Recuperar Senha
Fechar
Entrar
cruzeiro x sport campeonato brasileiro
Cruzeiro mandou no jogo do começo ao fim
Foto: Ramon Bittencourt
Enviar por e-mail
Imprimir
Josias Pereira | @superfc
13/05/18 - 12h54

As mamães cruzeirenses não sairiam decepcionadas do Mineirão neste domingo. No dia delas, o Cruzeiro saiu bem na foto da dona Ana Maria, mãe do volante Lucas Silva e que foi fotógrafa por um dia. O time mostrou um futebol sólido para bater o Sport por 2 a 0 e conquistar a segunda vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados cada um em uma etapa. Primeiro, com Dedé, aos 46 min do primeiro tempo. Depois foi a vez de o uruguaio Arrascaeta, aos 10 min da etapa final, mostrar que está pronto para a Copa da Rússia. 

Foi a quinta partida da Raposa sem sofrer gols. Eficiência em todos os setores do campo. Com sete pontos, o Cruzeiro segue em busca dos líderes do torneio nacional. Mas a próxima missão é na quarta-feira, quando o time de Mano Menezes defende sua condição de atual campeão da Copa do Brasil contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, pelo jogo de ida das oitavas de final do torneio mata-mata. 

A PARTIDA. A tendência de um jogo aberto na primeira etapa foi confirmada. O Leão tentava chegar mais com tabelas pelo meio, enquanto o Cruzeiro, na base das jogadas pelas beiradas de campo, principalmente, com Rafinha na direita, abusava dos cruzamentos para a área. 

Esse, aliás, foi o expediente celeste na primeira etapa. Algo que se contrastava com a preocupação da torcida com as quedas do zagueiro Dedé. Foram duas, que fizeram o camisa 26 sair de campo para receber atendimento médico. Porém, para o alívio dos cruzeirenses, não foi nada. Na manhã deste domingo, o filhão da dona Maria Helena estava mesmo era iluminado. 

De tanto insistir no jogo aéreo e ter um gol de Sassá anulado, o prêmio veio. No 22º cruzamento para a área do Sport na primeira etapa, Arrascaeta, na medida, encontrou quem? Isso mesmo, Dedé, lá dentro.

Uma pedrada de cabeça para abrir o placar aos 46 min. É, Tite! Será que não caberia um espaço na lista da Copa para Dedé? É difícil, mas já imaginou? 

A Rússia, no entanto, já é uma realidade para Arrascaeta. Depois de dar a quarta assistência na temporada, o filho da dona Victória tinha que deixar um golaço para a mamãe. Segunda etapa de jogo, 10 min, Anselmo e Neto Moura na saudade, e um chute colocado, no canto esquerdo de Magrão. Já são sete tentos do uruguaio neste ano. Alô, Copa 2018, prepare-se. Arrascaeta quer lhe usar. No fim, o placar mantido. Seis pontos em casa, 100% de aproveitamento e a certeza: o Cruzeiro chegou no Brasileirão. 

FICHA TÉCNICA 

CRUZEIRO 2 X 0 SPORT

Local: Mineirão, em Belo Horizonte

Árbitro: Bruno Araújo (RJ)

Cartões amarelos: Ronaldo Alves, Gabriel, Sander (S), Sassá, Dedé (C)

Gols: Dedé, Arrascaeta (C)

Público Presente: 21.907

Público Pagante: 19.390

Renda: R$ 407.831,00

avatar
Li e aceito os termos de utilização
Cadastre-se para poder comentar
Fechar

Vitória para elas

Em dia de homenagens às mães, Cruzeiro bate Sport no Mineirão
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório