LUTO NA MÚSICA

Morre Gustavo Mullem, ex-guitarrista da Camisa de Vênus

Artista foi o último guitarrista a torcar com Raul Seixas

Por Entretenimento
Publicado em 27 de maio de 2024 | 20:26
 
 
 

O músico Gustavo Mullem, ex-guitarrista da banda Camisa de Vênus, morreu nesta segunda-feira (27), em Salvador. A informação foi divulgada pelo filho do baiano, o também músico Luiz Mullem, em publicação no Instagram.

Na postagem, a família também informou que o velório do artista será realizado na terça-feira (28). O compositor será cremado em uma cerimônia nesta às 11h30. Às 11h, será realizada uma missa no local, no entanto, a partir das  8h, amigos e parentes serão recebidos para dar o último adeus ao guitarrista.

Segundo o portal A Tarde, o músico lutava contra um câncer de pulmão. 

Carreira

Gustavo Mullem alcançou fama nacional nos anos 1980, quando integrava a banda Camisa de Vênus. Junto do grupo, que também era composto por Marcelo Nova, Robério Santana, Aldo Machado e Karl Hummel, Mullem gravou cinco álbuns, deixando um legado de canções como “Eu Não Matei Joana D’arc”, “Sílvia”, “Bete Morreu”, “O Adventista” e tantas outras.

Com o fim da formação original do Camisa de Vênus, em 1987, o guitarrista passou a integrar o Envergadura Moral, grupo solo do vocalista Marcelo Nova. A banda gravou “A Panela do Diabo”, último disco de estúdio de Raul Seixas, um parceria com Nova, lançada em 1989. 

Nos anos seguintes, Gustavo participou de reuniões esporádicas do Camisa de Vênus e em 2004 com gravou um DVD ao vivo no Festival de Verão Salvador em 2004. Nos anos 90, foi guitarrista da banda Missionários do Dízimo, que lançou um álbum e obteve certa repercussão nacional.

Seu lançamento mais recente foi o single “Dúvida”, canção autoral feita com o filho Luiz Mullen e o produtor ordeplemos. 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!