Daniel Ottoni
@superfc
16/04/18
13h50

Copa Levorin de Mountain Bike

Atmosfera especial de Araxá fez a diferença para vitória de Henrique Avancini

Energia da torcida e bom nível técnico dos adversários motivaram melhor ciclista brasileiro a somar importantes pontos no ranking mundial

Avancini comemorou quinta conquista na terra de Dona Beja — Foto: Thiago Lemos
Daniel Ottoni | @superfc
16/04/18 - 13h50

O ambiente diferente e especial em Araxá, sede da primeira etapa da Copa Levorin de Mountain Bike, foi o combustível principal para o brasileiro Henrique Avancini começar o evento com o pé direito, neste final de semana. Mesmo sem estar no melhor da sua condição física, vindo de uma temporada desgastante, dentro e fora do Brasil, o ciclista natural de Petrópolis mostrou porque está entre os melhores do planeta.

Depois de vencer o contra-relógio na sexta-feira, Avancini também chegou na frente no cross country, neste domingo, prova mais esperada da etapa. Novamente, ele foi acompanhado de perto pelo argentino Catriel Andres Soto, que chegou em terceiro, mas fechou em segundo no resultado geral na cidade de Dona Beja. Em segundo na prova deste domingo, ficou Luiz Henrique Cocuzzi. 

"A vitória foi especial. Araxá é um local sensacional. Fiquei muito feliz com a minha performance como um todo. Fisicamente não estava tão bem desde o primeiro dia. Mas aqui tem uma energia diferente. Consigo extrair um bom desempenho, sem depender do meu físico. Isso acontece pela atmosfera daqui. A sensação de competir nesta cidade é difícil de se explicar. Um dos poucos lugares que consigo ser campeão sem estar 100%. Vencer pela quinta vez é motivo de muita alegria", afirma Avancini, que somou importantes pontos no ranking da União Ciclística Internacional. 

Grande alvo dos adversários, o brasileiro precisou redobrar a atenção para não ser surpreendido e deixar a liderança escapar. No feminino, o maior nome do Brasil era Raiza Goulão. A goiana, no entanto, teve uma dura adversária desde os primeiros dias de prova. A norte-americana Chloe Woodruff foi a grande vencedora, repetindo o resultado do contra-relógio de sexta-feira. A terceira colocação ficou com a argentina Agustina Maria Apaza. 

Presente no evento pela primeira vez, Chloe não escondeu a satisfação de participar de uma prova importante e com atmosfera que motiva a cada pedalada. “Esse é um evento fantástico. É minha primeira vez em Araxá, a quarta no Brasil, não tenho nada a reclamar. Pretendo voltar, todos são muito legais e têm essa nergia incrível. Definitivamente, hoje foi um dia maravilhoso. A pista é fantástica, muito rápida e difícil, eu estava muito empolgada para essa corrida. A Raiza é uma competidora muito forte e fizemos uma bela corrida juntas, fiquei muito feliz com meu resultado” comentou a campeã.

A segunda etapa acontecerá em Ouro Preto, entre 8 e 10 de junho, sendo seguida por São Paulo e Congonhas. A Copa Levorin está na sua 23ª edição.

 

Escreva um comentário
Comentar

Leia também:

Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000