Grande Manchester

Homem de 70 anos morre em casa e corpo é encontrado 6 anos depois no Reino Unido

Pagamento automático do aluguel foi um dos motivos pelos quais o cadáver passou tanto tempo sem ser descoberto.

Por O TEMPO
Publicado em 12 de maio de 2023 | 10:45
 
 
 
normal

A morte de um homem de 70 anos, cujo corpo encontrado morto em casa seis anos após sua morte, chocou a Inglaterra esta semana, reacendendo o debate sobre a solidão dos idosos. A história foi divulgada pelo "The Guardian" nesta semana. 

Robert Alton, que não tinha parentes próximos, vivia em Bolton, no condado metropolitano de Grande Manchester, noroeste da Inglaterra, e o cadáver foi encontrado em março, na casa onde o idoso era inquilino por um funcionário do Bolton at Home, grupo responsável pela propriedade e de outras 18 mil residências na região.

Ao "The Guardian" o funcionário contou que forçou a entrada no imóvel para realizar uma vistoria e descobriu o corpo de Alton. Ao lado do cadáver estavam uma pilha de correspondências fechadas de meio metro de altura, alimentos com datas de validade de 2017 e um par de óculos de leitura colocados em um guia de TV de 4 de maio do mesmo ano.

"A investigação subsequente da polícia e do legista concluiu que a morte de Robert não era suspeita e que ele provavelmente morreu em maio de 2017", relatou Noel Sharpe, diretor do grupo, em comunicado.

O senhorio revelou ainda que continuou recebendo o aluguel do homem automaticamente através de benefícios habitacionais. No entanto, as autoridades locais, aparentemente, não agiram em relação aos crescentes impostos atrasados.

Segundo Sharpe, o grupo Bolton at Home tentou entrar em contato com Alton diversas vezes ao longo dos anos para organizar verificações de segurança de gás, porém sem sucesso.

"Todos no Bolton at Home ficaram profundamente chocados com isso e percebemos que vai preocupar e incomodar as pessoas ao saber que o corpo permaneceu sem ser descoberto por tanto tempo", disse Sharpe. "É completamente inaceitável para nós que algo assim tenha acontecido e tomamos medidas para reduzir o risco de isso acontecer novamente."

Quando o corpo foi descoberto, em março, a polícia do condado metropolitano de Grande Manchester realizou buscas por possíveis parentes e conhecidos de Alton, mas ninguém foi encontrado ou se pronunciou.

 

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!