Daniel Ottoni
*Enviado especial a Conceição do Mato Dentro
10/03/18
06h10

Não perdeu tempo

Piloto local foi além de ser o primeiro inscrito no Rally Minas Brasil

Natural da cidade de Conceição do Mato Dentro, que recebe o evento neste sábado e domingo, empresário local intermediou contato entre prefeitura e organização

UTV´s são apenas uma das modalidades que estarão presentes na cidade mineira — Foto: Sanderson Pereira
Daniel Ottoni | *Enviado especial a Conceição do Mato Dentro
10/03/18 - 06h10

Os 20 anos de experiência fazendo trilhas nas montanhas de Minas Gerais deram ao empresário Daniel Costa, de 34 anos, algo além da confiança para se inscrever em competições oficiais, virando adversário de alguns dos melhores pilotos de UTV do país. O contato mais próximo com o mundo off-road o permitiu ser a ponte entre a Rally Makers e a prefeitura de Conceição do Mato Dentro.

A empresa organiza o Rally Minas Brasil, que engloba as duas primeiras etapas do Brasileiro de Baja e também do Brasileiro de Rally Cross Country, além do Mineiro de Rally, neste final de semana, na cidade mineira que fica a 160km de Belo Horizonte. UTV´s, carros, quadriciclos e motos vão invadir a cidade a partir desta sexta-feira. "A prefeitura gostou da ideia de trazer gente do Brasil inteiro para uma cidade que já é turística por natureza. A divulgação do nome do município em nível nacional vai ser ainda maior, algo fora do normal", comemora o piloto, que nasceu e mora em Conceição, sendo o primeiro a se inscrever no evento. "Assim que foi possível fazer o registro, não quis perder tempo para garantir minha presença", conta.

Nem tanta vantagem. Mesmo conhecendo boa parte das trilhas - são cerca de 3.000km de estrada por ali -, ele acredita que não terá vantagem sobre os concorrentes. Alguns distritos que irão receber os pilotos a todo vapor são Itacolomi, Ouro Fino, Córregos, Santo Antônio do Cruzeiro, Tapera e Congonhas do Norte.

"Pelo que pude apurar, se eu conhecer 20% dos locais por onde vamos passar, já é muito. Não faço muita ideia sobre os trechos escolhidos, acho que todos os participantes estão ansiosos para saber os locais que a organização mapeou. Será uma prova dura, muito técnica. Quem está vindo pra cá é a elite nacional, a briga vai ser forte pelas primeiras posições", pontua.

Mesmo sendo um novato nas provas oficiais se comparado com alguns dos adversários, Daniel já coleciona bons resultados que o credenciam a fazer bonito. Nos três anos competindo, ele foi o 4º colocado entre 16 participantes em uma categoria de UTV do Rally dos Sertões. Na mesma competição, chegou em 10º entre 35 pilotos no geral. No Brasileiro, em dois anos, ficou em quinto e sexto lugar na classificação geral. "Cheguei a conquistar algumas etapas. Claro que fiquei surpresa com este meu bom rendimento. Acho que correr de forma intensa, mesmo nos passeios, me ajudou a ir bem. A diferença é a maior segurança que você tem nas provas, sem risco de outros veículos aparecerem na contra-mão", pontua.

Enquanto na categoria Baja, a pista é previamente demarcada, com placas avisando sobre perigos, no Cross Country, o piloto segue os comandos de um navegador, que possui uma planilha em mãos para ter como referência. 

*Repórter viajou com convite da organização do evento

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000