Recuperar Senha
Fechar
Entrar

RIO DOCE

Processos contra a Samarco sobre qualidade de água serão suspensos

Desembargador acatou questionamento feito por advogados da mineradora

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Barragem Samarco
Rejeitos se espalharam pelo rio, atingindo diversas cidades mineiras
PUBLICADO EM 20/03/17 - 19h11

Ações contra a empresa Samarco que questionam a qualidade da água do Rio Doce serão suspensas, até que seja decidido se os processos podem ser avaliado por Juizados Especiais. A decisão ocorreu depois de uma questionamento feito pela empresa, que alega que os Juizados não teriam competência para o julgamento dessas ações.

Após o rompimento da Barragem de Fundão, em Mariana, diversas prefeituras de municípios banhados pelo Rio Doce solicitaram indenizações e outras reparações à mineradora. Os advogados da Samarco pontuaram que conferir da qualidade da água exige uma prova pericial complexa, o que retira as ações da alçada dos Juizados Especiais.

A empresa solicitou a instauração de IRDR (incidente de resolução de demandas repetitivas), dizendo que os diversos processos se repetem.

O desembargador Amauri Pinto Ferreira acatou o questionamento, pontuando em que existem decisões divergentes em ações de teor semelhante. Ferreira lembrou que a medida pode ser revertida pelo colegiado da 2ª Secção Cível.

O que achou deste artigo?
Fechar

RIO DOCE

Processos contra a Samarco sobre qualidade de água serão suspensos
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter