Crime

Jovem é condenado a 18 anos de prisão por queimar viva a ex-namorada

Depois de esfaquear a jovem, na época com 15 anos, rapaz ateou fogo à menina

Por Agência
Publicado em 10 de junho de 2023 | 08:59
 
 
 
normal

Um jovem francês foi condenado a 18 anos de prisão por esfaquear e queimar viva sua ex-namorada Shaïna, uma adolescente de 15 anos, em 2019, anunciou um tribunal na noite dessa sexta-feira (9) para sábado.

Em 27 de outubro de 2019, o corpo de Shaïna foi encontrado quase completamente queimado e com cerca de quinze facadas em um galpão próximo à sua casa em Creil, ao norte de Paris.

A morte dessa adolescente, que estava grávida de poucas semanas e havia sido vítima de agressões sexuais dois anos antes, chocou o país em um contexto de preocupação com os feminicídios. (Agência France Presse)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!