Daniel Ottoni
@dottoni
25/01/21
10h10

Segunda passagem chega ao fim

Cruzeiro: Felipão deixa o clube em comum acordo com a diretoria

Treinador cumpriu missão de livrar o clube do rebaixamento e comandou clube, na atual temporada, em 21 partidas

Felipão teve quatro derrotas e nove vitórias em 21 jogos pelo Cruzeiro na Série B — Foto: Gustavo Aleixo - Cruzeiro
Daniel Ottoni | @dottoni
25/01/21 - 10h10

O que parecia ser questão de tempo se confirmou nesta segunda-feira. O técnico Luiz Felipe Scolari deixa o comando do Cruzeiro após sua segunda passagem pelo clube, em decisão de comum acordo entre as partes, sem a necessidade de pagamento de multa rescisória. Felipão, que ainda não tem outras propostas, agora segue para Porto Alegre e se despede de BH após apenas três meses de trabalho. 

A Raposa ainda não definiu quem será o treinador na última rodada da Série B, na sexta-feira, fora de casa, contra o Paraná. Nas últimas semanas, Felipão não deu garantias sobre sua permanência para a próxima temporada, ao contrário do presidente Sérgio Santos Rodrigues, que confiava que ele seguiria em Belo Horizonte. 

Felipão chegou à Toca da Raposa em momento delicado com o clube presente na zona de rebaixamento. Sua missão inicial foi cumprida, livrando o time da queda e até tendo chances de acesso. Mas o time parou nos próprios erros e nova sequência negativa jogou por terra as pretensões de voltar à Série A em 2021. 

“Quando, em outubro, recebi o presidente Sérgio e diretoria, eu disse sim ao plano de construção de um novo Cruzeiro. Sabia do desafio que era recuperar o time na Série B. Naquele momento, havia uma grande ameaça de queda para a Série C. Todos nós assumimos o compromisso com este projeto. Um trabalho organizado onde todos deveriam dar sua contribuição, cada um no seu setor. Aceitei retornar com enorme prazer em ajudar e trabalhar pelo clube. Conseguimos recuperar o time na série B", lembra Scolari. 

“Agradeço aos atletas que ficaram aqui, que aceitaram nosso convite, aos integrantes da comissão técnica, funcionários e torcedores. Agradeço a todos que nos ajudaram na recuperação do time no campeonato”
“Desejo sucesso ao Cruzeiro para a próxima temporada”, completou o treinador por meio de nota da sua assessoria de imprensa.

Considerando as duas passagens, Luiz Felipe Scolari dirigiu o Cruzeiro em 96 partidas, obtendo 49 vitórias, 31 empates e 16 derrotas. Neste último momento, foram 21 partidas, nove vitórias, oito empates e quatro derrotas.

"O Cruzeiro agradece e reconhece todo o trabalho, dedicação e profissionalismo de Felipão e seu staff para com o Clube neste momento importante, e deseja toda sorte e felicidade ao técnico campeão do mundo e sua comissão", informou o clube, por meio de nota. 

---

Em tempos de desinformação e pandemia, o jornal O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Continue nos apoiando. Assine O TEMPO.

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000