Arrecadação

Falsa Madeleine McCann cria campanha de doações online e já recebe dinheiro

Julia Faustyna alegou que precisa 'voltar a uma vida um tanto normal'

Por O Tempo
Publicado em 14 de abril de 2023 | 16:55
 
 
 

Depois de afirmar ser Madeleine McCann e ver sua afirmação ser desmentida com o resultado de exame de DNA, a jovem Julia Faustyna retornou para seu país natal. Sob a alegação de precisar "voltar a uma vida um tanto normal", ela criou uma campanha online para receber doações para pagar adavogados e psicólogos e já começa a colher frutos, ou melhor, libras, de sua ação. 

Nos Estados Unidos, ela foi hospedada pela investigadora e autoproclamada médium, Fia Fia Johansson. Durante o período que ficou no país, Julia participou de programas de televisão e também realizou um exame de DNA que comprovou que ela é 100% da Europa Oriental descartando a possibilidade de ser Madeleine. Com isso, ela voltou ao seu país de origem. 

Desde então, ela lançou uma campanha de arrecadação de fundos no GoGetFunding para ajudá-la a se reintegrar à sua antiga vida, alegando que foi "coagida" a ir para a América. "Nas últimas semanas, fui coagida a ir para os EUA, em troca, isolando-me de tudo ao meu redor. Enquanto estava lá, passei por um momento difícil que, por sua vez, me deixou ainda mais isolada e desconfiada dos outros", relatou na apresentação da campanha. 

Mesmo com toda a polêmica que criou, Julia já conseguiu arrecadar € 787 (algo em torno de R$ 4.200) de quase duas dúzias de pessoas que, aparentemente, se comoveram com a situação da jovem. "Desejo a você tudo de bom para ter uma vida normal e boa. Se você apenas conseguir isso, já reverterá todo o mal do mundo", escreveu um dos doadores. (Com informações de Daily Star)

 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!