LEANDRO CABIDO
Siga em: twitter.com/super_fc
02/03/11
21h22

LÍDER ABSOLUTO

Com Fábio inspirado, Cruzeiro segura o Tolima na Colômbia

Time azul alcançou o sétimo ponto no grupo 7 da Libertadores, mantendo a liderança

Time azul alcançou o sétimo ponto no grupo 7 da Libertadores, mantendo a liderança — Foto: ASSOCIATED PRESS
LEANDRO CABIDO | Siga em: twitter.com/super_fc
02/03/11 - 21h22

Com um pênalti defendido por Fábio no segundo tempo, o Cruzeiro conquistou uma valioso empate sem gols frente o Deportes Tolima-COL, em Ibagué, e manteve a liderança do grupo 7 da Copa Libertadores da América.

Agora, o time azul alcançou o sétimo ponto, enquanto os colombianos assumiram a vice-liderança isolada da chave, com quatro. Estudiantes-ARG, com três, e Guaraní-PAR, com nenhum ponto, se enfrentam na próxima semana para encerrar a jornada.

Na quarta rodada da chave, as duas equipes voltam a se enfrentar no dia 16 de março, às 21h50, na Arena do Jacaré.

Postura adequada em campo adversário

O jogo em Ibagué começou bastante equilibrado. Enquanto os colombianos do Tolima buscavam a velocidade – sua principal característica, o Cruzeiro tentava tocar a bola e buscar espaços na defesa do time local.

O esquema de marcação de Los Piajos era sob pressão, tentando deixar os azuis de costas para a sua meta. De certa forma era eficiente, já que a Raposa só conseguia sair jogando com enfiadas longas, muitas vezes sem sucesso. Apesar das posturas diferentes, o padrão tático era o mesmo: o tradicional 4-4-2, com variações distintas.

O primeiro grande momento foi dos visitantes. Aos 18 minutos, o meia Roger resolveu testar o goleiro Anthony Silva em um belo chute de fora da área. Sem pensar, Silva mandou a bola para escanteio. A resposta veio quatro minutos depois, quando Nogueira apareceu livre pela esquerda de seu ataque e bateu por cima do gol de Fábio.

Os celestes tiveram muitos problemas na adaptação ao péssimo gramado do estádio Manuel Toro, mas conseguiam manter a posse de bola por mais tempo. Na primeira etapa, a Raposa manteve em seus pés em 51% do tempo, contra 49% dos colombianos. Os bicampeões também chutaram mais: quatro vezes, enquanto o Tolima assustou Fábio em apenas duas oportunidades.

Fábio ratifica condição de melhor do país

Mal iniciou, com três minutos, Roger deixou Wellington Paulista de frente para Silva, mas desequilibrado, o contestado atacante mandou para longe. No ataque seguinte, o Tolima mostrou que tava bem vivo. Em grande jogada de Santoya em cima de Diego Renan, Fábio salvou no primeiro momento, e Charra errou com o arqueiro azul deitado.

A pressão dos Piajos aumentava a cada instante, principalmente pelo lado esquerdo da defesa azul, nas costas de Renan. O treinador colombiano Hernán Torres destacou o ponta Parra para forçar ainda mais esse lado problemático da equipe brasileira.

Aos 30 minutos, Pablo teria segurado Medina dentro da grande área. Pênalti marcado pelo árbitro uruguaio Jorge Larrionda. O lance que poderia ter dado os três pontos para o time local foi o grande momento do duelo em Ibagué. O próprio Medina bateu e Fábio mostrou sua fama de melhor goleiro do Brasil na atualidade. O camisa 1 fez uma defesa sensacional, praticamente garantindo o resultado para o Cruzeiro.

Ouça a defesa do goleiro azul
 

Passado o susto, Cuca resolveu a defesa do time com a entrada do volante Leandro Guerreiro no lugar de Diego Renan, obrigando o Tolima a variar as jogadas.

E Los Piajos não descansavam e insistiam em tentar avançar no marcador. Nos minutos finais, o Cruzeiro praticamente não avançou ao ataque, só segurando o marcador. E a partida foi encerrada sem gols em Ibagué.

TOLIMA-COL 0 X 0 CRUZEIRO

Motivo: 3º rodada do Grupo 7 da Copa Libertadores
Local: estádio Manuel Toro, em Ibagué, Colômbia
Data e Hora: 02/03/2011 - 19h30
Cartões Amarelos: Gil ( C ); Bolivar (T)
Gols: -

Cruzeiro
Fábio; Pablo, Gil, Victorino e Diego Renan (Leandro Guerreiro); Marquinhos Paraná , Henrique, Roger (Dudu) e Montillo; Wallyson e Wellington Paulista (Thiago Ribeiro)
Téc. Cuca

Tolima-COL
Silva; Vallejo, Arrechea, Hurtado e Nogueira; Bolívar, Chará, Marrugo e Murillo(Parra); Santoya e Medina
Téc. Hernán Torres

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000