Josias Pereira
@josiaspereira
30/11/21
17h50

Olho nele

Joia da base do Cruzeiro, Vitor Roque projeta 2022 de gols e agradece Luxa

Atacante, de 16 anos, brilhou na final do Mineiro Sub-17 e é uma das grandes promessas da Raposa; foram cinco jogos no time principal neste ano

Vitor Roque agradeceu Luxemburgo por oportunidades no time principal — Foto: Bruno Haddad / Cruzeiro
Josias Pereira | @josiaspereira
30/11/21 - 17h50

Com apenas 16 anos, Vitor Roque passou a ter oportunidades no time profissional do Cruzeiro. Observação de Vanderlei Luxemburgo, que enxergou potencial no garoto, uma das grandes promessas da base. Na final do Mineiro Sub-17 contra o Atlético, nessa segunda-feira (29), ele foi às redes duas vezes, sendo o grande nome da Raposa em uma partida que terminou em título alvinegro nos pênaltis. Com a sequência do professor para 2022, o jovem atacante espera poder se firmar no profissional e também marcar seu primeiro gol no time principal, fato que quase aconteceu no empate por 0 a 0 com o Náutico, o último da Raposa na Série B. 

"Foi quase, quase, uma sensação indescritível, foi por pouco ali, mas 2022 está aí e nós vamos balançar muito as redes ainda", projetou Roque.

"O ano começando, trabalhar firme para, se Deus quiser, conquistar este acesso. Agradecer ao professor pelas oportunidades", acrescentou o garoto. 

Vitor Roque ainda ressaltou o apoio que tem recebido de Vanderlei. Foram cinco jogos no time principal nesta temporada. 

"Ele (Vanderlei) tem me dado total apoio, total confiança para seguir tendo oportunidades, no dia a dia, nos treinamentos. Tudo isso vai me ajudando para que quando eu entrar nas partidas, eu fique mais tranquilo", declarou o atleta. 

Apesar da grande expectativa do torcedor em relação ao seu desempenho, Vitor Roque prefere focar no campo para seguir evoluindo e ajudando no Cruzeiro no desafio do acesso em 2022. 

"Tento não criar muita pressão em cima de mim, deixo esse lado para a torcida, e sigo trabalhando firme mesmo, aproveitando as oportunidades", concluiu Roque. 

Vitor Roque firmou vínculo por três anos na Toca da Raposa II, até metade de 2025. A sua multa rescisória para o futebol do exterior é de 300 milhões de euros (R$ 1,919 bilhão na cotação atual), conforme apurado com uma fonte ligada à atual gestão do Cruzeiro. O valor estabelecido para uma venda nacional é calculado conforme o salário do garoto. 

O percentual do atleta é dividido entre América e Cruzeiro. O Coelho detém 30% dos direitos econômicos do jogador, enquanto a Raposa é dona dos outros 70%. Antes de atuar pelo clube celeste, ele defendeu as cores do time alviverde. 

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000