Agência Estado
03/11/19
15h43

Boxe

Canelo nocauteia Kovalev e é campeão em três categorias

Com a vitória, diante de 14.490 espectadores, o mexicano, de 29 anos, se sagrou campeão mundial dos meio-pesados da Organização Mundial de Boxe

Agência Estado
03/11/19 - 15h43

Com menor envergadura, Saul Canelo Alvarez precisou adotar uma tática parecida à de Mike Tyson para vencer o grandalhão russo Sergey Kovalev, por nocaute, no 11.º assalto, no ringue do MGM Hotel, em Las Vegas, na noite deste sábado.

Com a vitória, diante de 14.490 espectadores, o mexicano, de 29 anos, se sagrou campeão mundial dos meio-pesados da Organização Mundial de Boxe. Ele também detém os títulos dos médios e supermédios. Esta é a segunda vez na história de 127 anos do pugilismo moderno que um lutador detém três cinturões simultaneamente. O primeiro foi Henry Armstrong na década de 1930.

Canelo também se transformou no quarto mexicano a ganhar títulos em quatro categorias diferentes. Os outros foram Juan Manuel Marquez, Eric Morales e Jorge Arce.

O lutador atingiu a 53.ª vitória (36 nocautes), além de dois empates e uma derrota. Já Kovalev, de 36 anos, perdeu pela quarta vez. O russo soma ainda 34 vitórias (29 nocautes) e um empate.

A LUTA - Com forte jab de esquerda e mais envergadura, Kovalev conseguiu manter Canelo à distância no primeiro assalto. O mexicano apostou na esquerda em gancho, mas para aplicá-la era necessário saltar, como fazia Mike Tyson.

No segundo round, Canelo conseguiu furar o bloqueio russo, que dominou o terceiro e o quarto assaltos. A desvantagem não desanimou Canelo, que manteve o ritmo. No quinto assalto, o mexicano já tinha o domínio do ringue e conseguiu conectar bons golpes também no sexto round.

No sétimo e oitavo, Kovalev voltou a ter as rédeas do combate, pois voltou a evitar a aproximação do adversário. Exagerou ao dar encontrões com o ombro e chegou a ser advertido pelo juiz Russell Mora. Mas Canelo continuou rígido em sua tática de luta e passou a colocar o adversário de costas nas cordas, quando obteve os melhores golpes.

Depois de vencer o nono e décimo assaltos, Canelo veio determinado para o penúltimo round. Durante uma aproximação, acertou uma boa direita na saída. Em seguida, a esquerda em gancho explodiu no rosto de Kovalev, que abaixou a guarda. Canelo não desperdiçou a oportunidade e emendou um fortíssimo direto de direita, que jogou o russo entre as cordas. O juiz nem abriu contagem e já determinou o nocaute.

"Ele é um grande lutador. Era preciso paciência para encontrar uma oportunidade. Eu consegui. Canelo é garantia. Esta vitória vai para o México", disse Canelo, que ganhou US$ 35 milhões de bolsa.

Perguntado sobre o próximo desafio, o mexicano afirmou que pretende baixar para a categoria dos médios ou supermédios. Ele não descartou um terceiro duelo com o cazaque Gennady Golovkin. "Não o considero um desafio. Já lutamos 24 roundes, mas se acharem um bom negócio, podemos lutar mais uma vez."

Kovalev, visivelmente chateado, admitiu que sentiu o ritmo da luta. "Cansei a partir do sexto assalto. Ele é um grande lutador e tem o meu respeito. Eu voltarei", afirmou o russo, que explicou o motivo de soltar pouco a direita. "Tinha de me proteger dos golpes dele na linha de cintura."

Escreva um comentário
Comentar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000