Menina nem te conto

Flavio Venturini é o convidado desta quarta da Orquestra Sesiminas Musicoop

Flavio Venturini é o convidado desta quarta da Orquestra Sesiminas Musicoop

Não é a primeira live de Flávio Venturini. No último dia 30, por exemplo, ele participou de uma, beneficente, promovida pela associação Casa Brasil, "de amigos que moram nos Estados Unidos e que ajudam crianças brasileiras do nosso Nordeste", explica. "O resultado foi muito bom".

Já habituado, pois, com o formato, ele volta a ligar a câmara para conversar com os integrantes da Orquestra Sesiminas Musicoop nesta quarta-feira (3), às 21h30, dentro do projeto Dando Corda (@orquestrasesiminasmusicoop). "Acho realmente essas iniciativas bacanas. Por causa da pandemia, a internet adquiriu mais  importância, as pessoas acabaram tendo mais tempo de ficar no celular ou no computador, e de se informar. As live de artistas ajudam a passar o tempo e informar, ficar ligado com a cultura e com a arte"

A Orquestra Sesiminas, ele já conhece há bastante tempo. "Fizemos um projeto muito legal que correu Minas, as maiores cidades, e foi superimportante para mim. Viajamos com uma equipe muito grande, orquestra, a minha banda, um grupo vocal e dois corais de crianças. O resultado foi lindo, eu tenho até pena de  não ter gravado isso, não há muito registro. Já tem mais de dez anos, é pena. Mas foi muito bonito, legal e gratificante pra mim", cita.

Sobre os demais projetos, Venturini conta que a quarentena, claro, também o impactou. "Naturalmente, no começo a gente assusta, se pergunta 'como vou ficar em casa', 'o que vou fazer', 'como ficar sem ver meus entes queridos, meus amigos', 'como fica o meu trabalho'... Mas é hora de se reinventar e procurar tornar produtivo esse momento, então continuo, produzindo meu disco. Vou lançar uma música no próximo dia 12, Dia dos Namorados.

O disco, pretendo terminar até agosto, então, estou aproveitando para tornar meu tempo em casa produtivo, seja com a criação, composição, organização dos meus arquivos, sejam musicais ou pessoais... E também acabo cuidando dos afazeres domésticos, é uma maneira de passar o tempo e até ser um momento legal pra mim, apesar das dificuldades", explica.

O novo disco vai se chamar "Paisagens Sonoras". "É o primeiro de um projeto de três discos, é uma série. Os dois primeiros serão de composições minhas e de algumas pessoas que já estava pensando em gravar, de um ou outro amigo. Mas a maioria, minha, e praticamente todas inéditas. O terceiro será instrumental, um projeto muito antigo da minha carreira e que agora quero realizar, e quero inclusive a participação de orquestra nele. Vai depender das condições para fazer, mas é um sonho meu. Já realizei um disco com o Grupo do Contra e já realizei um com o Grupo do Contra e a Orquestra Sesiminas, o álbum 'Paraíso', lançado no ano passado", relembra.

Fonte de inspiração no seu entorno não lhe falta. "Eu tenho sorte de morar em um lugar meio que no campo, onde posso pelo menos tomar sol, sair, dar uma caminhada. No mais, estou evitando lugares de aglomeração. Foi se reiventar mesmo. Criei uma rotina de trabalho com bastante coisa para fazer em casa, então, procuro ficar com um astral positivo. Não deixo de me informar sobre o que está acontecendo no mundo,, mas venho tentando dirigir minha energia para coisas positivas", resume. 

Eduardo Costa ameaça deixar as redes sociais após fala polêmica sobre Brumadinho

Eduardo Costa ameaça deixar as redes sociais após fala polêmica sobre Brumadinho

Eduardo Costa se envolveu em mais uma polêmica nas redes sociais e, após a repercussão negativa,  ele ameaçou abandonar seus perfis no mundo virtual. Tudo começou em uma live no Instagram, quando o cantor fez um comentário sobre a cidade de Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte. O artista afirmou que seria difícil fazer sua próxima live na cidade porque o local estaria totalmente devastado e que cheirava a corpo e a morte. Em janeiro de 2019, a o rompimento de uma barragem de rejeitos da Vale deixou um rastro de destruição na região e causou 259 mortes.

“Não está 100% definido. Estamos procurando um lugar. Como a cidade foi devastada, é difícil um lugar em Brumadinho para se fazer qualquer tipo de evento. A cidade está totalmente devastada. Aquele lugar cheira a corpo, morte. Só quem passa lá que vê", disse Eduardo durante conversa com os fãs. 

A fala do sertanejo gerou revolta de repúdio dos internautas e também da Prefeitura de Brumadinho, que divulgou uma nota. “A prefeitura lamenta e repudia a infeliz colocação que fez o cantor ao se referir ao nosso município. Eduardo Costa é um artista que sempre teve um carinho enorme por Brumadinho e esse carinho sempre foi recíproco por parte da população. Por isso, queremos crer que o cantor, talvez por falta de informação sobre a real situação do município, tenha cometido um equívoco que possa e precisa ser reparado", disse a nota.

Após a repercussão negativa, o sertanejo disse, em entrevista à coluna de Leo Dias, que pensa em abandonar as redes sociais. “Tem horas que tenho vontade de abandonar as redes sociais. Eu não falei com uma conotação pejorativa, nem para depreciar nada. As pessoas que levaram para este lado”, explicou ele. 

“O que acontece em Brumadinho é que ainda tem uns 12 corpos que estão desaparecidos e as famílias ainda procuram, com toda razão e direito, enterrar seus entes queridos. Então ainda tem corpo lá, sim. Mas, como sempre, editaram minha fala e isso magoou muita gente, inclusive a mim. Eu peço de todo coração desculpas a quem se ofendeu, não foi e nunca é minha intenção. Sou um cara da paz”, acrescentou o artista.

“Tenho muitas tias e primos que moram em Brumadinho. Também tenho cavalos por lá. Além disso, meu primeiro grande show na região metropolitana de Belo Horizonte foi lá. Eu devo muito a esse lugar. Inhotim é um dos lugares mais bonitos do mundo. Amo aquela região como se fosse minha casa”, afirmou Eduardo.

 

Apartamento em estilo vintage de Caio Castro vira assunto nas redes sociais

No ar atualmente em duas novelas - vive o imperador Dom Pedro I em “Novo Mundo” e o enjoadinho Antenor em “Fina Estampa” -, o ator Caio Castro é um dos assuntos mais comentados do Twitter nesta quarta-feira (3).  Desde a madrugada passada, tuitueiros se dedicam a opinar sobre a decoração do apartamento do ator, em São Paulo. Detalhe: a decoração não é nova e foi tema de reportagem da revista “Vogue” há pelo menos um ano. 

Com estilo vintage e hipster, o apartamento tem dividido opiniões. Conheça o local na galeria acima e confira alguns comentários.

Namorado da mãe de Neymar vai para hospital após socar vidraça em briga do casal

Namorado da mãe de Neymar vai para hospital após socar vidraça em briga do casal

Uma briga feia entre a mãe do jogador Neymar Jr., Nadine Gonçalves, 52 anos, e seu namorado, o modelo Tiago Ramos, 23 anos, terminou no hospital. Após discussão, muita gritaria e barulho de vidros quebrados, segundo relato dos vizinhos no prédio de alto padrão em que Nadine mora em Santos, Tiago deixou o local de ambulância após ter se ferido gravemente na mão depois de socar uma vidraça. 

Abalada, Nadine acompanhou o socorro até o hospital. Segundo informações apuradas pelo jornal "Extra" com pessoas do condomínio, essa não foi a primeira vez que Nadine e Tiago brigaram.

Em nota, a assessoria de imprensa de Neymar informou que o que houve foi apenas "um acidente doméstico com Tiago Ramos". “A Dona Nadine está super bem. Houve um acidente doméstico com o Tiago, e a Dona Nadine, por precaução, achou melhor chamar a ambulância. Mas estão bem. Está tudo bem”, diz o comunicado.

O modelo recebeu o atendimento no Hospital Santa Casa e precisou realizar uma sutura por conta de um corte profundo no braço e seguia internado, até o fechamento desta reportagem, em observação.

Tiago Ramos tem um histórico de violência. Antes namorar Nadine, ele foi acusado de agressão por uma ex-namorada na Espanha, em outubro de 2019. Rita Cumplido, de 44 anos, se relacionou com o jovem por oito meses e chegou a registrar boletim de ocorrência contra ele, garantindo uma medida protetiva.

 

Youtuber mineira compra mansão de R$ 6,5 milhões em BH para gravar seus vídeos

Youtuber mineira compra mansão de R$ 6,5 milhões em BH para gravar seus vídeos

A influenciadora digital Camila Loures, 25, comprou uma mansão em Belo Horizonte para ter uma "casa de gravações" dos vídeos de seu canal no YouTube.

Com quase 12 milhões de inscritos na rede social, Loures publicou um vídeo na última semana mostrando a nova casa, apelidada por ela de "mansão Loures".

"Vai ser uma casa de gravação. Aqui é que vai acontecer todos os vídeos. Talvez, pode ser que tenha vídeos lá na mansão (em que mora), mas provavelmente agora vai ser tudo aqui. A gente não se mudou. Lá, vai ser a nossa casa de morar, vamos continuar morando lá. Aqui é a casa de gravação", explica ela no vídeo, onde também diz que já acumulou 10 milhões de seguidores no Instagram nos últimos seis anos, gravando vídeos.

A casa de dois andares será dividida com o irmão de Camila e seus pais. Ela conta com duas piscinas, bar, cascata, pista de dança e sistemas tecnológicos de luz e som. Segundo um anúncio da casa encontrado na internet, o imóvel é avaliado em R$ 6,5 milhões.

Tiago Iorc lança nesta quarta single escrito há mais de 15 anos

Tiago Iorc lança nesta quarta single escrito há mais de 15 anos

Foi após viver um romance de verão que Tiago Iorc, 34, ainda então um adolescente, escreveu a sua primeira música: "Você Pra Sempre em Mim". Após flertar com o lançamento da canção ao longo de sua carreira, sem nunca fazê-lo, ele decidiu que a hora certa de apresentá-la ao público era agora.

"Essa música sempre me emocionou (...) Ela tem alguma coisa da pureza, da verdade daquele Tiago adolescente que me emociona muito até hoje. E me parece que essa mensagem é bem coerente com o momento em que estamos vivendo agora, por isso, pensei que merecia lançar", diz o cantor em entrevista à reportagem.

O single é o primeiro do artista em parceria com a Sony Music - ele já fez parte do time da Universal Music e da Som Livre. O cantor e compositor lança "Você Pra Sempre em Mim" em live que realiza nesta quarta (3), às 21h, em seu canal no YouTube.

"Vai ser na voz e no violão, um formato que eu amo e que me sinto bem confortável. Vai ser um momento de confraternização, comunhão com as pessoas que estão em casa", afirma ele, que promete atender a pedidos de músicas de fãs.

"Essa música ('Você Pra Sempre em Mim') tem uma história bem singela. Viajei para a praia com amigos e conheci uma moça de outra cidade, e a gente viveu uns dias de romance, um amor bem puro. E esse sentimento voltou comigo para Passo Fundo (RS), a cidade onde eu morava. A música nasceu de uma vontade de celebrar esse sentimento, de eternizar o amor, a sensação de querer bem."

Iorc também abriu recentemente seu próprio escritório para cuidar de todos os assuntos referentes à sua carreira. A decisão veio depois de ele terminar a sociedade na empresa de gerenciamento artístico que tinha com o empresário Felipe Simas.

"Sempre estive à frente das decisões da minha carreira e sempre gostei disso, de poder alinhar o que eu faço com os meus propósitos. E abrir meu escritório vem no momento em que deixei de trabalhar com outro escritório. Era mais coerente neste momento seguir neste caminho. E tenho achado bem inspirador, estou bem feliz de seguir trabalhando assim", diz o artista, sem dar detalhes sobre o que motivou o fim da parceria com o empresário. Iorc também deixou de produzir, em 2019, os discos do duo Anavitória.

O cantor revela que está passando o período de isolamento social perto dos pais e apenas sai de casa quando precisa fazer compras no mercado. "Tenho usado meu tempo para compreender isso tudo, e para entender de que forma possa contribuir, seja cantando, seja criando movimentos para ajudar."

Recentemente, por exemplo, ele fez uma parceria com a marca de roupas Chico Rei, em que foi confeccionada a camiseta Ame Tudo que Puder. Toda a renda da venda do item foi utilizada para a produção e distribuição de máscaras para a batalha contra o novo coronavírus.

Gradualmente Tiago Iorc tem retomado sua carreira musical após ter se afastado por quase dois anos da vida pública. Ele retornou com o disco "Reconstrução", álbum surpresa lançado em maio de 2019, quebrando o silêncio e causando alvoroço nos fãs.

Na época, o sucesso foi imediato no streaming. Ele se tornou o artista a ter mais músicas entre as 50 mais ouvidas do Spotify em menos tempo, emplacando 13 faixas no ranking em um dia. Também em 24 horas, os 13 clipes no YouTube alcançaram 12 milhões de acessos. As músicas de "Reconstrução" compuseram o show de Iorc, que marcou o retorno do programa "Acústico MTV".

O Borat, de 'Amor e Sexo', é advertido pelo Instagram após fazer live explícita

O Borat, de 'Amor e Sexo', é advertido pelo Instagram após fazer live explícita

Bruno Miranda, 29, o Borat do programa "Amor e Sexo" (Globo), revelou aos seus seguidores em maio deste ano que faria lives com conteúdo adulto em seu perfil no Instagram, com direito a stripteases.

Em uma de suas transmissões, no entanto, Miranda foi advertido pela rede social e informado que seria suspenso por tempo determinado, por ter compartilhado conteúdo impróprio. "Achei perseguição. Tudo o que faço é censurado", afirmou ele ao jornal NaTelinha, revelando o ocorrido. A conta do ator e modelo está atualmente ativa na rede social.

"Eu acho estranho porque eu posto foto do Borat, que é um personagem, que usa maiôs cavados, sungas cavadas e implicam. Aí, vejo fotos de celebridades, musas fitness com os peitos de fora cobertos só por estrelas ou com as mãos e até mesmo tangas cavadíssimas, e elas não são censuradas. Mulher pode? As regras não são para todos? Eu fico chateado e acho que existe uma perseguição", disse ele.

O ator afirma que teve a live interrompida porque um de seus convidados tirou a roupa e quase ficou nu. "Eu não oriento, mas peço para as pessoas não se empolgaram muito. Só que elas vão entrando no clima, ficam animadinhos e acabam passando um pouco do limite. Existem seguidores que entram na onda também", diz ele, afirmando que sua intenção é entreter e alegrar quem está em casa.

MC de BH lança 'Aquele Muleke', sobre menino negro que correu atrás dos sonhos

MC de BH lança 'Aquele Muleke', sobre menino negro que correu atrás dos sonhos

“Vidas negras importam”. Quando essa máxima ganhou ainda mais visibilidade nas redes sociais, após o assassinato de George Floyd, que foi asfixiado pelo policial Derek Chauvin, em Minnesota, nos Estados Unidos, no dia 25 de maio, MC Jefinho já preparava o lançamento do videoclipe “Aquele Muleke”. Disponibilizado nesta terça-feira (2) nas plataformas online, o vídeo traz à tona a história de um menino negro, morador da periferia e que, apesar das diversas oportunidades de fazer carreira no crime, optou por caminhar contra a corrente e lutar pelo seu sonho.

"Essa é a minha história. Contei ela claramente no vídeo. Eu tive várias opções para seguir, mas escolhi a do trabalho digno e fui em busca do meu sonho: cantar para algumas pessoas”, revela o músico, que sempre transitou entre o rap e o funk, fez parcerias de peso, como a com o músico Buchecha, e tem como missão incentivar a turma da periferia a não fraquejar diante dos percalços.

"O recado que eu sempre deixo para todos os menores que possuem um sonho, assim como o que eu tive, é para que nunca parem de sonhar, foquem no objetivo e não tenham pressa, nem ansiedade. Eles podem ser o que quiserem e conquistar o que quiserem também”, garante Jefferson Sabino, o MC Jefinho.

Curiosamente, o videoclipe de “Aquele Muleke”, gravado no Aglomerado da Serra, em BH, durante a pandemia do novo coronavírus, mas seguindo todas as recomendações de segurança da Organização Mundial de Saúde (OMS), veio à baila no dia em que as redes sociais foram invadidas pela hashtag #BlackoutTuesday, em que anônimos e famosos publicaram uma imagem preta e, basicamente, fizeram silêncio nas plataformas online como ato de protesto contra o racismo. “O lançamento caiu no melhor dia”, destaca MC Jefinho, que salienta: “E nossa proposta é trabalhar sempre com gente pobre, preta e da periferia”.

E a história de Jefinho, que em “Aquele Muleke” começa com ele lavando uma moto para ganhar uns trocados e, no final, dando alguns trocados para que um garoto lave sua motocicleta, já tem sido assistida como um espelho. No começo da noite desta terça-feira (2), o músico recebeu algumas mensagens descritivas, no qual o portal O Tempo teve acesso exclusivo, de pessoas que passaram e que ainda passam pela mesma saga dele. “Tô aqui chorando demais”, revelou o artista, grato pela reverberação positiva com o público e também ao parceiro Diogo Santos, que dirigiu o videoclipe.

Após cobrança de Felipe Netto, Neymar Jr se posiciona sobre ataques racistas

Após cobrança de Felipe Netto, Neymar Jr se posiciona sobre ataques racistas

A cobrança do youtuber Felipe Netto sobre um posicionamento do jogador Neymar Jr. quanto aos ataques racistas que têm pautado as discussões na web parece ter surtido efeito. Mesmo após o influenciador ter apagado as críticas no Twitter e afirmado que errou, o atacante do PSG resolveu se posicionar. "Black lives matter. BlackOutTuesday (Vidas negras importam. Terça-feira do apagão)", escreveu ele ao compartilhar uma foto com o fundo preto e uma tatuagem escrito "fé", escreveu em post no Instagram.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Black lives matter 🖤 #blackouttuesday

Uma publicação compartilhada por ene10ta Érre 🇧🇷 👻 neymarjr (@neymarjr) em

Felipe Netto havia questionado o craque em um post no Twitter. "Vidas negras importam. Mas nem todo mundo se importa", havia escrito. Porém, posteriormente, o youtuber deletou a publicação e se explicou.

"Apaguei o tuíte sobre o silêncio do Neymar após mensagens de integrantes do movimento negro mostrando que um branco não deve cobrar de um negro sobre pautas racistas. De fato, não é meu papel cobrar o Neymar sobre isso", afirmou.

Em seguida, prosseguiu: "Isso não muda o fato de eu condenar o silêncio do jogador que é, disparado, o maior influenciador digital brasileiro no mundo". Felipe Neto ainda ressaltou que pretende continuar "cobrando" Neymar "quando o assunto for Amazônia, fascismo e opressão".

 

Barry vai enfrentar o vilão Godspeed na 7ª temporada de ‘The Flash’

Barry vai enfrentar o vilão Godspeed na 7ª temporada de ‘The Flash’

Apesar de a 7ª temporada de “The Flash”, série da CW Television disponível na Netflix, estrear só em 2021, os fãs já estão em polvorosa com a notícia de que o super-herói vai enfrentar seu grande rival do quadrinhos, o vilão Godspeed. 

O personagem já havia sido mencionado durante a 5ª temporada, quando Nora (Jessica Parker Kennedy), a filha de Barry Allen (Grant Gustin) e Iris (Candice Patton), o enfrenta e o supera em 2049,  com a ajuda de Eobard Thawne, o Flash Reverso.

Em uma sessão de perguntas e respostas, o showrunner da atração, Eric Wallace, acenou que o personagem pode ser o grande vilão que irá permear toda a temporada. “Sim, você pode (acreditar no embate entre os personagens)…”, disse  Wallace ao TVLine, deixando escapar uma risada maligna. “Porque é para onde estamos indo!” 

'Thiago Salvático queria tumultuar herança de Gugu', diz advogado de Rose Miriam

'Thiago Salvático queria tumultuar herança de Gugu', diz advogado de Rose Miriam

Nelson Wilians, advogado que representa a viúva de Gugu Liberato, Rose Miriam, resolveu comentar sobre a desistência de Thiago Salvático, 32, suposto ex-companheiro de Gugu, na briga pela herança do apresentador.
"Desde o início afirmei que o aparecimento repentino desse senhor só tinha a finalidade de tumultuar o processo principal, que é o reconhecimento de União Estável da viúva Rose Miriam com Gugu Liberato", escreveu Wilians, em comunicado para a imprensa nesta terça-feira (2).

O representante de Rose Miriam, com quem Gugu teve três filhos, também afirmou que Salvático provocou um "imenso desconforto a seus familiares ao ir contra os desejos do próprio apresentador". "Quando vivo, Gugu nunca apresentou à família e ao seu grande público - em nenhum momento de sua vida - outra condição senão aquela revelada em inúmeras capas de revistas e reportagens, a de um homem de família heterossexual. Não tendo, agora, nada mais a comentar."

A nova reviravolta de que Thiago Salvático desistiu de brigar pela herança de Gugu, morto em novembro do ano passado, foi divulgada pelo site Notícias da TV. Segundo a publicação, os advogados de Salvático protocolaram sua decisão de encerrar a disputa na sexta-feira (29), sendo o documento protocolado pelo juiz José Walter Chacon Cardoso e publicado nesta segunda-feira (1º).

Com isso, continua apenas a ação movida por Rose Miriam Di Matteo, também pelo reconhecimento de sua união estável com Gugu e pela herança deixada por ele. O apresentador deixou seus bens divididos apenas entre seus três filhos, João Augusto, 18, e as gêmeas Marina e Sofia, 15, e seus sobrinhos.

A disputa judicial deu origem a uma série de desavenças entre Rose e a família de Gugu. A mãe do apresentador, Maria do Céu, chegou a dizer que os Rose e Gugu nunca tiveram nada, mas que o apresentador dava a Rose tudo que ela queria. Ela também chegou a dizer que Rose estava destruindo a família com a disputa.

O empresário e chef de cozinha afirma que manteve um relacionamento amoroso por mais de oito anos com o apresentador e queria o reconhecimento da união estável dos dois. Salvático, que vive na Alemanha, falou pessoalmente sobre a relação que manteve com Gugu há algumas semanas, no programa Fantástico (Globo). Na ocasião, ele contou que "foi uma relação baseada em muito amor, cumplicidade e na comunhão de vidas que eu tenho muito orgulho de ter vivido".

"Posso falar, com a tranquilidade de quem conviveu mais de oito anos com ele, que o maior sonho dele seria poder viver em um mundo sem preconceitos, sem julgamentos pela orientação sexual, em que as pessoas pudessem manifestar livremente o amor, sem sofrer qualquer tipo de consequência", disse ele.

A reportagem tentou contato com Salvático, mas ele ainda não respondeu. Em nota enviada à coluna Léo Dias, do jornal "Metropoles", ele afirmou que a desistência não significa que "abri mão do direito ao reconhecimento da união estável. No entanto, por razões de foro íntimo, prefiro não dar prosseguimento à ação neste momento".

Lobão: 'Golpe está a caminho, e Maia vai ficar devendo de maneira trágica'

Lobão: 'Golpe está a caminho, e Maia vai ficar devendo de maneira trágica'

Entrevistado da noite desta segunda-feira (1º) do programa “Roda Viva”, da TV Cultura, o cantor Lobão disparou sua metralhadora cheia de mágoas. Não economizou críticas e não poupou ninguém. Ele afirmou que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem a "intenção de destruir completamente a classe artística do Brasil", que um "golpe" já está a caminho e que Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, vai ficar "devendo" se não impedir que algo desta natureza aconteça.

"Estamos em uma pandemia, as pessoas estão se estapeando na rua porque não tem essa representatividade. O STF (Supremo Tribunal Federal) está se agigantando nesse sentido, temos que chamar a responsabilidade desses homens que estão nos poderes constituídos através de pessoas com essa autoridade. E não só as pessoas como Fernando Henrique Cardoso, Caetano Veloso, pessoas de renome, mas essa quantidade enorme, multiplicação, representatividade numérica que precisamos acreditar com uma fé cega. É nossa única salvação, porque o golpe está a caminho", alertou.

Sobre a situação da cultura no país, o músico também não poupou ataques. "A Secretaria da Cultura está albergada no Ministério do Turismo e são evidentes interesses conflitantes. O Ministério do Turismo é a favor do lobby de livrar os hotéis, navios e vários meios de transporte de arrecadação de direito autoral. E a Secretaria da Cultura, que está dentro do Ministério do Turismo, organicamente defenderia o contrário. É notória e gritante a intenção desse governo de destruir completamente a classe artística no Brasil. Essa é a situação que estamos vivendo", criticou o cantor.

O músico se posicionou ainda a respeito das manifestações antidemocráticas promovidas por apoiadores do governo Bolsonaro. "Aí vem este manifesto desta faixa cinzenta da sociedade que acho que é a única maneira de a gente salvar... Alertar a seriedade, um cara como Rodrigo Maia vem dizer que as instituições democráticas estão asseguradas, não estão, Rodrigo maia, não estão. Você historicamente vai ficar devendo essa de uma maneira trágica", criticou Lobão. 

E defendeu a importância dos protestos que têm ocorrido pelas mortes dos negros João Pedro Matos, no Brasil, e George Floyd, nos EUA, ambas provocadas por por policiais. "Quando a gente vê as manifestações tanto nos EUA, com a morte do Floyd, e o João Pedro aqui, as milícias, a polícia... Isso é uma coisa muito importante para a gente ver. Acho que esse núcleo, que aumenta gigantescamente, que se assemelha com o movimento Diretas, é esse caminho que a gente deveria ter. Achei muito compreensível as torcidas (de times de futebol) entrando nas ruas", comentou, sobre as manifestações do último domingo (31) contra o governo Bolsonaro. 

Ex-apoiador do presidente da República, Lobão afirmou que se a eleição fosse hoje e tivesse que escolher entre Bolsonaro e Fernando Haddad (PT), não votaria. “Me absteria. Detesto fazer isso, não fiz naquela época porque lutei muito, passei 13 anos lutando contra o PT. Eu me absteria porque também acho que, inclusive, a grande estufa bolsonarista foi o PT, foi o que causou essa comoção, essa nova paranoia comunista, foro de São Paulo. Todo mundo com toda razão se assusta com Bolsonaro, mas a gente tem que lembrar do Lula posando com (Muammar) Gaddafi (ex-ditador da Líbia). Ela (Dilma) tentou (impedir o impeachment), falou com Forças Armadas, mas não conseguiu. Mas levou o Brasil à maior recessão", disse.

 

Em sacadas e térreo de prédio, jornalistas sessentões reinventam entrada ao vivo

Em sacadas e térreo de prédio, jornalistas sessentões reinventam entrada ao vivo

A rotina de jornalistas com mais de 60 anos, afastados dos estúdios e que passaram a trabalhar de suas casas por causa da pandemia do novo coronavírus, tem sido intensa. O dia a dia está diferente, e eles tiveram de se moldar a um novo jeito de fazer jornalismo. Suas casas viraram estúdios, a estante de livros, a sacada e até a fachada de prédios se tornaram cenário para as entradas ao vivo e a demanda parece ter aumentado durante o isolamento social.

Com 42 anos de profissão, o jornalista Carlos Tramontina, 64, teve que se adaptar a um novo jeito de fazer jornalismo, agora de sua casa, em São Paulo. "Os primeiros dias foram estranhos. Como manter a rotina sem sair do lugar? Como manter tudo como se nada tivesse mudado? Mas tudo já havia mudado. Gradualmente fui me adaptando e logo eu já estava no ritmo."

Tramontina trabalha de casa garimpando histórias para contar e as sugere à direção do "SP2", telejornal exibido às 19h que ele apresentava antes de a pandemia o afastar. A produção, então, fica a cargo de tocar as demandas, marcar as entrevistas online e levantar mais informações. "Agora apareço uma vez por semana, às vezes mais."

Quanto ao programa "Antena Paulista", do qual é editor-chefe, Tramontina afirma que mantém contato com a redação e faz entrevistas e tours virtuais por museus, áreas públicas e culturais, que agora estão fechadas à visitação.

O jornalista afirma que o momento é de mudanças e que é preciso se adaptar. "Nosso trabalho sempre envolveu o contato direto com os colegas, a conversa, a troca de informações. Agora, isso não existe mais. A gente se vê virtualmente e fala pelo celular."

Novos cenários
Jornalista da Globo e da GloboNews, Miriam Leitão, 67, montou um aparato na biblioteca de sua casa, no Rio de Janeiro, com tripé e luz especial para se sentir dentro de um estúdio. "Apesar da saudade da redação, estou curtindo muito esse trabalho de casa. A Globo foi bem cuidadosa e iniciou o protocolo de segurança bem cedo. A ideia foi da empresa. No primeiro momento, fiquei em dúvida se daria certo, mas hoje penso que foi a melhor coisa que eles fizeram. Eu me senti cuidada."

De acordo com a profissional, o home office está frenético. Na Globo, ela faz comentários no "Bom Dia Brasil". Já na GloboNews, ela tinha um programa e, como todos foram temporariamente suspensos, se uniu ao time de comentaristas do canal. Ela entra ao vivo em qualquer jornal, a qualquer horário. Miriam também é colunista do jornal "O Globo" e faz comentários na CBN. "A minha frequência aumentou muito."

A jornalista e apresentadora Zileide Silva, 61, também trabalha de casa, em Brasília. Para ela, o momento é de aprendizado. "Cada um no seu quadrado, estamos aprendendo a trabalhar de um jeito diferente, a enfrentar um desafio novo. E eu não esqueço o mantra: vai passar."

Zileide coloca seu celular no tripé e ajeita a câmera e o suporte técnico para entrar ao vivo na televisão, nos telejornais diários. A profissional arrumou uma maneira peculiar de fazer as tradicionais passagens, ou seja, os momentos em que o repórter aparece na frente da câmera durante uma reportagem. "Gravo no térreo no prédio em que moro. Na GloboNews, entro do escritório da minha casa."

"Sinto falta da redação, do convívio com os colegas, do cafezinho e até de ir às fontes no Congresso, por exemplo. Mas o celular funciona muito bem e, no caso dos parlamentares, muitos não estão em Brasília. Estamos nos adaptando a esse novo mundo. E tentando superar os obstáculos", diz a jornalista, que está há mais de 20 anos na Globo.

Vida pessoal na quarentena
Fora o trabalho na TV, os profissionais revelam muitas mudanças na vida pessoal e com suas famílias. Como figuram no grupo de risco, por terem mais de 60 anos, eles sentem a ausência dos parentes, que precisam ficar longe deles na quarentena.

"Olha, dureza mesmo é ficar sem ver meus quatro netos, Mariana, Daniel, Manuela e Isabel. São umas pessoinhas maravilhosas e sinto muita saudade. Mas meus filhos, Vladimir e Matheus, e minhas noras, Giselly e Flávia, me ajudam a matar a saudade com a ajuda da tecnologia", diz Miriam Leitão, que fez aniversário em meio ao isolamento social, em 7 de abril, e ganhou uma festa virtual surpresa que a deixou emocionada.

Zileide Silva também enumera tudo o que ela mais sente falta neste momento em que ninguém deve sair de casa. "Além de trabalhar, tenho lido muito. Agora estou terminando 'Escravidão - Volume 1', do Laurentino Gomes. Mas sinto falta dos amigos, das viagens, da academia, dos encontros e da caminhada com sol."

Apesar das dificuldades, Zileide se mostra esperançosa com relação à criação de uma vacina o quanto antes. Ela lembra que no dia 15 de maio, uma farmacêutica americana anunciou um anticorpo contra o coronavírus, ainda como um estudo preliminar, mas que já repercutiu. "Quem sabe? Uma vacina da Moderna Inc mostrou sinais precoces, mas promissores, de resposta do sistema imunológico. Enfim, a ciência, que determinou o home office, não para. E vai ser determinante para decidir quando encerrá-lo", complementa.

O jornalista Carlos Tramontina diz que mantém a rotina de levantar cedo, pouco depois das 7h. Ele faz ginástica na varanda de quatro a cinco vezes por semana para se manter ativo. "Leio muitos jornais, assisto a vários noticiários para estar em cima dos acontecimentos. Nunca li tantos livros. Já foram seis, alguns enormes. Estou matando a saudade", afirma.

O experiente jornalista acredita que o vírus ainda vai incomodar as pessoas por muito tempo com base nos números e nos acontecimentos. "A TV Globo tem sido extremamente cuidadosa com isso e nos protegido ao máximo. Tenho a certeza que tomará a melhor decisão de quando voltar. Na hora certa. E eu estarei pronto para cumprir."

Thiago Salvático desiste de brigar por parte da herança de Gugu Liberato

Thiago Salvático desiste de brigar por parte da herança de Gugu Liberato

Thiago Salvático, 32, desistiu de brigar pela herança de Gugu Liberato, morto em novembro do ano passado, aos 60 anos. O empresário e chef de cozinha afirma que manteve um relacionamento amoroso por mais de oito anos com o apresentador e queria o reconhecimento da união estável dos dois.

A nova reviravolta foi divulgada pelo site Notícias da TV. Segundo a publicação, os advogados de Salvático protocolaram sua decisão de encerrar a disputa na sexta-feira (29), sendo o documento protocolado pelo juiz José Walter Chacon Cardoso e publicado nesta segunda-feira (1º).

"Thiago Borges Salvático, por seus advogados, nos autos da ação de reconhecimento de união estável post mortem movida contra João Augusto Di Matteo Liberato e outros, em curso perante juízo, vem respeitosamente à presença de V. Exa. desistir da presente demanda, por razão de foro íntimo", diz o documento, segundo a publicação.

Salvático, que vive na Alemanha, falou pessoalmente sobre a relação que manteve com Gugu há algumas semanas, no programa Fantástico (Globo). Na ocasião, ele afirmou que "foi uma relação baseada em muito amor, cumplicidade e na comunhão de vidas que eu tenho muito orgulho de ter vivido".

"Posso falar, com a tranquilidade de quem conviveu mais de oito anos com ele, que o maior sonho dele seria poder viver em um mundo sem preconceitos, sem julgamentos pela orientação sexual, em que as pessoas pudessem manifestar livremente o amor, sem sofrer qualquer tipo de consequência", disse ele.

A reportagem tentou contato com Salvático, mas ele ainda não respondeu. Em nota enviada à coluna Léo Dias, do jornal Metropoles, ele afirmou que a desistência não significa que "abri mão do direito ao reconhecimento da união estável. No entanto, por razões de foro íntimo, prefiro não dar prosseguimento à ação neste momento".

A família
Com isso, continua apenas a ação movida por Rose Miriam Di Matteo, também pelo reconhecimento de sua união estável com Gugu e pela herança deixada por ele. O apresentador deixou seus bens divididos apenas entre seus três filhos, João Augusto, 18, e as gêmeas Marina e Sofia, 15, e seus sobrinhos.

A disputa judicial deu origem a uma série de desavenças entre Rose e a família de Gugu. A mãe do apresentador, Maria do Céu, chegou a dizer que os Rose e Gugu nunca tiveram nada, mas que o apresentador dava a Rose tudo que ela queria. Ela também chegou a dizer que Rose estava destruindo a família com a disputa.

Enquanto os advogados de Rose Miriam apresentam fotos e documentos que comprovariam a união do casal, os representantes de Gugu também apresentam documentos e declarações que provariam o contrário.

De acordo com o advogado de Rose, ela e o apresentador tinham uma conta conjunta nos Estados Unidos e isso seria mais um fator que comprovaria a união estável pedida por ela. Rose pede na Justiça o direito a 50% da herança de Gugu Liberato. O caso segue em segredo.

Em março, uma psicóloga atestou que Rose estava sob tratamento com remédios que tinham como efeito colateral "perda significativa de memória" quando abriu mão da herança, em um primeiro momento. Segundo Vera Lúcia Gonçalves, ela apresentava quadro "delirante paranoico" e "não conseguiria juntar as ideias em decorrência de enorme estresse".

Ator de 'Crepúsculo', Gregory Tyree Boyce morreu por overdose acidental

Ator de 'Crepúsculo', Gregory Tyree Boyce morreu por overdose acidental

O ator Gregory Tyree Boyce, da saga “Crepúsculo”, e sua namorada, Natalie Adepoju, morreram de overdose acidental. Ele tinha 30 anos e ela, 27. De acordo com a revista “Times”, o legista do condado de Clark, nos Estados Unidos, John Fudenberg, afirmou que o casal teria feito uso de cocaína e fentanil, um analgésico potente.

A droga tem sido responsável por milhares de mortes nos Estados Unidos nos últimos anos, como a do músico Prince.

O casal foi encontrado morto no dia 13 de maio em um condomínio na cidade de Las Vegas, situada dentro do condado de Clark, no estado de Nevada, mas a notícia só se tornou pública cinco dias depois.

Boyce interpretou o personagem Tyler Crowley em “Crepúsculo”. O personagem disputava com Edward Cullen, interpretado por Robert Pattinson, a atenção romântica de Bella, personagem feito pela atriz Kristen Stewart.

Além do filme sobre vampiros, o único outro trabalho de Boyce no cinema foi no curta "Apocalypse" (2018). Segundo sua mãe, Lisa Wayne, ele estava montando um restaurante.

 

Atores negros de 'Glee' acusam estrela da série de fazer vida deles um inferno

Atores negros de 'Glee' acusam estrela da série de fazer vida deles um inferno

Atores negros da série “Glee: Em Busca da Fama”, que esteve no ar entre 2009 e 2015, acusaram a estrela da série, Lea Michele, de fazer “micro-agressões” e de tornar "traumático" o dia a dia deles durante as gravações do programa.

As acusações vieram após Michele postar no Twitter uma mensagem contra a morte do ex-segurança negro George Floyd por um policial branco nos Estados Unidos. O episódio gerou uma série de protestos por todo o país. “George Floyd não merecia isso. Este não foi um incidente isolado e deve terminar. #BlackLivesMatter (#VidasNegrasImportam)”, tuitou Michele no sábado (30).

Samantha Ware, que ganhou fama por viver Jane Hayward em 11 episódios da sexta temporada da série musical de Ryan Murphy, respondeu ao tuíte. "(Rindo muito). Você se lembra de quando fez da minha estreia na TV um inferno?!?!? Porque eu nunca esqueci. Eu acho que você disse a todo mundo que, se tivesse a oportunidade, 'cagaria na minha peruca!', entre outras pequenas agressões traumáticas que me fizeram questionar minha carreira em Hollywood", escreveu Samantha.

Outros membros do elenco da série, incluindo Alex Newell (que viveu Wade Adams), Amber Riley (atriz que interpretou Mercedes Jones) e Dabier Snell (que fez uma participação pequena em um episódio na série), também reagiram às acusações, mostrando apoio a Ware.

Dabier ainda revelou mais de Lea, dizendo: “Garota você não me deixava sentar na mesa com outros membros do elenco porque ‘eu não pertencia’ f- se você Lea”. Confira abaixo:

O assunto bombou na web, colocando o nome de Lea Michele o primeiro mais citado no Twitter nos EUA e em segundo lugar no Brasil. Ela, até o momento, não se manifestou publicamente sobre as acusações de Samantha.

 

Ex-BBB Gizelly Bicalho posta texto contra o racismo e gera polêmica na web

Ex-BBB Gizelly Bicalho posta texto contra o racismo e gera polêmica na web

O "Big Brother Brasil 20" acabou, mas o cancelamento de seus participantes parece continuar. Nem com mensagens antirracistas, eles conseguem evitar polêmicas. Dessa vez foi a advogada Gizelly Bicalho, 28, que virou alvo de internautas ao postar um texto de apoio à luta de homens e mulheres pretas.

Alguns internautas não gostaram e a chamaram de oportunista, recordando falas consideradas racistas que Gizelly teria dito dentro do programa, contra o ator Babu Santana, 40. "Falando assim nem parece que ficou chamando Babu de vitimista durante três meses, né?!", comentou uma seguidora.

Gizelly afirmou no texto que "jamais ficaria neutra diante do cenário mundial, das lutas antirracistas, de todos os protestos em que as pessoas só estão reivindicando o básico, respeito. O protagonismo e todo mérito da causa é dos homens e mulheres pretas, eu só estou aqui para dar todo meu apoio."

"Mulheres e homens pretos são assassinados diariamente, são presos injustamente todos os dias, são suspeitos apenas pela cor de sua pele. Reconheço meus privilégios, reconheço que não é meu lugar de fala e estou em constante aprendizado assim como todos nós", afirmou a ex-BBB.

Os internautas, porém, não gostaram: "O texto está muito bom, mas eu acharia muito mais eficiente se você se retratasse sobre o que fez com Babu nesse dia. Você como advogada criminalista reforçou estereótipos de preto violento e é esse estereótipo que faz com que João Pedro e George Floyd morram pela mão da polícia".

Mas houve também seguidores que defenderam a advogada: "Ninguém nasce desconstruído e ela já se mostrou disposta a aprender", afirmou uma seguidora em resposta às críticas. As trocas de farpas entre internautas acabaram gerando até mesmo críticas a Babu, com muitos reafirmando que ele se fazia de vítima.

Flay engata namoro com modelo, e Bianca Andrade manda mensagem para ele

Flay engata namoro com modelo, e Bianca Andrade manda mensagem para ele

A cantora e ex-BBB Flay, 25, está namorando. A novidade foi divulgada pela amiga e também ex-BBB Bianca Andrade, 25, a Boca Rosa, durante uma live. Apesar dos protestos de Flay durante a transmissão, ela afirmou em suas redes sociais que não ficou brava com a revelação.

"Ela tem liberdade pra falar o que quiser de mim... e eu dela. Na verdade, ela também sempre deixou também eu falar o que eu quiser dela. Falou cada coisa no Big Brother...", afirmou a cantora, que esta agora oficialmente namorando o modelo Fernando Pessiquelli, 24, que seria do interior paulista.

Nas redes sociais, o modelo já recebeu alguns comentários, como o da própria Bianca Andrade, que disse: "Estou de olho, Fernando. Se liga". "Pode deixar o recado já está dado", respondeu ele com emojis de sorrisos. Outro que comentou foi o ex-BBB Guilherme Napolitano, 29.

Ao jornal "Extra", o modelo confirmou o romance e disse que tudo começou pelas redes sociais. "Eu curti e comentei um stories dela. Aí, começamos a conversar", afirmou ele. "Ela é uma fofa, super querida e inteligente", completou ele, que disse que eles estão se conhecendo mais a cada dia.

Desde que saiu do BBB, Flay se envolveu em algumas polêmicas. A principal foi a afirmação de que já havia ficado com o jogador de futebol Neymar Jr. Nas redes sociais, ele afirmou apenas "rir pra não chorar", o que ela não gostou.

"Eu senti que foi me desmerecendo (...) Não precisava, era só fingir demência, seria só mais uma pessoa com quem ele ficou, e eu sou solteira, livre, independente. Foi uma ficada aleatória, não precisa dessa exposição que teve", afirmou.

Live: 'A Minha Mãe É Uma Comédia' narra história densa, mas com muito bom humor

Live: 'A Minha Mãe É Uma Comédia' narra história densa, mas com muito bom humor

O atual momento das lives, sejam elas de espetáculos musicais ou de apresentações teatrais, dá um frio na barriga até dos mais experientes. Beto Sorolli, que começou no teatro de rua, mas tem um canal no YouTube voltado para aulas de canto, por exemplo, não nega que a aventura desta terça-feira (2), quando entrará ao vivo e online com a peça “A Minha Mãe É Uma Comédia”, a partir das 20h, no canal do Cine Theatro Brasil, é algo extremamente novo.

"Eu já tenho uma certa intimidade com a câmera e acho que vai ser uma coisa tranquila. Apesar de que o teatro assim, direto para a câmera, está me dando um friozinho na barriga. Mas eu vou dar o melhor de mim e espero que seja muito bom”, explica o artista e cantor, que, apesar de toda a experiência acumulada até aqui, fará adaptações para que a peçao se enquadre na linguagem das lives.

Dirigido por Maurício Canguçu, um dos mais respeitados na área teatral, Beto Sorolli interpreta diferentes personagens em “A Minha Mãe É Uma Comédia”, peça que ressignifica um recorte dramático da vida de Catarina. “Ela é uma mulher de meia-idade, recém-desquitada do marido que a traiu e, na história, cria sozinha os quatro filhos, que dão muito trabalho. Ela não sabe o que fazer”, adianta o protagonista, destacando que, em meio aos problemas e situações inéditas, a personagem busca ajuda. “Ela encontra esse suporte na avó dela, que a criou. E ela é uma vovózinha fora dos padrões: moderna, engraçada, cheia de atividades e bastante sábia”, frisa o ator, empolgado para a nova aventura.

Divertido, mas ao mesmo tempo reflexivo, o espetáculo é um suspiro durante o isolamento social, provocado pela pandemia do novo coronavírus. E, além de acompanhar a saga de Catarina, dona de uma história semelhante à de tantas mulheres brasileiras, que após relacionamentos abusivos se libertam, o público ainda poderá descobrir a origem do recorte apresentado no palco. “Eu finalizo o espetáculo como Gilberto Rodrigues, o Beto Sorolli, revelando como foi a construção desse espetáculo”, finaliza o ator.

Serviço
Espetáculo “A Minha Mãe É uma Comédia”
Terça-feira (2), às 20h
Canal do Cine Theatro Brasil Vallourec no YouTube

Sônia Bridi mostra mansão sustentável rodeada por mais de 100 árvores

Sônia Bridi mostra mansão sustentável rodeada por mais de 100 árvores

Sônia Bridi, 53, repórter do "Fantástico" (Globo), e seu marido, o repórter cinematográfico Paulo Zeromora, moram em uma casa reservada, em um condomínio fechado na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Ela mostrou sua casa no programa "Casa Brasileira", do GNT.

Segundo a jornalista, o ponto forte da mansão é sua natureza exuberando e a sustentabilidade: a casa é rodeada por dezenas de plantas, o que bloqueia a visão de vizinhos. "É uma casa brasileira (...) parece que a gente está no meio de uma mata, mas há 15 metros, estamos cheio de vizinhos", diz ela.

A casa de Bridi também conta com painéis para captação de energia solar no texto de sua casa, e coleta água da chuva. Ela também usa água de reúso na piscina que tem.

A estrutura da casa é feita de concreto e madeira, e há áreas de lazer externas, como um quintal de churrasco e um terraço de descanso.