em paris

Nova noite de protestos por morte de jovem na França termina com 16 detidos

Manifestações retomam o debate sobre a violência da polícia francesa

Por Agência
Publicado em 05 de julho de 2023 | 08:56
 
 
 
normal

As forças de segurança anunciaram a detenção de 16 pessoas entre a noite de terça-feira (4) e a madrugada de quarta-feira (5), o menor balanço diário desde a explosão de violência provocada na semana passada pela morte de um jovem em uma operação policial. 

O ministério do Interior anunciou que 16 pessoas foram detidas, incluindo sete em Paris e na periferia da capital. Oito edifícios foram danificados, 78 veículos foram queimados e 116 pontos de incêndio foram registrados nas ruas.

As autoridades mobilizaram 45.000 policiais nas ruas para evitar novos distúrbios. Nenhum agente ficou ferido e não foram registrados ataques contra delegacias, de acordo com o ministério. 

O balanço da última madrugada confirma a diminuição da crise, que provocou a retomada do debate sobre a violência policial na França e evidenciou, após o ataque contra a casa de um prefeito, a crescente violência enfrentada pelos funcionários públicos.

A justiça anunciou na terça-feira que investiga a morte em Marselha de um homem de 27 anos, sob suspeita de ter sido vítima de parada cardíaca depois de ter sido atingido no peito por uma bala de borracha que geralmente é utilizada pela polícia francesa. Não está claro se o homem participava nos protestos ou apenas passava pelo local.

O presidente francês, Emmanuel Macron, anunciou na terça-feira uma lei de urgência para acelerar os reparos de milhares de estabelecimentos comerciais e edifícios danificados, durante uma reunião com prefeitos para examinar soluções para a crise.

A direita e a extrema-direita defendem a linha dura contra os autores dos distúrbios, mas a esquerda aponta o papel polêmico da polícia nos subúrbios e a situação nestes bairros, que estão entre os mais pobres da França. (AFP)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!