Estados Unidos

Raia gigante de 180 kg com cauda venenosa é localizada no oceano Atlântico

Conforme pesquisadores, apesar de possuir uma cauda venenosa, o peixe não é agressivo, geralmente fica longe da costa

Por O TEMPO
Publicado em 29 de setembro de 2023 | 11:16
 
 
 
normal


Uma raia de 1,5 metro de largura e 180 quilogramas foi capturada nesta quarta-feira (27/9), por um grupo de pesquisadores da fauna do estado de Conecticut, nos Estados Unidos. 

O animal é da espécie  "roughtail" gigante (em tradução livre, cauda áspera gigante) e têm esse nome devido às placas espinhosas ao longo do corpo e na base da cauda. Como outras arraias, a cauda áspera tem um ou dois espinhos serrilhados e afiados, equipados com glândulas de veneno e cobertos por uma fina camada de pele.

Conforme a entidade que fauna do Conecticut, apesar de possuir uma cauda venenosa, o peixe não é agressivo, geralmente fica longe da costa e vive no Atlântico norte.

Após a captura, os cientistas rapidamente fizeram algumas medições e imediatamente devolveram a raia à água.

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!