Recuperar Senha
Fechar
Entrar
Enderson Moreira
"O empate seria mais justo na etapa final", disse
Foto: Mourão Panda/América
Enviar por e-mail
Imprimir
José Augusto Alves | @SUPERFC
05/05/18 - 22h07

O técnico Enderson Moreira afirmou que a falta de competitividade foi o principal motivo da goleada sofrida pelo time para o Vasco, por 4 a 1, no Rio de Janeiro. Segundo o comandante alviverde, o time não se comportou como nas partidas anteriores.

 

“Era uma partida para a gente manter uma sequência de bons resultados. Mas não jogamos como estamos acostumados. Até o resultado do primeiro tempo foi mentiroso. Demos espaços para o Vasco, e acho que o empate seria mais justo na etapa final. Eles foram superiores em todo o jogo, temos que reconhecer isso. Infelizmente, o nosso time não teve o grau de competitividade que já apresentamos. Nossa equipe é competitiva, ela perde e ganha, mas briga o tempo todo. Hoje ficamos muito aquém nesse aspecto, fomos frágeis nas questões defensivas”, afirmou.

 

O treinador justificou as modificações feitas durante a partida. "Tínhamos que buscar alternativas, trocar jogadores porque o Vasco estava até dando certo espaço para o contra-ataque. Mas vamos levantar a cabeça, tirar forças dessa derrota e superar os erros para as próximas partidas”, completou.

 

O América entrará em campo agora na quarta-feira, no Independência, contra o Palmeiras. A partida é válida pelas oitavas de final da Copa do Brasil, e será o primeiros dos dois jogos do mata-mata.

avatar
Li e aceito os termos de utilização
Cadastre-se para poder comentar
Fechar

Reconhecimento

“Não apresentamos o mesmo grau de competitividade”, diz Enderson após derrota
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório