Josias Pereira
@josiaspereira
05/06/20
12h18

De saída

Cruzeiro: 'Prejudicado é o atleta', diz agente de Edílson sobre rescisão

Gilmar Veloz apontou que seu cliente foi sério com a instituição: 'ele não entrou na Justiça como muitos fizeram'

Edílson chegou ao clube com pompa, mas não conseguiu se firmar no time — Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro
Josias Pereira | @josiaspereira
05/06/20 - 12h18

O Cruzeiro movimentou a sexta-feira com o anúncio das rescisões do meia Robinho e do lateral-direito Edílson, dois experientes jogadores do elenco e que estiveram na conquista da Copa do Brasil de 2018. A reportagem do Super.FC entrou em contato com Gilmar Veloz, empresário de Edílson, para saber detalhes da saída do atleta e da possibilidade de uma incursão na Justiça. 

Gilmar lamentou o que aconteceu com seu agenciado. "O único prejudicado é o atleta, que foi sério. Se ele (Edílson) quisesse entrar na Justiça, ele teria feito isso lá atrás, como muitos fizeram. Não sei o que ele pretende. Não me falou sobre esse assunto ainda ou outras situações da carreira", disse o empresário.

Gilmar ainda comentou o que teria sido alegado pelo clube celeste a Edílson. "Pessoal por aí falou da pandemia, de que o futebol do clube ficou prejudicado com esse impasse sobre quando o futebol retorna, se vai retornar. Falaram também sobre construir um time mais novo, aproveitar os guris (da base). Foi o que alegaram", acrescentou. 

Edílson foi contratado pelo Cruzeiro em 2018.após boas temporadas no Grêmio, mas não conseguiu se firmar devido a lesões e até mesmo desentendimentos, como o que ficou exposto na era Rogério Ceni no clube. No ano passado, ele perdeu a vaga de titular para lateral-direito colombiano Orejuela. Com a camisa celeste, Edílson esteve em campo em 75 jogos, com três gols marcados. O contrato do lateral iria até o final deste ano

Durante a suspensão do futebol provocada pela pandemia do novo coronavírus, Edílson chegou a dizer ao canal oficial do Cruzeiro, no YouTube, que sua permanência se deu para buscar uma 'volta por cima' após o rebaixamento. Ele vinha sendo o titular absoluto na posição e também comentou que recebeu três propostas para deixar o Cruzeiro nesta temporada. 

“Tive três propostas, uma delas saiu em vários lugares (do Grêmio), outras duas ficaram mais em off. Mas a gente sempre pensa em tudo. As coisas prevaleceram para que eu pudesse ficar no Cruzeiro e, de repente, mudar minha situação no clube, que não era tão boa ano passado”, apontou na ocasião. 

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000