Siga-nos nas redes sociais:
No Peru

Mulher 'ressuscita' durante velório e bate em caixão para não ser enterrada viva

Rosa Isabel Céspedes Callaca chegou a acordar durante o cortejo, sendo levada ao hospital; ela, entretanto, não sobreviveu posteriormente

Seg, 02/05/22 - 23h00

A peruana Rosa Isabel Céspedes Callaca pegou seus familiares de surpresa após "ressucitar" durante seu velório, que ocorria no último dia 26 de abril, em Ferreñafe. Durante o cortejo fúnebre, ela acordou e bateu no caixão por três vezes minutos antes de ser enterrada.

Rosa havia se acidentado em um acidente de carro, que também vitimiou seu cunhado. Durante o cortejo fúnebre, entretanto, sua família foi pega de surpresa com as batidas.

Em entrevista ao Publimetro, o administrador do cemitério confirmou a informação. “Ela abriu os olhos e estava suando. Cheguei ao meu escritório e chamei a polícia”, explicou.

Os oficiais foram ao cemitério e confirmaram que Rosa apresentava sinais vitais. Tão logo constataram o fato, a encaminharam para um hospital local, onde ela foi atendida. Porém, Rosa não resistiu aos ferimentos que ainda tinha e morreu definitivamente horas depois. 

A família, agora, quer saber se Rosa estava em coma antes de ser declarada morta pela primeira vez. O caso é investigado pela gerência regional de saúde do Peru. 

---

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar.

Siga O TEMPO no Facebook, no Twitter e no Instagram. Ajude a aumentar a nossa comunidade.