Leilão

Garrafa de uísque mais cara do mundo é vendida por R$ 13 mi

Apenas 40 garrafas foram produzidas deste Macallan que tem teor de 42,8º


Publicado em 18 de novembro de 2023 | 15:42
 
 
 

Londres, Reino Unido. A garrafa de uísque mais cara do mundo foi leiloada neste sábado (18), em Londres, pelo valor de 2,18 milhões de libras (2,7 milhões de dólares ou R$ 13,2 milhões, na cotação atual), batendo o recorde de 2019, informou a casa de leilões Sotheby's.

Adquirida por £ 2.187.500, o preço de venda deste Macallan de 75 cl estabeleceu um novo recorde para uma garrafa de vinho e destilados, de acordo com a Sotheby's.

O uísque escocês, de 42,8º, foi destilado em 1926, a safra mais antiga da Macallan, e engarrafado 60 anos depois. 

Amadurecido em barris de carvalho, o que lhe conferiu uma cor escura, tem um sabor final de "nozes", "especiarias" e "madeira", segundo Jonny Foyle, responsável pelos leilões deste destilado na Sotheby's.

A garrafa vendida neste sábado é a última de uma série de 12 que possuem rótulo desenhado em 1993 pelo pintor italiano Valerio Adami. Apenas 40 garrafas foram produzidas a partir do barril originário deste uísque. Uma delas, de 70 cl, foi vendida em 2019 por quase 1,5 milhão de libras (5,9 milhões de reais na cotação da época), o recorde anterior.

Um mililitro foi extraído do item vendido neste sábado para a realização de testes e comparação com outra garrafa da safra de 1926 e a partir de agora servirá como referência para futuras provas.(AFP)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!