do espaço

Vídeo: Estação espacial da Nasa grava imagens do furacão Idalia, na Flórida

Idalia tocou o solo nesta quarta-feira (30) na costa noroeste da Flórida como um furacão extremamente perigoso

Por O Tempo *
Publicado em 30 de agosto de 2023 | 16:46
 
 
 

A Estação Espacial Internacional, da Nasa, divulgou imagens impressionantes que mostram o furacão Idalia na costa da Flórida, nos EUA. O vídeo é revelador sobre a dimensão do fenômeno, que começou como uma tempestade tropical na região do Caribe e se transformou em um furacão perigoso.

Veja vídeo:

Idalia tocou o solo nesta quarta-feira (30) na costa noroeste da Flórida como um furacão de categoria 3, anunciou o Centro Nacional de Furacões (NHC) dos Estados Unidos.

O furacão Idalia, extremamente perigoso, tocou o solo na região de Bing Bend, Flórida", anunciou o NHC na rede social X (ex-Twitter). A mensagem afirma que o ciclone tropical está provocando "tempestades catastróficas e ventos prejudiciais" de até 195 km/h, com rajadas ainda mais fortes.

Antes de tocar o solo na Flórida, Idalia era classificado como furacão de categoria 4 ao avançar pelo Golfo do México, antes de ser rebaixado para magnitude 3 na escala Saffir-Simpson (que vai até 5), como geralmente acontece quando os fenômenos ciclônicos avançam por terra firme.

As autoridades meteorológicas, no entanto, alertaram em um comunicado que Idalia continua sendo um furacão potencialmente perigoso em sua trajetória rumo ao norte, na direção da Geórgia e da Carolina do Sul.

(*Com AFP)

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!