na argentina

Brasileira morre após cair do 6º andar de prédio em Buenos Aires

Polícia argentina investiga se a jovem foi assassinada, se caiu por acidente ou se jogou do edifício

Por Agência
Publicado em 03 de abril de 2023 | 09:36
 
 
 
normal

A brasileira Emmily Rodrigues, 26, morreu na manhã da última quinta (30) após cair do 6º andar de um prédio no bairro Retiro, em Buenos Aires, na Argentina. De acordo com a imprensa local, a polícia do país investiga se a jovem foi assassinada, se caiu por acidente ou se ela se jogou do edifício.

O dono do apartamento em que Emmily estava, o empresário argentino Francisco Sáenz Valiente, 52, foi preso e é investigado por homicídio. Ele nega a acusação e afirma que a brasileira se jogou após um surto.

Uma mulher de 37 anos que disse ser amiga tanto de Sáenz Valiente como de Emmily também estava no apartamento no momento dos fatos. De acordo com o jornal argentino La Nacion, essa mulher é brasileira.

Na noite de quarta (29), o grupo jantou em um restaurante antes de seguir para a casa do argentino, onde consumiram bebida alcoólica. Uma terceira mulher também teria estado com o grupo, mas aparentemente deixou o apartamento antes da tragédia, segundo o jornal argentino Clarín.

Vizinhos relataram à imprensa que festas na casa do empresário eram frequentes. Agora a polícia investiga se houve uma briga no apartamento antes da morte de Emmily. De acordo com o Clarín, a amiga de Sáenz Valiente tinha ferimentos na mão e arranhões. Quanto à existência de ferimentos no corpo do empresário, a polícia ainda espera resultados de exames. O resultado da autópsia também é aguardado.

Conforme o noticiário local, por volta das 9h de quinta um vizinho acionou os serviços de emergência dizendo que havia uma "mulher alterada" no prédio e que momentos depois essa mulher teria caído no pátio interno do edifício. Ao chegar ao local, policiais e bombeiros encontraram a brasileira nua.

"Sáenz Valiente disse que a jovem de 26 anos se incomodou e se aproximou de uma janela voltada para a rua, mas, como não conseguiu abri-la, pulou de outra janela", disseram fontes da polícia ao La Nacion. Emmily chegou a ser socorrida, mas morreu a caminho do hospital, ainda de acordo com a imprensa local. (Folhapress) 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!