Dimara Oliveira e Gláucio Castro
@superfcoficial
25/11/20
08h00

Entrevista exclusiva

Ídolo do Cruzeiro, Alex está pronto para iniciar uma nova carreira

Ex-camisa 10 conversou com a reportagem do Super.FC e contou como se preparou e os desafios para se tornar treinador de futebol

Dimara Oliveira e Gláucio Castro | @superfcoficial
25/11/20 - 08h00

Com a bola nos pés ele foi genial. Não à toa ganhou o apelido de Talento. Levantou troféus estaduais, da Copa do Brasil, da Libertadores e do Campeonato Brasileiro. Viveu anos de glória no Cruzeiro, onde conquistou a Tríplice Coroa, em 2003. Mas chegou a hora de Alexsandro de Souza, ou simplesmente Alex, deixar tudo para trás e começar do zero. Claro que a experiência e o nome adquiridos ao longo dos anos serão importantes para os primeiros passos na carreira de treinador, que ele tentará iniciar no ano que vem, mas o ex-camisa 10 sabe que a partir de agora a história é outra. Os títulos e glórias pouco adiantarão se os resultados não aparecerem. 

"Acho que tive uma carreira boa dentro de campo, mas que ficou para trás. Virou história. O treinador é um menino, que está tentando buscar o primeiro emprego e vai errar muito, tem um caminho longo para trilhar. As coisas não se misturam. A história de jogador ficou para trás, a de treinador vai iniciar", brinca o ex-atleta no auge dos seus 43 anos.

Alex não é simplesmente mais um aventureiro que trocou as chuteiras pelas pranchetas. O ex-camisa 10 vem trabalhando neste projeto há cerca de quatro anos. Depois de ganhar o apoio da família, investiu em cursos para adquirir outro tipo de conhecimento que os gramados e vestiários não deram. "Primeiro fiz licença B, que é mais voltada para a base, depois fiz a A e agora tenho que ir a campo trabalhar para ver como vai ser a experiência como jogador com a parte teórica que eu venho estudando há quatro anos", projeta ele.

Se o currículo de treinador ainda não tem nada além de cursos para apresentar aos clubes, as lições aprendidas dentro das quatro linhas dão uma bagagem importantíssima. "Tenho minhas experiências de campo e isso ninguém tira. É direito adquirido desde as categorias de base até as equipes principais com todos os jogadores e treinadores que trabalhei. Depois que parei de jogar, passei a observar e trocar experiências de uma outra forma de quando eu era jogador, que é um mundo de muita disputa e de muita competição", compara o ex-atleta que começou no Coritiba, mas vestiu também as camisas de Palmeiras, Parma-ITA, Flamengo, Cruzeiro e Fenerbahçe-TUR. 

Tudo que ele podia fazer foi feito para iniciar a carreira de treinador. Agora falta a primeira oportunidade, e Alex sabe que não será tarefa fácil. "Onde começar é algo bem interessante de se estudar. Vou conversar com os clubes para saber se têm interesse que eu trabalhe. Meu currículo é zero. Quem me contratar vai ter que confiar naquilo que eu apresentar nesse papo. Me preparei, estudei e agora é o momento de fazer a coisa funcionar, de dar certo, com a ilusão de que posso estar neste meio tendo uma carreira produtiva e longa", projeta o novo técnico do futebol brasileiro. 

Planos futuros

Em primeiro lugar, Alex, que pendurou as chuteiras em 2014, projetou e estudou para ser treinador, missão que ele espera colocar em prática já no próximo ano. Mas, antes mesmo de a nova etapa começar, o ex-jogador já olha um pouco mais adiante e não descarta se tornar um cartola. 

"Dirigente lida com contratos, parte política, dinheiro, lida com muita gente exta futebol. Minha pretensão no momento é de lidar com futebol, bom bola, com vestiário, com jogadores. É possível que esse seja um segundo passo após ser treinador, mas não neste momento", explica.

 

 

 

 

 

 

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000