FIQ 2015

Faísca ocupa o baixo centro 

Integrando a programação do Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ), feira independente encerra temporada do ano no viaduto Santa Tereza

Por LUCAS SIMÕES
Publicado em 14 de novembro de 2015 | 03:00
 
 
 

Criada há seis meses como a primeira feira periódica de publicações independentes em Belo Horizonte, a Faísca – Mercado Gráfico expande o seu raio de atuação, ao integrar pela primeira vez a programação oficial do Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ). O evento, que marca o encerramento da temporada 2015 da feira, acontece neste sábado (14), em edição especial realizada no viaduto Santa Tereza.

Com a intenção de integrar o maior festival de quadrinhos da América Latina à principal feira independente da cidade, a parceria vai reunir os 45 expositores da Faísca, entre quadrinistas, ilustradores, escritores, designers, fotógrafos e artistas de rua. No baixo centro, eles vão expor os seus trabalhos, como livros e HQs, a um público estimado de pelo menos 10 mil pessoas – o dobro do que a feira consegue atrair para suas edições, realizadas mensalmente, desde junho deste ano, no espaço BDMG Cultural.

A expectativa é que a parceria entre o FIQ e a Faísca dê mais impulso para que trabalhos alternativos cresçam e sejam consumidos por novos públicos. “Vai ser basicamente a mesma coisa que fazemos no BDMG, mas agora no viaduto Santa Tereza, que tem uma importância simbólica nesse contexto”, diz Helen Murta, da Pulo Comunicação, idealizadora da Faísca.

Para Jão, artista gráfico criador da Faísca, essa também é uma chance de colher frutos e revelar tanto aos artistas quanto ao público novas formas de distribuição da arte. Um exemplo que ele levará para o público ver de perto é o seu recém-lançado livro “Baixo Centro” (Editora Miguilim”), o primeiro registro em quadrinhos sobre a efervescência do viaduto Santa Tereza e adjacências. “Foi importante registrar essa história, assim como foi importante a parceria com uma editora, que me deu total liberdade para criar. É um pouco do que queremos passar dentro do FIQ: que podemos fazer e escoar nossas próprias produções”, diz Jão.

Oficina. Como complemento da última edição da Faísca em 2015, a artista gráfica Ana Paula Garcia vai ministrar gratuitamente a oficina “Introdução à Encadernação: Possibilidades e Técnicas Expressivas no Papel”, a partir das 14h. Na prática, os participantes vão elaborar uma publicação de brochura com costura americana e capa flexível e entender sobre as possibilidades de acabamentos produzidos apenas com papel.

 

Agenda

  • O QUÊ. Faísca – Mercado Gráfico no Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ)
  • ONDE. Viaduto Santa Tereza (rua Aarão Reis, em frente à Serraria Souza Pinto, centro)
  • QUANDO. Hoje, com programação das 11h às 19h
  • QUANTO. Acesso gratuito

Notícias exclusivas e ilimitadas

O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo profissional e de qualidade.

Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Fique bem informado!