Daniel Ottoni
@dottoni
08/08/20
17h00

Dados em tempo real

Tecnologia mineira chamou atenção de gigante suíça Omega antes da Rio 2016

Empresa de Belo Horizonte fez trabalho conjunto com referência do setor no evento-teste em 2016, entregando produto que até então não estava disponível

Cronometragem de tempos é uma das especialidades do sistema — Foto: Divulgação
Daniel Ottoni | @dottoni
08/08/20 - 17h00

A 'mão na roda' que se tornou a tecnologia para diversas entidades não poderia ficar de fora do esporte. A gestão de resultados e vários tipos de processos facilita o trabalho de várias entidades e uma empresa mineira, de Belo Horizonte, aparece como alternativa. 

O trabalho de gerenciamento da Bigmidia começou com atletas das modalidades aquáticas e hoje já atua em algumas das mais importantes confederações esportivas do Brasil, como Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos, Confederação Brasileira de Ginástica, Confederação Brasileira de Handebol, Confederação Brasileira de Taekwondo e Confederação Brasileira de Canoagem.

Uma das certezas do bom trabalho aconteceu no evento-teste da Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016, quando a empresa recebeu abertura para trabalho de integração com a gigante suíça Omega, responsável pela cronometragem olímpica desde os Jogos de 1932. "Eles têm todo o conjunto de soluções e não tinham trabalhado com ninguém neste processo de integração. Conseguimos apresentar o nosso sistema e a aceitação foi boa porque tínhamos a solução pronta para o que eles precisavam. Um dos coordenadores técnicos da Olimpíada disse que não se lembrava da Omega ter atuado ao lado de outra empresa como aconteceu naquela oportunidade", destaca Daniel Alves de Carvalho, proprietário da Bigmidia. 

"A tecnologia de cobertura deles dependia de instalação de softwares no computador de quem acompanhava o evento. Isso possibilitou, por exemplo, mostrar em televisões os tempos para os atletas que se preparavam para competir, algo que eles não tinha disponível. O cronômetro e as parciais de cada atleta apareciam de forma instantânea na tela do pessoal do mundo inteiro que acompanhavam o evento", explica Daniel. 

Informações primordiais

A ideia do sistema é ter transparência e atender demandas da sociedade e da comunidade esportiva, com parâmetros determinados pela Secretaria Especial do Esporte, pela Lei Pelé e pelo Comitê Olímpico do Brasil.

“O SGE é uma plataforma de gerenciamento esportivo completamente inovadora, decisiva para que as entidades obtenham saltos em desempenho administrativo e eficiência. A Bigmidia entende a gestão do esporte e oferece a tecnologia capaz de potencializar os processos”, garante a ex-atleta medalhista olímpica Natália Falavigna, coordenadora de Seleções da Confederação Brasileira de Taekwondo. 

Caminho sem volta

Quem conviveu com uma outra estrutura e disponibilidade de informações sabe bem o valor de ter os dados disponível em tempo real para servir de parâmetro para ações e novas metas. "Nas competições, a Bigmidia gerencia toda a parte técnica. Os árbitros registram as notas dos saltos em tablets. O sistema calcula automaticamente e os resultados são disponibilizados online, em tempo real. Esses resultados são também inseridos no banco de dados. O mesmo processo é realizado tanto em competições nacionais como nas regionais. Dessa forma, os treinadores das seleções podem acompanhar o surgimento de jovens talentos promissores em qualquer estado da Federação. Essa é apenas uma dentre uma infinidade de possibilidades propiciada pelo sistema”, declara Ricardo Moreira, presidente da Saltos Brasil (Confederação Brasileira de Saltos Ornamentais).  

 

Escreva um comentário
Comentar

Ver todos
Fechar
Log View
Vem ser Premium!
Seja Premium
Salve matérias
Você poderá salvar as matérias para ler quando e onde quiser.
Matérias Premium
Veja as matérias exclusiva para usuários premium.
Notificações
Receba notificações de novas matérias do seu time do coração.
Av. Babita Camargos, 1645 - Contagem Minas Gerais - CEP: 32210-180
+55 (31) 2101-3000