Felippe Drummond Neto
@superfcoficial
09/11/19
09h00

Olho nele

Cruzeiro x Atlético: VAR é uma preocupação a mais no clássico

Rivais mineiros têm motivos de sobra para estarem atentos à novidade implementada na atual temporada pela CBF

Tema arbitragem sempre preocupa torcedores de Cruzeiro e Atlético — Foto: Fred Magno/ O Tempo
Felippe Drummond Neto | @superfcoficial
09/11/19 - 09h00

Esta edição do Campeonato Brasileiro apresentou aos torcedores um novo protagonista dos jogos. O árbitro de vídeo (VAR, na siga em inglês) vem se tornando uma grande dor de cabeça entre os times do futebol nacional. Afinal, cada vez que a tecnologia precisa ser acionada, ela acaba atuando diretamente em lances capitais. A novidade que chegou para pôr fim à polêmica no futebol colocou ainda mais lenha na fogueira. Muitas vezes, a decisão tomada com a ajuda do VAR é capaz de irritar torcedores que sonhavam com o fim das injustiças dentro de campo.

Por isso, no clássico de domingo entre Cruzeiro e Atlético, além do trio que será comandado por Jean Pierre Gonçalves Lima, auxiliado por Rafael da Silva Alves e Leirson Peng Martins, todos do Rio Grande do Sul, a atenção também estará sobre Daniel Nobre Bins, do mesmo estado, escalado para comandar o VAR.

Nas 31 rodadas do Campeonato Brasileiro disputadas até agora, Cruzeiro e Atlético têm motivos de sobra para estarem atentos à novidade implementada na atual temporada pela CBF, mesmo no que se refere à marcação em jogos quando não estão em campo.

Além de acirrar as reclamações, o VAR tem aumentando consideravelmente o tempo das partidas, com acréscimos que normalmente ultrapassam os cinco minutos. A demora na tomada de decisões é outro ponto de reclamação de jogadores, torcedores e diretoria dos clubes.

TURNO

No clássico entre Atlético e Cruzeiro do primeiro turno, disputado na 13ª rodada, o VAR teve atuação discreta. No único lance que foi utilizado, acabou não sendo polêmico. Na metade do primeiro tempo, em meio à pressão dos jogadores do Atlético que pediam um pênalti de Orejuela em Chará, o árbitro Leandro Pedro Vuaden consultou o VAR e assinalou falta pró-Cruzeiro anterior à disputa entre o lateral celeste e o atacante alvinegro. A única polêmica foi que a partida ficou paralisada por cinco minutos.

CRUZEIRENSES INDIGNADOS COM TRÊS PARTIDAS

O torcedor cruzeirense tem anotado no caderninho os lances nos quais o time foi penalizado pelo VAR nesta edição do Brasileirão. Segundo a torcida, o time foi prejudicado pela tecnologia contra Fluminense, Chapecoense e Bahia. 

Diante do tricolor carioca, a Raposa marcou um gol que acabou anulado, mas o VAR enxergou falta de Robinho na origem do lance, sendo que o meia havia sido empurrado e ao cair seu pé acabou acertando o rosto do adversário. 

Contra a Chape, o time sofreu o gol de empate nos acréscimos, porém, no lance Arthur Gomes, em posição de impedimento, finalizou para defesa de Fábio antes de Camilo pegar o rebote e marcar para o time catarinense. A polêmica persiste até hoje, já que em nenhuma imagem mostrada o jogador aparece em posição legal. 

Por fim, diante do Bahia, o time celeste reclama de duas intervenções errôneas do VAR. A primeira, no lance em que o atacante David sofre pênalti, mas o árbitro marca impedimento inexistente do jogador celeste, mesmo o bandeirinha não tendo marcado nada. Depois, no lance do pênalti a favor do Bahia, que culminou com a expulsão de Orejuela, a bola bateu na mão do lateral. Como a bola ia em direção ao gol, o pênalti foi marcado corretamente, mas não havia necessidade de punir o jogador com o segundo cartão amarelo. 

OUTRO LADO DA MOEDA

Mas nem só de reclamações vive o torcedor. O Cruzeiro recentemente foi beneficiado pelo VAR no empate com o Internacional, quando a tecnologia foi usada para marcar um pênalti inexistente em Orejuela. 

 

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000