conflito

Bombardeios noturnos de Israel em Gaza deixam mais de 80 mortos, diz Hamas

Milhares de pessoas, a maioria civis, morreram na guerra iniciada em 7 de outubro

Por Agência
Publicado em 25 de outubro de 2023 | 07:51
 
 
 

Os bombardeios noturnos de Israel contra a Faixa de Gaza deixaram pelo menos 80 mortos, informou nesta quarta-feira (25) o movimento islamista Hamas, que governa o território palestino cercado.

"Mais de 80 pessoas foram martirizadas e centenas ficaram feridas em massacres cometidos pela ocupação (Israel) durante a noite", afirma um comunicado divulgado pelo governo do Hamas em Gaza.

O Exército israelense informou que efetuou "bombardeios em larga escala na Faixa de Gaza com base em informações dos serviços de inteligência".

"Várias infraestruturas terroristas do Hamas foram atingidas, incluindo túneis, centros de comando, depósitos de armas, rampas de lançamento de foguetes e mísseis antitanques", afirmou o Exército.

Milhares de pessoas, a maioria civis, morreram na guerra iniciada em 7 de outubro com a ofensiva surpresa de milicianos do Hamas em território israelense.

Na Cisjordânia, três pessoas morreram e várias ficaram feridas em um ataque israelense perto do campo de refugiados de Jenin, na Cisjordânia, informou a agência palestina de notícias WAFA.

"Um avião israelense disparou ao menos dois mísseis na direção de um grupo de pessoas perto do campo de Jenin", afirmou a agência.

O Exército israelense informou em um comunicado que efetuava "atividades antiterroristas" na área, mas não relatou vítimas. (AFP) 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!