Recuperar Senha
Fechar
Entrar

Esperança

Cientistas afirmam ter freado melanoma

Os resultados dos testes de medicamentos feitos mostraram-se efetivos para impedir a propagação

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
melanoma
Pinta característica do melanoma, câncer de pele mais mortal
PUBLICADO EM 12/09/17 - 03h00

SIDNEY, AUSTRÁLIA. Um grupo de pesquisadores australianos afirma ter encontrado uma combinação de tratamentos que pode frear o avanço e a propagação para outros órgãos do melanoma, o tipo de câncer de pele mais letal que existe.

Os resultados dos testes de medicamentos feitos pelo Instituto Australiano de Melanoma, com sede em Sydney, mostraram-se efetivos para impedir a propagação em pacientes que estavam no terceiro estágio da doença e que tiveram os tumores removidos. Até aquele momento, esses pacientes tinham alto risco, entre 40% e 70%, de que o melanoma avançasse.

“Os resultados dos testes clínicos indicam que podemos frear o avanço da doença”, disse Georgina Long, diretora do instituto em um estudo publicado na revista “New England Journal of Medicine”. Os resultados serão apresentados nesta semana no Congresso Anual da Sociedade Europeia de Oncologia Médica, na Espanha.

O que achou deste artigo?
Fechar

Esperança

Cientistas afirmam ter freado melanoma
Caracteres restantes: 300
* Estes campos são de preenchimento obrigatório
Enviar Comentário

Li e aceito os termos de utilização
Compartilhar usando o Facebook
ou conecte-se com

ATENÇÃO

Cadastre-se para poder comentar

Comentar com Facebook Comentar com Twitter