Feios

Bolos de Natal 'deformados' viralizam no Japão

Cerca de 800 clientes reclamaram que o produto estava com aparência ruim

Por Agências
Publicado em 27 de dezembro de 2023 | 15:20
 
 
 

O caso dos "bolos deformados" de Natal no Japão, recebidos por clientes que os compraram em uma luxuosa loja online, viralizou nas redes sociais. Os bolos de creme com morangos, vendidos a US$ 38,50 (R$ 186,19) cada, estavam bons para consumo, mas o problema estava no aspecto.

"Pedimos profundas desculpas pela deformação de nossos bolos congelados de Natal, que não atenderam as expectativas de muitos dos nossos clientes", declarou nesta quarta-feira (27) em uma coletiva de imprensa Kazuhisa Yokoyama, responsável pela rede de lojas Takashimaya, envolvida no escândalo.

O grupo também propôs indenizar os clientes, devido a quantidade de reclamações publicadas nos últimos dias nas redes sociais - algumas acompanhadas de imagens dos bolos deformados.

Takashimaya confirmou que mais de 800 dos 2.900 bolos congelados de Natal, vendidos online, apareceram deformados ao serem retirados da embalagem pelos compradores.

O grupo conduziu uma extensa investigação na tentativa de resolver o ocorrido, embora sem sucesso. Não foi possível "identificar uma causa", especificou Yokoyama. No entanto, "somos responsáveis por nossos produtos, desde a produção até a distribuição", indicou Takashimaya.

Os consumidores no Japão são particularmente exigentes com a qualidade e a aparência dos produtos adquiridos, e esperam perfeição ao comprar em grandes lojas de luxo como a Takashimaya.

Na rede social X (ex-Twitter), os consumidores expressaram sua "tristeza" e questionaram a confiança que podem ter na empresa.

(AFP)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!