EMERSON PANCIERI
Siga em: twitter.com/super_fc
19/01/11
11h31

ANIMAÇÃO NA TOCA

Jogadores treinam leve e Thiago Ribeiro quer títulos

Atacante disse que troca artilharia por um troféu de campeão em 2011

Atacante disse que troca artilharia por um troféu de campeão em 2011 — Foto: WASHINGTON ALVES/VIPCOMM
EMERSON PANCIERI | Siga em: twitter.com/super_fc
19/01/11 - 11h31

Um treinamento tático descontraído marcou a manhã desta quarta-feira (19), na Toca da Raposa II. A equipe do técnico Cuca participou de várias atividades de finalização e jogadas de ataque contra defesa. Os jogadores trabalharam conclusão a gol de fora da área e, a cada acerto, os atletas demonstravam muita alegria e animação.
 
Em outro treino, os atletas tinham que passar por um marcador, e tentar o chute. No final, Cuca cobrou cruzamentos na grande área e atividades de curto espaço, de um jogador contra o outro. Na tarde desta quarta-feira os treinos com bola continuam.
 
Artilheiro motivado
 
O atacante Thiago Ribeiro, que participou do treino, deixou clara a vontade de fazer uma boa temporada com a camisa celeste e disse que espera fazer mais gols do que em 2010. “Porém, quero conquistar títulos, pois terminei como artilheiro e, infelizmente, não levamos a taça. O que vale é o coletivo. Vou procurar fazer gols e se for artilheiro será natural”, disse em entrevista à Rádio Itatiaia.
 
Thiago Ribeiro que nessa terça-feira (18) foi titular da equipe no treinamento coletivo, ao lado do argentino Farías, sabe que ainda é cedo para dizer sobre a formação da equipe neste primeiro semestre. “Apenas foi um primeiro contato com bola e Cuca escalou o time, quase a mesma coisa do ano passado, e não houve novidades. Por isso, a vantagem do Cruzeiro é entrosamento. Eu e Farías já atuamos juntos no ano passado”, ressaltou.
 
Thiago Ribeito lembra que o Cruzeiro tem muitos jogadores de qualidade, cada um com sua característica, o que faz todo mundo buscar um espaço no time. “Futebol é oporutnidade. O importante é que o professor Cuca tem muitas opções e ele pode analisar. Tudo é fruto de trabalho, ninguém tem vaga garantida no time”, assegurou.
 
O camisa 11 do Cruzeiro, ainda lembrou que nenhum jogador tem cláusula de contrato falando de titularidade. “Graças a Deus, desde quando cheguei venho provando dentro de campo que mereço estar jogando, mas jogador não pode se acomodar. Esse ano tenho que ser melhor ainda. O segredo é determinação e seriedade”, concluiu.
 

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000