e explorar o que tínhamos de velocidade. Ficamos com menos posse, mas trouxe a efetividade a nosso favor. Em jogo grande não se vai dominar o tempo inteiro. É mais um passo", destacou.

A decisão marcada para as 17h de domingo será a primeira vez de Tite como técnico da seleção no Maracanã. "Vou me tornar verdadeiramente técnico da seleção. A boleirada fala assim: 'jogou bola?' e respondo: "joguei". Eles dizem: 'jogou no maracanã?'. Sim. Aí dizem: 'treinou no Maracanã?'. Não. Vou treinar no Maracanã pela primeira vez na minha carreira", comemorou. 

Dois jogadores em especial foram enaltecidos: Daniel Alves, dono de atuação muito firme e responsável por linda jogada no primeiro gol, e Gabriel Jesus, autor de um gol e uma assistência no confronto. "A força mental é uma parte, mas se não tivesse todo o cuidado que ele (Dani Alves) teve na recuperação, se o PSG não tivesse dado a ele todas as condições de evolução, ele não chegaria a esse estágio. A capacidade mental e física aliada à técnica. Ele ficou pressionado na medida que tinha cartão e o adversário começou a explorar. Fico muito feliz, também pela naturalidade que ele tem", comentou.

"Gabriel cativa todos os profissionais que trabalham com ele, porque ele tem uma marca de não se entregar nunca. Ele suporta a dor e sai pro jogo, é o que eu peço pra ele. Ele vai refinar a conclusão porque é jovem e está num grande centro. Essa capacidade de persistência e busca acaba cativando", completou, referindo-se ao atacante.

Sequência. Após o confronto no Mineirão, os jogadores da seleção foram liberados pela maior parte desta quarta-feira (3), com a reapresentação marcada para as 19h no hotel onde a equipe está hospedada. A seleção brasileira retorna para a Granja Comary, base durante a preparação, partindo em voo fretado às 21h15,, com saída no Aeroporto Internacional de Confins.

Questões médicas serão observadas: Filipe Luís e Fernandinho tinham condições clínicas de jogo, apesar de não ideais fisicamente, e por isso permaneceram no banco. Marquinhos e Willian reclamaram de problemas físicos no segundo tempo do duelo, com o zagueiro sendo, inclusive, substituído por Miranda.

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000