Super.FC
@otempo
27/10/21
16h15

Comunicado

Vôlei: Minas anuncia que Maurício Souza não é mais jogador do clube

Jogador emitiu comentários homofóbicos em suas redes sociais e já havia sido afastado pela equipe minastenista um dia antes

Jogador virou assunto nacional por homofobia nas redes sociais — Foto: Lara Pereira - MTC
Super.FC | @otempo
27/10/21 - 16h15

O Minas Tênis Clube utilizou suas redes sociais para anunciar de forma oficial que o atleta Maurício Souza não faz mais parte do time de vôlei da agremiação. O breve apontamento do clube foi feito nesta quarta-feira (27). Um dia antes, o jogador foi afastado após comentários homofóbicos em suas redes sociais.

As postagens do atleta quanto ao assunto sempre foram recorrentes, a última a que gerou mais repercussão veio no dia 12 de outubro, sobre personagem Superman, de uma história em quadrinhos, ter uma relação bissexual. "É só um desenho, não é nada demais. Vai nessa que vai ver onde vamos parar", escreveu o jogador. O caso repercutiu em todo o Brasil, mobilizando esportistas e também a opinião pública. 

Ainda hoje, no período da tarde, Maurício Souza divulgou um vídeo no Instagram pedindo desculpas, mas apontando que emitiu sua opinião baseado no que defende. Na publicação, ele ainda deu sinais de que seria desligado do Minas, mas reforçando que encontraria outro time para jogar por causa de sua competência em quadra.  

No referido vídeo, ele afirma que 'fica triste por tudo que está acontecendo em um cenário onde não se pode mais dar opinião e colocar seus valores de família e do que acredita acima de tudo, sob pretexto de ser taxado de hipócrita e preconceituoso'.

O Minas já havia sido criticado na última terça-feira (26) pela forma que vinha conduzindo o caso. Patrocinadores da equipe de vôlei do clube se mostraram contrários à fala de Maurício Souza e o clube decidiu manifestar-se por nota dizendo que não 'aceita manifestações e homofóbicas', afastando o atleta por tempo indeterminado. 

Maurício Souza, orientado pelo clube, foi ao Twitter pedir desculpas ainda na terça. Mas muitos questionaram sua ausência no Instagram, rede social onde possui mais de 300 mil seguidores. O vídeo foi a gota d'água para a decisão minastenista, pois Maurício, em falas, reforçou sua opinião sobre a homossexualidade e ainda citou sua situação adversa dentro da equipe. 

(última atualização às 16h32)

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000