Paulo Campos

Aéreas se unem para esclarecer que é seguro voar durante a pandemia

Publicado em: Qua, 30/09/20 - 18h46
John Rodgerson, presidente da Azul, Jerome Cadier, CEO da Latam Brasil, e Eduardo Sanovicz (presidente da Abear)
audima

Em comunicado, as companhias aéreas Azul, Gol, Latam e Voepass anunciaram que irão colocar em segundo plano a competitividade e se unirão para operar, em conjunto, uma campanha para reforçar o compromisso com a saúde e segurança do viajante, para mostrar que é voar é seguro e que as empresas estão prontas para a retomada das operações.

Na segunda-feira (28/9), as companhias aéreas participaram de um painel na feira Abav Collab, juntamente com a Associação Brasileira das Agências de Viagens (Abav) e Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear). As companhias já alcançam 95% das localidades brasileiras. A expectativa é que, no final do ano, de 65% a 80% da malha já esteja retomada.

“O fato de estarmos juntos nessa iniciativa é a prova de que, mais do que nunca, o que nos move é segurança, a saúde e a satisfação dos clientes, colaboradores e parceiros. Iniciativas isoladas, nesse momento, só vão atrasar a recuperação do setor", afirmou Paulo Kakinoff. Para o CEO da Gol, caso o cliente não esteja em casa, o avião é um dos lugares mais seguros. 

Jerome Cadier, CEO da Latam Brasil,  reforçou essa ideia. "Se o avião já era o ambiente mais seguro entre todos os meios de transporte, neste ano ele ficou ainda mais”, afirmou.  “Esse é um processo sem volta e vamos além. Em 2020 aceleramos projetos que vão continuar a transformar a experiência dos clientes com mais inovação e tecnologia para tornar as viagens aéreas ainda mais simples e seguras, do  check-in ao desembarque”, enfatizou.

Sobre as medidas aplicadas pela Azul, o presidente da companhia, John Rodgerson, lembrou que, mesmo durante a pandemia, a Azul não deixou de voar. “O país precisou e precisa das aéreas, sempre. É tempo de olhar para a frente, temos de voar juntos. Estamos reunidos para salvar nossa indústria", ressaltou. Eduardo Busch, diretor-executivo da Voepass, afirmou que trabalhando em conjunto, com mesmos valores e objetivos, conseguiremos vencer essa crise.

Protocolos
Entre os procedimentos adotados pelas companhias aéreas estão medição de temperatura, incentivo à utilização de canais digitais, distanciamento nas filas, incorporação de proteções de acrílico no check-in, desligamento de totens, uso de adesivos para demarcar a distância mínima durante o embarque, suspensão de serviço de bordo,  uso obrigatório de máscaras para passageiros e tripulantes e a disponibilização de álcool em gel para a higienização. 

Também foram implementadas medidas adicionais de limpeza e  higienização dos aviões durante as paradas em solo e pernoites, com atenção redobrada aos assentos e braços das poltronas, cintos de segurança, bandejas, piso e paredes.  Os dirigentes das empresas fizeram questão de frisar que as aeronaves são equipadas com sistema de filtro de ar de alta eficiência Hepa, que promove a troca do ar de toda a cabine a cada três minutos minutos.

Comentários

Deixe seu comentário
* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso
LEIA MAIS
Mercado
Eventos
Evento online
Mercado
Balanço
Abav Collab
Abav Collab
300 anos de Minas
Nova diretoria