Estados Unidos

Alce é sacrificado por circular próximo de aeroporto, e caso gera polêmica

Animal não ultrapassou cerca que protege as pistas do aeroporto e nenhum voo foi afetado.

Por O TEMPO
Publicado em 12 de junho de 2023 | 12:58
 
 
 

Um alce foi sacrificado por autoridades norte-americanas por circular próximo do Aeroporto Internacional de Bradley, em Connecticut, nos Estados Unidos. A informação foi divulgada pelo Departamento de Energia e Proteção Ambiental (Deep) no sábado (10) e causou polêmica entre os moradores da região.

O abate do animal foi estabelecido pelas autoridades locais, após imagens do animal caminhando perto do aeroporto na sexta-feira (9) circularem nas redes sociais. Conforme o Deep, a presença do alce poderia colocar a segurança de passageiros do aeroporto e motoristas da estrada em perigo.

“Quando os alces estão vagando em áreas de tráfego intenso, como aeroportos e vias públicas, pode ser uma preocupação de segurança pública e tanto o Deep quanto a equipe do aeroporto estão autorizados a sacrificar um alce se necessário”, declarou James Fowler, porta-voz do departamento, em comunicado.

O caso gerou indignação de moradores nas redes sociais e repercutiu na mídia local, já que o animal não ultrapassou a cerca que protege as pistas do aeroporto e nenhum voo foi afetado. Além disso, as autoridades não explicaram a razão do alce não ser movido para outro local.

“O fato de que eles tiveram que abater um alce que estava na estrada quando eles poderiam anestesiá-lo e colocá-lo em outro lugar é meio perturbador”, disse Victoria Lingua, passageira que estava no aeroporto, ao canal WFSB.

A porta-voz do aeroporto, Alisa Sisic, disse que as autoridades monitoram constantemente as ameaças da vida selvagem na área e “têm estratégias abrangentes para garantir que o aeroporto esteja preparado para lidar com qualquer situação relacionada à vida selvagem”.

**Com informações de WFSB Channel 3

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!