DA REDAÇÃO
@SUPER_FC
17/02/16
23h34

Só elogios

Diego Aguirre diz que Patric é 'espetacular' e o compara a Cafu

Técnico uruguaio comemorou vitória na estreia do Galo pela Copa Libertadores, diante do Melgar, no Peru

Treinador fez questão de abraçar o lateral-direito, que foi improvisado no ataque — Foto: Bruno Cantini/Atlético MG
DA REDAÇÃO | @SUPER_FC
17/02/16 - 23h34

O uruguaio Diego Aguirre não poupou elogios ao empenho do time do Atlético na vitória sobre o Melgar por 2 a 1, em Arequipa, no Peru. Mas um dos mais enaltecidos foi Patric, o autor do gol que garantiu o triunfo alvinegro na estreia pela Copa Libertadores.

Segundo Aguirre, a entrega do atleta, que é lateral-direito, mas jogou improvisado no ataque, é digna de reconhecimento, sendo mais importante que os dois gols que perdeu antes de balançar as redes da equipe peruana. 

"É verdade que ele perdeu dois gols, mas faz parte do futebol. É o jogador que sempre tem opções, sempre aparece. Ele tem mais dinâmica, que mais trabalha. É um jogador espetacular. Faz-me lembrar, em muitas vezes, apesar de não ser boas as comparações, mas a fortaleza física, vontade e entrega que tinha Cafu. É uma coisa que é superior aos demais. Ele nos deu o gol da vitória com uma definição espetacular. Então, o Patric é um jogador muito importante pelo que mostrou hoje (quarta). Não fico com o perdeu dois gols, fico com o fato de ele sempre dar opções, sempre aparece, sempre está ajudando. É solidário. Gosto muito do futebol que apresenta na posição dele", destacou o uruguaio. 

Além de avaliar o desempenho de Patric, o treinador se mostrou satisfeito com a superação da equipe em campo, que saiu atrás no marcador, mas conseguiu a virada ainda na primeira etapa. 

"Muito importante começar assim na Libertadores. O time lutou muito. Um jogo com muitas dificuldades. O time fez um esforço acima do normal. Além da altitude, você vê a intensidade em campo, eles correram muito. Teve muito espírito, atitude. Na hora de chutar, apareceu a qualidade deles. Merecemos a vitória. Poderíamos ter feito mais gols na primeira etapa para ter uma tranquilidade maior. Ainda teve a bola no Pratto no segundo tempo também. Futebol é assim. Na libertadores tem que sofrer e ir preparando para o que vem pela frente. Foi uma estreia legal, os jogadores correspondeu com a expectativa que tínhamos", comentou Aguirre. 

Em outro momento da coletiva, o treinador voltou a destacar a entrega dos atletas no jogo em Arequipa, tanto que no fim do embate, Luan, Rafael Carioca e Hyuri deixaram o campo com cãibras. 

"Eu acredito que se pode jogar bem ou mal, mas nunca pode faltar o coração, atitude, entrega e vontade. O Atlético foi espetacular pela forma como superou as dificuldades, como a altitude. Terminamos merecendo um triunfo. Não foi fácil, mas acabamos mostrando boas opções para marcar os gols", completou. 

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000