SEM FREIO DE MÃO

Táxis autônomos estão virando motel ambulante nos Estados Unidos

Casais estão solicitando o serviço e, como não há motoristas no carro, aproveitam para fazer sexo durante o percurso

Por O Tempo
Publicado em 15 de agosto de 2023 | 19:35
 
 
 

Os chamados robotáxis, veículos computadorizados capazes de circular sem a necessidade de um motorista, já operam por algumas cidades nos Estados Unidos há algum tempo. Porém, na cidade de São Francisco, na Califórnia, os relatos de pessoas que utilizam o serviço para encontros sexuais já começaram a surgir

Uma reportagem do The San Francisco Standard traz alguns relatos que apontam que os táxis autônomos estão virando uma espécie de motel ambulante. Ou seja, as pessoas chamam o carro, entram e, durante o percurso, fazem sexo

Megan, 20, contou que ela e um rapaz, identificado como Alex, "entraram e foram direto ao assunto". O companheiro dela disse que já havia realizado o serviço para "atos de amasso completo" outras seis vezes. O casal contou também que fizeram uso dos carros da Cruise, subsidiária da General Motors, que foca em carros autônomos. 

Outra empresa prestadora do serviço é a Waymo, que se pronunciou dizendo que a orientação para os clientes é de apenas "respeitar os limites”. No entanto, não há nenhuma determinação que proíba práticas sexuais nos veículos por parte da marca.

Com relação à Lei, usuários que fizerem sexo no carro (seja autônomo ou não) podem responder por praticar ato obsceno exposto ao público. 

Em maio de 2019, o próprio Elon Musk tuitou sobre o assunto. Ele disse: "Acontece que há mais maneiras de usar o piloto automático do que imaginávamos", ao descobrir que pessoas estavam gravando filmes pornôs dentro dos carros da Tesla. (Com informações de Canaltech)

 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!