sardenha

Psicóloga brasileira é encontrada morta em praia na Itália

Renata Moraes Rios estava na Itália para participar de um congresso de psicologia

Por Agências
Publicado em 25 de setembro de 2023 | 20:56
 
 
 

A psicóloga Renata Moraes Rios, de 45 anos, foi encontrada morta em uma praia da Sardenha, na Itália, no domingo, 24. Ela trabalhava como técnica judiciária no Distrito Federal. Em nota, o Ministério das Relações Exteriores informou que presta assistência aos familiares e conversa com as autoridades locais sobre o fato, por meio do Consulado-Geral do Brasil em Roma.

Segundo a agência italiana de notícias Ansa, a principal suspeita da polícia é de que ela tenha morrido afogada enquanto nadava à noite na praia de Is Arenas, onde foi encontrada. O resultado da autopsia deve ser divulgado nesta terça-feira, 26.

Renata estava na Itália para participar de um congresso de psicologia, que se realizou de quarta-feira, 20, até domingo, 24 Durante o evento, ela daria um workshop. A psicóloga se hospedou em um acampamento perto da praia.

O Ministério das Relações Exteriores afirmou que "em observância ao direito à privacidade e ao disposto na Lei de Acesso à Informação e no decreto 7.724/2012, informações detalhadas poderão ser repassadas somente mediante autorização dos familiares diretos".

(Estadão Conteúdo)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!