JOÃO VITOR CIRILO
@Super_FC
26/04/16
08h10

De saída

'Homem de gelo', Winters deixa Sada Cruzeiro

Contratação de Simon impede renovação do canadense, que deixa Minas Gerais após importantes participações pontuais pelo time celeste

Simon e Leal já preencherão vaga de estrangeiros do Cruzeiro, impossibilitando continuidade de Winters — Foto: DOUGLAS MAGNO
JOÃO VITOR CIRILO | @Super_FC
26/04/16 - 08h10

Já é certo que o ponteiro canadense Winters não continuará no grupo do Sada Cruzeiro. Com a contratação do central cubano Simon e a continuidade do ponteiro Leal, também cubano e naturalizado brasileiro neste ano, o elenco celeste já conta com dois estrangeiros, o limite possibilitado pelo regulamento da Superliga.

Vale ressaltar que, ainda que naturalizado, Leal continua contando como estrangeiro, pois segue pertencendo à federação cubana. Ele só passará a contar como brasileiro quando for transferido para a Confederação Brasileira de Vôlei, o que depende da liberação da documentação pela Federação Internacional, a FIVB. Para atuar pela seleção, por exemplo, o período a ser respeitado é de dois anos.

O fato acima foi confirmado a O TEMPO pelo técnico Marcelo Mendez, que está na França acompanhando seu filho Nico Mendez na semifinal do Campeonato Francês, defendendo o Arago de Sete.

"Winters foi importantíssimo nos dois últimos anos. Dava a garantia de um ponteiro experiente, sempre preparado para entrar e dar muito ao time. Agora, com isso de que já temos dois estrangeiros, ele vai embora e acho que vamos sentir", opinou o treinador cruzeirense.

Obrigado a repor a posição de central, desfalcado pela saída de Éder, Mendez terá jovens atletas como alternativas: Rodriguinho, que renovou contrato por mais uma temporada, e Kadu, que retorna de empréstimo do Montes Claros. "Por sorte, temos dois meninos como Kadu e Rodriguinho que são potencialmente ótimos jogadores", comemorou Mendez.

Frieza. Curiosidade ou não, pela tradução do seu nome ("invernos"), Winters se destacou no Sada Cruzeiro pela frieza em momentos complicados. Como principal exemplo, podemos citar a decisão da Superliga 2014/2015, contra o Sesi-SP, no Mineirinho. Após início ruim de Filipe, o canadense foi chamado em um cenário de dificuldades, correspondeu e foi premiado com o ponto do título, o terceiro da equipe celeste na competição.

"Winters é muito experiente e, quando entrava, era muito frio, sabia bem o que fazer e cumpria bem a sua função", destacou Marcelo Mendez, que contou com Winters em 13 jogos da última Superliga, marcando 57 pontos, sendo 50 de ataque, seis de bloqueio e um em saques.

O líbero Serginho, companheiro de quarto do norte-americano nestes dois últimos anos, concorda. "Experiente, bom de grupo e frio para entrar nas horas mais difíceis com a tranquilidade", resumiu.

Juventude. Assim como na última temporada, a próxima terá o Sada Cruzeiro apostando nos jovens valores, como na posição de ponteiro. A situação é a mais correta, segundo Serginho. "É inevitável a mescla. O Sada tem um projeto consistente de longo prazo. As categorias de base darão suporte para o time continuar na trilha do sucesso por muitos anos", confiou.

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000