Josias Pereira
@josiaspereira
26/08/20
21h00

Observação

Cruzeiro: Enderson após empate com o CRB: 'nunca é positivo ser eliminado'

Técnico celeste ressaltou, no entanto, que time buscou a vitória e não se omitiu do jogo; classificação, mesmo difícil, era um dos alvos

Enderson Moreira destacou que time celeste lutou em eliminação para o CRB — Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro
Josias Pereira | @josiaspereira
26/08/20 - 21h00

Enderson Moreira, técnico do Cruzeiro, lamentou a eliminação do time ainda na terceira fase da Copa do Brasil. Diante do CRB, o time teve oito desfalques de muita relevância dentro do trabalho do comandante, como o meia Régis e o atacante Marcelo Moreno. Apesar da desclassificação, o treinador ressaltou que fez um jogo para vencer, mas que infelizmente as circunstâncias do jogo, como a infelicidade de Léo, acabaram sacramentando o resultado. 

"Nós, do Cruzeiro, a gente lamenta muito essa eliminação, mesmo com a desvantagem, com tudo o que aconteceu, a gente precisava buscar essa recuperação. Fizemos um jogo para vencer, um jogo para buscar a classificação, não fomos omissos, não abrimos mão do jogo, tentamos o tempo todo. O Airton (que entrou na segunda etapa) está treinando na Toca, tinha treinado já com a gente, então sabíamos da capacidade dele de poder nos ajudar. Nós tentamos, infelizmente não conseguimos, mas não é nenhum tipo de desculpa, não estamos felizes com isso, a gente queria a classificação mesmo com essa desvantagem de ter que ganhar de dois gols de diferença aqui. Agora é focar na principal competição que temos pela frente", apontou Enderson. 

Na ida, no Mineirão, ainda no mês de março, quando Adilson Batista era o comandante do time, o Cruzeiro perdeu para o CRB por 2 a 0, e a desvantagem, com certeza, influenciou no desenrolar do jogo que aconteceu em Alagoas. Maior campeão da Copa do Brasil, com seis taças, a Raposa vai se ausentar das fases finais do certame. Foram quatro anos seguidos chegando ao menos nas semifinais, com dois títulos conquistados nesse período. Além da perda esportiva, o time deixou de faturar R$ 2 milhões com uma classificação à quarta fase. O treinador refutou a observação de que com a queda no torneio nacional, o Cruzeiro agora tenha um lado positivo de concentrar-se apenas na Série B. 

"Nunca é positivo ser eliminado de uma competição que você é o maior vencedor. A gente precisava e queria muito continuar na competição, dentro das possibilidades a gente sabe que, mesmo jogando fora de casa, precisávamos buscar a vitória, buscar a classificação. Tivemos uma postura de poder buscar o gol contra um adversário que, mais uma vez, se fechou e jogou mais com essa situações de contra-ataque e bolas longas", observou o técnico do Cruzeiro.

"E buscamos o gol, foi uma infelicidade no gol de empate deles, a gente esteve muito perto de fazer o segundo gol, e acabamos sofrendo em uma transição, eles tiveram a felicidade de poder empatar o jogo, tentamos até o fim fazer o segundo gol e voltar para a partida. A gente lamenta, mas era muito importante para nós essa classificação, a gente tentou reverter dentro daquilo que a gente tinha como opção para o jogo, o time guerreou, lutou, criou situações que foram importantes, que poderiam nos dar uma vantagem diferente do que aconteceu", concluiu Enderson. 

O Cruzeiro volta a campo no próximo sábado, às 19h, no Mineirão, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, quando encara o clássico contra o América. A Raposa busca se reabilitar na segunda divisão após duas rodadas sem vitórias. O América, por sua vez, vem embalado de vitória na Série B e de classificação na Copa do Brasil para cima da Ferroviária. 

Escreva um comentário
Comentar

Leia também:

Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000